Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Sexta, 14 de Dezembro de 2018 - 17:20

Ednaldo Rodrigues e Wilson Paim são homenageados pela arbitragem da Bahia

por Leandro Aragão / Glauber Guerra

Ednaldo Rodrigues e Wilson Paim são homenageados pela arbitragem da Bahia
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias

O presidente de honra da Comissão Estadual dos Árbitros de Futebol da Bahia (Ceaf-BA), Wilson Paim, e o mandatário da Federação Bahiana de Futebol (FBF), Ednaldo Rodrigues, foram homenageados nesta sexta-feira (14) pela arbitragem do estado. Paim tem 75 anos e pendurou a bandeirinha em 1998, após trabalhar em mais de 1.200 jogos profissionais. Já Ednaldo deixará a presidência da FBF em janeiro do ano que vem e abril tomará posse como um dos vice-presidentes da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Mais cedo, o juiz Jailson Macedo de Freitas foi lembrado pela entidade que comanda o futebol nacional por apitado mais 100 partidas na Série A do Campeonato Brasileiro (relembre aqui).

 

"Isso que é importante dessas homenagens feitas. Sabemos que outras virão aí. Temos como exemplo a de Jaílson que fez mais de 100 jogos [pela Série A do Brasileiro]. Então, fico feliz, alegre e sabemos que nossas colegas terão também a homenagem que foi prestada a mim", disse Paim em entrevista ao Bahia Notícias.

 

Wilson Paim também falou da emoção em receber a honraria. "Nós temos a maior alegria por estar recebendo essa placa. Sabemos que a Federação, da presidência Ednaldo Rodrigues, sempre primou pela arbitragem. Mesmo nunca tendo sido árbitro de futebol, mas a arbitragem esteve sempre na vida dele", destacou.


Foto: Max Haack/ Ag. Haack/ Bahia Notícias

Paim ainda relembrou a sua trajetória no futebol. "São 55 anos de futebol. Eu comecei no campo da Graça, depois Fonte Nova... Daí em diante, foram muitos jogos. Trabalhei na inauguração dos refletores do Barradão", pontuou.

 

Ednaldo Rodrigues elogiou Wilson Paim e comentou sobre a homenagem recebida. "É uma felicidade grande poder receber essa homenagem dos próprios árbitros. Um reconhecimento por tudo que fizemos pela arbitragem. Me sinto feliz, também, por ser homenageado ao lado do meu amigo Wilson Paim, que tem 55 anos de dedicação à arbitragem. Um profissional reconhecido em todo o Brasil, lembrado por todos, e que mereceu essa justa homenagem”, afirmou.

 

Por fim, Ednaldo relembrou de uma partida de futebol em Vitória da Conquista, que contou com o arbitragem de Paim.

 

"Muito antes de ainda nem sonhar em ser presidente um dia, eu joguei futebol amador em Conquista e, me lembro de Wilson Paim como se fosse hoje, num jogo lá em Barra do Choça, a gente jogando lá que era sempre uma guerra essas partidas e Wilson Paim com Jomar Maia foram os árbitros do jogo. Dali a gente viu a competência dele em campo, isso já tem mais de 40 anos. Na época que não tinha nem cartão”, finalizou.


Foto: Paulo Victor Nadal/ Bahia Notícias

Histórico de Conteúdo