Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Empresário revela sondagem do Bahia pelo atacante Léo Ceará
Foto: Enaldo Pinto / Ag. Haack / Bahia Notícias

Vice-artilheiro da Série B com 14 gols marcados, o atacante Léo Ceará, do Vitória, não irá permanecer no Rubro-negro ao fim da competição nacional. Ainda sem um destino definido, o jogador teve diversas sondagens, de acordo com o empresário do atleta, Bruno Ferreira. Em entrevista ao Jornal Correio*, o agente revelou que o Bahia foi um dos clubes a consultar a situação do atleta.

 

"Muitos. Palmeiras, Bahia, Ceará, Fortaleza, clubes do Japão, Portugal e Emirados Árabes. Não assinou porque sabemos que iremos conseguir algo melhor para o atleta. Léo está fazendo gols e será o artilheiro da Série B" disse. 

 

"Vamos fechar o que for melhor para Léo. Fizemos um projeto de carreira para ele e está dando tudo certo", completou.

 

Com 25 anos de idade, Léo Ceará foi revelado pelo Vitória e já passou por FC Ryukyu (Japão), Campinense, Confiança e CRB. 

Sexta, 15 de Janeiro de 2021 - 13:45

Vasco x Bahia: CBF muda horário da partida; mais duas rodadas são detalhadas

por Ulisses Gama

Vasco x Bahia: CBF muda horário da partida; mais duas rodadas são detalhadas
Foto: Rafael Machaddo / EC Bahia

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) mudou na última quinta-feira (14) o horário do jogo entre Vasco e Bahia, válido pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. O duelo, que aconteceria às 18h15 do dia 31 de janeiro, foi antecipado para 16h.

 

De acordo com a entidade, a mudança ocorreu por pedido do Grupo Globo, que fará a transmissão televisiva da partida. 

 

As duas equipes envolvidas brigam contra o rebaixamento na competição. Enquanto o Tricolor é o 17º, com 29 pontos, o cruz-maltino tem 32 pontos e está no 15º lugar. 

 

MAIS DUAS RODADAS DETALHADAS

 

A CBF também detalhou as rodadas 34 e 35 do Brasileirão. Nas duas datas, o Esquadrão de Aço jogará em casa contra Fluminense e Goiás, respectivamente. A partida contra o Tricolor das Laranjeiras será no dia 3 de fevereiro, às 21h30. Já o encontro com o Esmeraldino está marcado para 6 de fevereiro, às 19h.

Luiz Flávio de Oliveira apita Bahia x Athletico Paranaense
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) designou o árbitro Luiz Flávio de Oliveira, da Fifa, para apitar o jogo entre Bahia e Athletico Paranaense na próxima quarta-feira (20), às 18h, na Arena Fonte Nova, em jogo válido pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. 

 

O juiz será auxiliado por Danilo Ricardo Simon Manis e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa. No árbitro de vídeo, Jose Claudio Rocha Filho será o comandante e terá o apoio de Thiago Duarte Peixoto e Fabricio Porfirio de Moura. Com a exceção do quarto árbitro baiano Edvalter Marinho dos Santos, toda a equipe é de São Paulo. 

 

Na briga para fugir do rebaixamento, o Bahia está no 17º lugar da competição nacional, com 29 pontos. Já o Athletico está no 11º lugar, com 38. 

O que resta ao torcedor do Bahia é 'crer que o time pode mudar', diz Matheus Barbaço
Foto: Reprodução / YouTube Sou Mais Bahia

“Esperançoso, porém preocupado”, foi como Matheus Barbaço, influenciador e produtor de conteúdo no canal Sou Mais Bahia, descreveu que está se sentindo como torcedor do Bahia neste momento. Em entrevista ao programa BN na Bola da Rádio Salvador FM 92.3, com apresentação de Emídio Pinto, Glauber Guerra e Ulisses Gama, Matheus Barbaço comentou sobre a situação do Tricolor, os problemas que o time está enfrentando e falou do seu trabalho entre torcedor e formador de opinião.

