Domingo, 22 de Abril de 2018 - 19:11

Mancini lamenta revés do Vitória, mas valoriza atuação no segundo tempo

por Glauber Guerra

Mancini lamenta revés do Vitória, mas valoriza atuação no segundo tempo
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias

O Vitória sucumbiu diante do Atlético-MG e perdeu por 2 a 1 neste domingo (22), no Independência, em Belo Horizonte (MG), válido pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. O técnico Vagner Mancini, do Leão, admitiu que sua equipe apresentou um futebol ruim no primeiro tempo, mas ele valorizou a atuação na etapa final, apesar da derrota. 

 

“Dois tempos distintos. No primeiro tempo, o Vitória foi mal, não conseguiu fazer a marcação adiantada e também moroso demais na partida, errando muitos passes. Não lembro do último tempo onde a gente tinha jogado tão mal assim. No segundo tempo, não. O Vitória mostrou quem é realmente. Tivemos até mais oportunidades reais de gols que o Atlético-MG, que só teve no fim, quando a nossa equipe estava jogada à frente. Foi um jogo onde o Atlético-MG saiu na frente no primeiro tempo. Fez o segundo gol no momento que a gente errou atrás. O Neilton teve uma grande oportunidade, talvez a mudança repentina no jogo, que daria o empate. Mas, enfim, acho que o segundo tempo foi o retrato do que eu quero do Vitória”, afirmou.

 

O comandante Rubro-negro minimizou as falhas individuais de sua equipe na partida.

 

“Foram falhas de jogo, que normalmente a gente vê no futebol. Lances que a gente orienta, fala. Ricardo Oliveira é excelente definidor de jogadas e não pode estar livre na área, subir no meio dos meus zagueiros. O segundo lance do gol do Atlético-MG, a bola ficou sendo circulada na parte defensiva, até que o Kanu dominou, tentou o passe e perdeu a bola. São lances que acontecem, mas que a gente tem que tentar achar uma maneira de corrigir rapidamente, porque na quarta-feira tem outra partida. E isso atrapalha tudo que a gente pensa em termo de planejamento”, destacou.

 

Com o resultado, o Vitória caiu para a 15ª posição no Campeonato Brasileiro e possui um ponto conquistado.

 

O próximo compromisso do Leão é pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. O time Rubro-negro encara o Corinthians, quarta-feira (25), às 19h30, no Barradão. 

 Série D: Jacuipense empata com o Central e Flu de Feira perde para o Campinense
Foto: Divulgação

Dentro de casa, o Jacuipense ficou no empate em 1 a 1 com o Central, neste domingo (22), na Arena Valfredão, em Riachão do Jacuípe, válido pela primeira rodada da Série D. Eudair abriu o placar para o Leão do Sisal, enquanto Charles deu números finais ao jogo. 

 

Outro time baiano que estreou na Série D neste domingo (22) foi o Fluminense de Feira. Sob forte chuva, o Touro do Sertão encarou o Campinense-PB, em Campina Grande, e não seu de bem. O Flu perdeu por 1 a 0. 

 

Na próxima rodada, o Jacuipense encara o ASA-AL, fora de casa, domingo (29), às 16h, enquanto o Flu de Feira recebe o Flamengo de Arcoverde-PE, no Joia da Princesa, no mesmo dia e horário.

Domingo, 22 de Abril de 2018 - 18:31

Juazeirense perde para o ABC e segue sem vencer na Série C

por Glauber Guerra

Juazeirense perde para o ABC e segue sem vencer na Série C
Foto: Diego Simonetti / Blog do Major

A Juazeirense segue sem vencer na Série C do Campeonato Brasileiro. Em duelo disputado neste domingo (22), contra o ABC-RN, no Frasqueirão, em Natal (RN), o Cancão de Fogo perdeu por 1 a 0. O gol do triunfo potiguar foi anotado pelo atacante Leandrão, aos 44 minutos do primeiro tempo. Um dos destaques da partida foi o goleiro Tigre, que salvou a equipe do interior baiano em pelo menos três oportunidades. A Juazeirense volta a campo no próximo domingo (29), no Estádio Adauto Moraes, em Juazeiro.

