Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Segunda, 29 de Novembro de 2021 - 11:10

José Pedro Guerreiro Bartolomeu

por Bruno Leite / Lula Bonfim

José Pedro Guerreiro Bartolomeu
O presidente da concessionária de rodovias ViaBahia, o português José Pedro Guerreiro Bartolomeu, culpou a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) pela interrupção dos investimentos nas estradas federais geridas pela empresa. De acordo com o gestor, em entrevista ao Bahia Notícias, a agência não cumpriu com a obrigação contratual de realizar revisões quinquenais (a cada cinco anos), provocando um desequilíbrio financeiro nas gestões das BRs 116 e 324.

Leia mais

Segunda, 22 de Novembro de 2021 - 11:10

Abílio Santana

por Bruno Leite

Abílio Santana
Presidente municipal do Partido Liberal em Salvador, o deputado federal Abílio Santana acredita que o próximo pleito terá uma sigla fortalecida. Com a chegada do presidente Jair Bolsonaro ao partido, a perspectiva do dirigente é de que novos nomes também passem a integrar o quadro de políticos que carregam o número 22 junto aos seus nomes nas urnas. Em Brasília por ocasião da convenção de dirigentes regionais que definiu os pormenores e cortou as arestas da quase crise antes do anúncio da filiação de Bolsonaro (veja aqui), Santana concedeu entrevista ao Bahia Notícias e garantiu que, apesar da falta de penetração de Bolsonaro no gosto do nordestino ele, tem, "no mínimo, 30% dos votos" do eleitorado baiano. 

Leia mais

Segunda, 08 de Novembro de 2021 - 11:10

João Roma

por Anderson Ramos

João Roma
Mesmo com a conturbada e apertada aprovação em primeiro turno da PEC dos Precatórios pela Câmara dos Deputados na madrugada da última quinta-feira (4), e a previsão de dificuldades no Senado, o ministro da Cidadania, João Roma (Republicanos-BA) acredita que a PEC, principal alternativa do governo federal para viabilizar o pagamento de R$ 400 para os beneficiários do Auxílio Brasil – programa que substituiu o Bolsa Família -, será promulgada pelo Congresso.

Leia mais

Segunda, 01 de Novembro de 2021 - 11:10

Otto Alencar

por Mauricio Leiro

Otto Alencar
"Ressaca de uma guerra". Essa é a sensação revelada pelo senador Otto Alencar (PSD) após a CPI da Covid-19. Segundo Otto, a comissão foi um marco histórico e mostrou para o mundo sobre uma realidade vivida no Brasil. Além disso, o senador pontuou que o grupo de parlamentares virou os holofotes para a compra de vacinas contra a infecção por parte do governo federal. "A marca da CPI é essa, mostrou que o ministério da saúde estava desorientado, deixa essa lembrança de um grupo de senadores e senadoras que se esforçaram muito para estabelecer critérios e evitar mortes. Depois da vacinação os casos diminuíram e os óbitos também. Primeira vez que uma CPI chama atenção do mundo. Eu nunca imaginei que pudesse dar entrevista para a Alemanha, Portugal, França e Inglaterra. Ela chamou atenção do mundo, e mostrou um presidente obtuso, insensível, que não é fraterno. Negou a ciência, a vacina e pela primeira vez um presidente receita um medicamento ineficaz", disse.  Otto também projetou uma análise dedicada à questão econômica no pós-pandemia e no acompanhamento para os indiciados no relatório final da CPI. "Eu achei que ele vai dar seguimento e nós vamos aprovar a criação de uma frente no Senado, que será um observatório dos desdobramentos para acompanhar os processos. Até porque, a duração da vacina, a imunidade, é em torno de 8 a 14 meses, quem tomou em março, tomará em janeiro. O governo vai ter que continuar comprando até encontrar uma solução de longo prazo. Vamos acompanhar de perto essa situação. Nós temos como, se observarmos que não haverá desdobramentos, temos como fazer uma ação penal subsidiária contra o procurador, aquele que tiver a responsabilidade de fazer as denúncias", comentou. Confira:

Leia mais

Segunda, 25 de Outubro de 2021 - 11:10

Tereza Paim

por Mari Leal

Tereza Paim
À frente da pasta estadual da Saúde desde a saída de Fabio Vilas-Boas, Tereza Paim, em entrevista ao Bahia Notícias, traçou um panorama das ações governamentais diante da crise sanitária, classificando como exitosas. A Bahia vive atualmente um momento de redução dos índices epidemiológicos, assim como na ocupação de leitos de UTI Covid-19, utilizados em manifestações graves da doença, e leitos clínicos. A secretária interina reconhece o momento atual como resultado, sobretudo, do avanço da vacinação. Ela, no entanto, prega cautela quando o assunto são grandes aglomerações, a exemplo do tradicional Carnaval de Salvador. “As pessoas estão começando a ter uma certa comodidade e achar que o vírus não está circulando. Não é isso”, diz. Segundo Tereza Paim, uma festa desse porte, aberta a visitantes de outros estados e países, pode criar uma ambiente de “incubadora” de novas variantes. Ao BN, Tereza Paim comenta ainda a relação com o Ministério da Saúde na compensação de vacinas e no repasse de medicamentos, o legado da pandemia, entre outros assuntos.