 

“Vejo com muita preocupação [a situação da equipe], acho que as coisas acabaram desandando e isso não é de agora, essa fase ruim do Bahia”, comentou o influenciador. “Estou muito preocupado porque a atuação vai muito além de uma questão técnica. [...] O time trocou de técnico três vezes e não andou ainda, então não são só os requisitos técnicos e táticos. Falta entrega dos jogadores e quem está a frente precisa de mais competência”, completou.

 

 

Matheus Barbaço ainda explicou o motivo que, na sua opinião, fez o Bahia chegar na situação atual: de um time que vinha fazendo uma boa campanha até o início do ano passado e que hoje está na briga para não ser rebaixado para a Série B. 

 

“O grande problema ao longo desse processo foi a falta de iniciativa”, posicionou o torcedor. “É uma série de fatores, mas, principalmente, a competência em termos técnicos de gestão e de administração. Os trabalhos de Bellintani são inegáveis, até os mais críticos torcedores, fazendo comentários de forma construtiva ou não, reconhecem um bom trabalho dele”, justificou. “Mas muitos mandatários se cercam de pessoas que entendem mais da função, já possuem experiência e acho que faltou essa iniciativa para o Bellintani”, explicou o influenciador. 

 

Mesmo com a equipe brigando para se manter na elite do Campeonato Brasileiro, ele reforça que ainda tem esperanças das mudanças que o time está passando enquanto investe em melhores resultados. “Acho que nada se impõe sobre um trabalho bem feito. Dado Cavalcanti é competente e tem ainda muito o que corrigir. Eu espero que não seja tarde demais”, pontuou. 

 

Recém formado em Comunicação Social com habilitação em Relações Públicas, Matheus Barbaço comentou sobre o trabalho que vem fazendo com o canal no YouTube Sou Mais Bahia, explicando como surgiu o projeto e como está sendo lidar com a produção de conteúdo sobre o Esquadrão de Aço na briga pelo distanciamento do Z4. 

 

“Eu comecei muito jovem a acreditar no YouTube e com o simples intuito de aproximar o torcedor do Esporte Clube Bahia”, declarou. “A gente via como os veículos de fora tinham dificuldade de informar com profundidade e deixavam a gente no esquecimento e aproximar esse torcedor de fora do estádio, que já muito tempo que não frequenta, ou nunca teve essa oportunidade, é o que a gente proporciona”, explanou o produtor do canal, que possui mais de 88 mil inscritos, além de mais de 70 mil seguidores no Instagram. 

 

Questionado sobre como é ter o papel de informar e estar em contato com a torcida do Tricolor em um momento ruim da equipe, Matheus Barbaço contou como está sendo o trabalho e o que mudou desde o início do canal.

 

“Eu não sofro sozinho, mas é um sofrimento de torcedor que é potencializado. Primeiro você já vê o jogo numa tensão maior, não só porque o time não está no momento bom, mas por ter que dizer após o jogo que o time não está num momento bom. Mas é preciso tentar ser mais imparcial e racional e eu evoluí muito nesse sentido”, explicou o idealizador do Sou Mais Bahia, que existe desde 2016.

 

"Não é uma missão fácil não, torço para que a gente consiga um triunfozinho aí para ajudar”, brincou o produtor sobre o trabalho. “Agora que chegou o momento ruim, é fazer o que todo torcedor do Bahia sabe fazer que é crer que que o time pode mudar”, completou o influenciador.

Quinta, 14 de Janeiro de 2021 - 18:15

Reunião com Bellintani e trabalho tático marcam tarde de treino no Bahia

por Ulisses Gama

Reunião com Bellintani e trabalho tático marcam tarde de treino no Bahia
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC. Bahia

O elenco do Bahia voltou a treinar na tarde desta quinta-feira (14) de olho no jogo contra o Athletico Paranaeense. A partida, válida pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro, nserá na próxima quarta-feira (20), às 18h, na Arena Fonte Nova.