Domingo, 22 de Abril de 2018 - 18:18

'A gente fez um primeiro tempo muito ruim', afirma Uillian Correia

por Glauber Guerra

'A gente fez um primeiro tempo muito ruim', afirma Uillian Correia
Foto: Bruno Cantini/ Atlético-MG

O Vitória perdeu por 2 a 1 para o Atlético-MG, neste domingo (22), no Independência, em jogo válido pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. O volante Uillian Correia, do Leão, admitiu que sua equipe esteve abaixo das expectativas no primeiro tempo. Para ele faltou um pouco mais de capricho para sua equipe conseguir pelo menos um empate.

 

“A gente fez um primeiro tempo muito ruim. No segundo, fomos mais consistentes, agredindo mais a equipe do Atlético-MG. Se a gente capricha mais, poderia ter saído daqui, se não com o triunfo, com um empate”, afirmou, em entrevista à Rádio Metrópole FM.

 

O próximo compromisso do Vitória é pela Copa do Brasil. O time Rubro-negro vai pegar o Corinthians, quarta-feira (25), às 19h30, no Barradão, válido pelo jogo de ida das oitavas de final. Correia espera um grande resultado contra a equipe paulista.

 

“Mas agora é descansar, porque tem o Corinthians na quarta pela Copa do Brasil. A gente precisa de um grande resultado”, finalizou.

Domingo, 22 de Abril de 2018 - 18:11

Neilton lamenta revés e foca no Corinthians: 'Não podemos perder a confiança'

por Glauber Guerra

Neilton lamenta revés e foca no Corinthians: 'Não podemos perder a confiança'
Foto: Daniel Teobaldo/ Futura Press/ Estadão Conteúdo

O atacante Neilton, do Vitória, lamentou o revés por 2 a 1 para o Atlético-MG, neste domingo (22), no Independência, válido pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. O camisa 10 pediu foco no duelo contra o Corinthians, pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. A partida acontece na quarta (25), às 19h30, no Barradão.

 

“Tivemos oportunidade de pelo menos empatar, mas é isso. Temos um jogo importante na quarta-feira e agora temos que focar no Corinthians. Não podemos perder a confiança”, disse, em entrevista à Rádio Transamérica FM, de Salvador.

 

Com o resultado, o Vitória permaneceu com um ponto conquistado e agora ocupa a 15ª posição no Campeonato Brasileiro.

Domingo, 22 de Abril de 2018 - 17:52

Fora de casa, Vitória perde para o Atlético-MG por 2 a 1

por Glauber Guerra

Fora de casa, Vitória perde para o Atlético-MG por 2 a 1
Foto: Fernando Moreno/ Futura Press/ Estadão Conteúdo

O Vitória perdeu para o Atlético-MG por 2 a 1, neste domingo (22), no Independência, em jogo válido pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o time comandado pelo técnico Vagner Mancini segue com apenas um ponto conquistado no certame nacional.

 

Agora, o Vitória volta suas atenções para a Copa do Brasil. O Leão encara o Corinthians na quarta-feira (25), às 19h30, no Barradão, pelo jogo de ida das oitavas de final.

 

Pelo Brasileirão, o próximo compromisso é diante do América-MG, segunda-feira (30), às 20h, no Independência. 

 

O jogo
O Atlético-MG iniciou o jogo com a posse de bola e trabalhando no campo de defesa, enquanto o Vitória adotou uma postura mais cautelosa e se fechou em seu campo.

 

Aos dois minutos, Ricardo Oliveira recebeu lançamento de Adílson. O atacante dominou e, da entrada da área arriscou o chute. Porém, a bola foi para fora.

 

Em cobrança de escanteio curto efetuado por Neilton aos 18, a bola chegou em Yago, que mandou na área para Ramon. O zagueiro subiu meio desequilibrado e cabeceou para fora. Porém, um minuto depois, Gustavo Blanco recebeu o passe, fez ótimo cruzamento e mandou para Ricardo Oliveira, que mandou de cabeça para o fundo das redes.

 

O Vitória se lançou mais ao ataque após levar o gol, mas pecou nas finalizações.