Leia mais

Segunda, 18 de Outubro de 2021 - 11:10

João Carlos Oliveira

por Gabriel Lopes

João Carlos Oliveira
No comando da Secretaria estadual da Agricultura, Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura há quatro meses, João Carlos Oliveira destaca que a Bahia reúne condições favoráveis para o desenvolvimento da agricultura. Segundo o titular da Seagri, a presença de luminosidade ao longo do ano e áreas que permitem a expansão do setor são pontos que permitem o crescimento no estado. "Mas a Bahia é um estado que tem todas as condições favoráveis para a agricultura, luminosidade o ano todo, temos área ainda para expandir a agricultura, e percentual grande no solo que pode ser mecanizado", afirmou o secretário em entrevista ao Bahia Notícias.

Leia mais

Segunda, 04 de Outubro de 2021 - 16:10

Mauro Menezes

por Jade Coelho / Anderson Ramos

Mauro Menezes
As informações revelados pela ‘Pandora Papers’, feita por diversos veículos de comunicação ao redor do mundo, incluindo o Brasil, sobre as empresas offshore em paraísos fiscais do ministro da Economia Paulo Guedes e o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, precisa ser investigado, na opinião de Mauro Menezes, o ex-presidente da Comissão de Ética Pública da Presidência da República, entre os anos de 2016 e 2018

Leia mais

Segunda, 20 de Setembro de 2021 - 11:10

Fabrizzio Muller

por Jade Coelho / Mauricio Leiro

Fabrizzio Muller
A solução definitiva para a condução da bacia de transporte já ocupada pela CSN pode estar mais perto. De acordo com o secretário de mobilidade de Salvador (Semob), Fabrizzio Muller, a prefeitura pretende "distribuir as linhas da CSN para outros contratantes”. “Isso está na reta final, acho que nas próximas semanas teremos novidades”, comentou Muller ao Bahia Notícias. Muller também ressaltou que o cenário do transporte público na capital baiana é de dificuldade. “Salvador não entra com subsídios diretos. O que custeia é o valor pago pelo usuário, na pandemia com a queda temos um forte desequilíbrio. Em Salvador tivemos uma redução de 60% dos passageiros e assim não permitimos que as concessionárias retirassem os ônibus. É um desequilíbrio nos contratos e gerou uma crise muito forte. Interrompeu um processo de renovação de frota”, disse.

Leia mais

Segunda, 13 de Setembro de 2021 - 11:10

Lídice da Mata

por Mari Leal / Mauricio Leiro

Lídice da Mata
Pessoalmente, os planos da deputada federal e presidente estadual do PSB da Bahia, Lídice da Mata, é garantir a reeleição para a Câmara Federal. A postura, no entanto, não tira por completo o PSB de uma espécie de ‘stand by’ em relação à composição da chapa oriunda da base aliada, que deverá buscar a sucessão do governador Rui Costa. Em entrevista ao Bahia Notícias, Lídice garantiu que “se o cavalo passar selado”, a legenda não se esquivará de compor a majoritária. Vale ressaltar que, em uma eventual vitória do atual senador Jaques Wagner, a legenda liderada pela parlamentar ocupará uma cadeira no Senado. Assumiria o lugar de Wagner o atual vice-prefeito de Ilhéus e ex-deputado federal, Bebeto Galvão. Também avalia ainda as condições em torno do fortalecimento do impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), sobretudo após os atos de 7 de setembro, os quais aprofundaram os conflitos entre os Poderes constituídos.

Leia mais

Segunda, 06 de Setembro de 2021 - 11:10

Olívia Santana

por Gabriel Lopes

Olívia Santana
Atuante em movimentos negros e presidente da Comissão dos Direitos das Mulheres na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), a deputada Olívia Santana (PCdOB) atribui os dados de violência contra mulheres negras no estado ao racismo estrutural. Para a parlamentar, essa é uma questão de "necropolítica operando em alta". "Na Bahia, talvez seja ainda mais forte que todo o Brasil. Os níveis de condições de vida da população negra sempre foram muito baixos, historicamente, de exclusão nos espaços de poder, nos empregos de alto prestígio social e econômico, nós também temos uma grave sub-representação negra. O que mostra quão profunda é a invisibilidade e subalternizada a população negra no nosso estado. Há um descarte crônico, a população negra está sempre sobre representada nos indicadores mais baixos", disse Olívia em entrevista ao Bahia Notícias.

Leia mais

Histórico de Conteúdo