 

Inicialmente, o grupo fez uma atividade na academia com os fisioterapeutas José Dourado Neto e Thiago Teixeira.

 

Na sequência, os jogadores se reuniram para uma longa conversa com o presidente Guilherme Bellintani e Vitor Ferraz. Após a conversa com a diretoria, o técnico Dado Cavalcanti comandou um treino coletivo com a equipe que começa a partida.

 

Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

 

Recuperados da Covid-19, o volante Patrick de Lucca e o meia Rodriguinho treinaram a parte física junto com o zagueiro Lucas Fonseca, o lateral João Pedro, o volante Elton e o atacante Edilson.

 

O grupo volta a treinar nesta sexta-feira (15), às 15h, novamente no CT.

Quinta, 14 de Janeiro de 2021 - 15:45

Ramon cita troca de técnicos e aponta que mudança no Bahia tem que partir do elenco

por Ulisses Gama

Ramon cita troca de técnicos e aponta que mudança no Bahia tem que partir do elenco
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

Com oito partidas sem vencer e dentro da zona de rebaixamento, o Bahia vive uma fase difícil no Campeonato Brasileiro. Preocupado com a situação, o torcedor se pergunta o que é preciso mudar para salvar o Tricolor de um descenso.

 

Na opinião do meio-campista Ramon, a mudança tem que ser da postura do elenco. Ao falar sobre o tema, o jogador lembrou que três técnicos já comandaram a equipe na competição: Roger Machado, Mano Menezes e Dado Cavalcanti, além do interino Cláudio Prates.

 

"O que tem que ficar visível para a gente do elenco é que se trocou de treinador três vezes. Não é treinador. É algo que vem da gente que está no campo, depende da gente que está jogando. O Dado vai dar todo auxílio, montar a estratégia. Mas, tem que vir da gente para conseguir os objetivos", disse.

 

O jogador acredita que o grupo tem evoluído, mas é preciso acertar detalhes para voltar a sorrir com os três pontos

 

"Cara, acho que estamos vindo em evolução, é nítido. Isso está visível, que estamos crescendo. São detalhes que precisamos corrigir para que os três pontos venham de uma forma ou de outra", indicou.

 

Com nove rodadas para o fim do certame, Ramon indicou o espírito de encarar os jogos como finais, principalmente pelo fato dos confrontos diretos estarem diante do time. 

 

"A gente tem que encarar todos os jogos como finais. O espírito é esse. Ainda mais com equipes de confronto direto. Temos que vencer de qualquer jeito ou não deixar ganharem da gente. é somar pontos, ganhar dos concorrentes diretos para sair dessa situação", projetou.

 

O Bahia está na 17ª posição da competição nacional, com 29 pontos.

STJD abre inquérito para apurar acusação de Gerson contra Ramírez
Foto: Delmiro Junior/Photo Premium/Folhapress

A Procuradoria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) solicitou na última quarta-feira (13) a abertura de inquérito para apurar a denúncia de injúria racial do meia Juan Ramírez, do Bahia. O jogador foi acusado por Gerson, do Flamengo, no jogo entre as duas equipes no último dia 20 de dezembro, pelo Campeonato Brasileiro. 

 

De acordo com o STJD, na notícia de infração impetrada pelo Flamengo no STJD, Gerson afirmou que o zagueiro Natan, seu companheiro de equipe, ouviu a injúria racial. No dia seguinte, Ramírez negou veementemente que tenha cometido tal ato e alegou ter sido mal interpretado, já que é colombiano e não domina a língua portuguesa.

 

Para apurar conduta discriminatória prevista no artigo 243-G do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), a Procuradoria sugeriu escutar Gerson e Juan Ramírez, além do zagueiro Natan, o atacante Bruno Henrique, o técnico Mano Menezes, a colheita da súmula do jogo, além das imagens e áudios disponíveis.

 

Responsável pela condução do inquérito, o auditor Maurício Neves Fonseca terá o prazo de quinze dias para a conclusão do inquérito. Esse período pode ser prorrogado por igual período a depender da evolução do caso.

Departamento de comunicação do Bahia é indicado em prêmio internacional
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC. Bahia

O departamento de comunicação do Bahia está na final do Samba Digital Awards, premiação latino-americana promovida pela agência Samba Digital, filiada nos Estados Unidos e com atuação na Ásia. O anúncio aconteceu na última terça-feira (12) e contava com mais de 100 campanhas digitais.

 

Indicado na categoria Ação Social, o Tricolor foi escolhido por conta do vídeo "Imagine um isolamento social por anos", que tratou do preconceito contra o público LGBTQI+. 

 

A votação será realizada por um júri especializado, formado por membros de clubes e entidades como Fifa, Federações Inglesa e Francesa de Futebol, Liverpool, Tottenham, Bayern de Munique, Lyon, entre outros. Profissionais de marketing e jornalistas de Brasil, Argentina, Chile e Peru também vão participar.

 

Relembre a campanha feita pelo Bahia:

 


 

Quarta, 13 de Janeiro de 2021 - 18:05

Recuperado da Covid-19, Rodriguinho volta a treinar no Bahia

por Ulisses Gama

Recuperado da Covid-19, Rodriguinho volta a treinar no Bahia
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC. Bahia

O elenco do Bahia voltou a treinar nesta quarta-feira (13) no CT Evaristo de Macedo e a atividade contou com uma boa notícia para o técnico Dado Cavalcanti. Recuperado da Covid-19, o meia Rodriguinho fez uma atividade de forma separada com o atacante Saldanha, que se recuperou de uma lesão no joelho.

 

De olho no jogo contra o Athletico Paranaense na próxima quarta-feira (20), o grupo iniciou as atividades com um trabalho físico na academia do clube. 

 

Na sequência, em campo, o comandante tricolor orientou um trabalho de ataque contra defesa. Neste trabalho, o principal foco foi nos ajustes de posicionamento dos defensores.

 

Fora da atividade, o volante Elton e o atacante Edilson fizeram uma atividade física com o preparador físico Roberto Nascimento.

 

O grupo continua a preparação para o jogo na tarde desta quinta (14), às 15h, novamente no CT.

Quarta, 13 de Janeiro de 2021 - 12:15

'Volto como profissional', diz Caio Mello em retorno ao Bahia

por Ulisses Gama

'Volto como profissional', diz Caio Mello em retorno ao Bahia
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

Após ser emprestado ao Joinville, o volante Caio Mello está de volta ao Bahia para compor o time de transição que disputa o Campeonato Baiano. Com uma experiência longe do clube que o revelou, o jovem atleta garantiu em entrevista que volta ao CT Evaristo de Macedo com o status de profissional.

 

"Estava falando até com o Mayk... Aqui me sinto em casa. Fui muito bem recepcionado. Volto mais maduro, não mais como aquele menino da base, e sim como profissional. Estou muito feliz em estar de volta", disse.

 

Questionado sobre a experiência em Santa Catarina, Caio apontou a passagem como positiva. Pelo Joinville, ele disputou a Série D do Campeonato Brasileiro.

 

"No início foi difícil, mas era um grupo muito bom, muito tranquilo. Tive uma experiência boa, 10 jogos como titular. Foi uma experiência muito boa", indicou.

 

Caio Mello também valorizou o projeto do time de transição e destacou a importância com a intregração dos jogadores do time sub-20, que tiveram uma grande participação na Copa do Brasil sub-20.

 

"Integração muito boa, principalmente pelos garotos estarem bem, estava torcendo e acompanhando. É um projeto que temos que valorizar. Ano passado alguns do sub-23 estão no profissional e sempre torci por eles, independente de ter saído", indicou.

 

O Bahia começa a busca pelo tetracampeonato estadual no próximo dia 21 de fevereiro, contra a Juazeirense.

Histórico de Conteúdo