 

Segundo tempo:
O Vitória entrou mais determinado ofensivamente na etapa final. Aos sete, Denílson recebeu bom passe de Yago, invadiu a área do Atlético e chutou para fora.

 

O time Rubro-negro continuou apertando. Aos oito, após bate-rebate na área do Galo, a bola escapou das mãos de Victor, Adilson não conseguiu afastar, e ninguém do Vitória conseguiu finalizar com força para o gol.

 

Aos 23, Neilton quase fez um gol de placa. Gustavo Blanco errou o passe, a bola sobrou para Neilton. O camisa 10 avançou, colocou a bola entre as pernas do defensor, e sozinho com Victor, chutou para fora.

 

E aquele ditado surrado de “quem não faz, leva”, entrou em ação. Aos 27, Kanu bobeou, Ricardo Oliveira roubou a bola, avançou pelo lado esquerdo e cruzou para Roger Guedes. Ele se antecipou à marcação e ampliou a vantagem para o Galo.
 

Aos 41,  após cobraça de falta, Alexander Baumjohann disputou de cabeça com Gabriel e o defensor mandou contra o próprio patrimônio. E o jogo terminou com triunfo do Galo por 2 a 1.

 

 

FICHA TÉCNICA
Atlético-MG x Vitória
Campeonato Brasileiro – 2ª rodada
Local: Independência, em Belo Horizonte (MG)
Data: 22/04/2018 (domingo)
Horário: 16h
Árbitro: Grazianni Maciel Rocha (RJ)
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correia (RJ/Fifa) e oão Luiz Coelho de Albuquerque (RJ)
Assistentes adicionais: João Ennio Sobral (RJ) e Rodrigo Carvalhães de Miranda (RJ)
Gols: Ricardo Oliveira e Roger Guedes (Atlético-MG); Gabriel - contra (Vitória)
Cartões amarelos: Ricardo Oliveira, Gustavo Blanco (Atlético-MG) ; Ramon, Uillian Correa e Kanu (Vitória)

 

Atlético-MG: Victor; Patric, Bremer, Gabriel e Fábio Santos; Adilson, Gustavo Blanco, Rómulo Otero (Erik) e Luan (Elias); Roger Guedes e Ricardo Oliveira. Técnico: Thiago Larghi.

 

Vitória: Caíque; José Welison, Kanu, Ramon e Pedro Botelho (Jeferson); Willian Farias (Guilherme Costa), Uillian Correia, Yago (Alexander Baumjohann) e Rhayner; Neilton e Denílson. Técnico: Vagner Mancini.

Domingo, 22 de Abril de 2018 - 17:30

Com os pais na torcida, Martine Grael se despede de Itajaí rumo a Newport

por João Prata | Estadão Conteúdo

Com os pais na torcida, Martine Grael se despede de Itajaí rumo a Newport
Foto: Divulgação

A brasileira campeã olímpica Martine Grael conseguiu matar a saudade de seu país, da família e dos amigos (e tirar o dente do siso) nas últimas duas semanas e neste domingo embarca junto com a equipe holandesa Akzonobel rumo a Newport, nos Estados Unidos, na oitava etapa da Volvo Ocean Race, a regata de volta ao mundo.

 

A largada aconteceu às 14 horas e atraiu um grande número de torcedores no porto de Itajaí. Desde que o acampamento da competição foi montado na região, a cidade parou para acompanhar a chegada dos veleiros e posteriormente passou a frequentar as imediações do grande evento que é a Volvo Ocean Race.

 

A organização do evento ergueu grande acampamento. Cada equipe tinha um contêiner para expor seus produtos, pois são patrocinados por empresas. Também tiveram espaço para contar suas histórias e fazer campanhas, como o caso do barco da ONU que compete de olho na preservação dos oceanos.

 

Em meio às equipes, uma grande tenda foi erguida para receber os principais restaurantes da região e também barracas de bebidas além da exposições de carros e outros produtos da Volvo. Tudo era grandioso e chamou a atenção da população local e dos arredores. Na quinta-feira, quando ocorreu o show do cantor Armandinho, as portas do Centro de Convenções da região precisou ser fechada pois recebeu lotação máxima: cerca de 48 mil pessoas circularam pela festa.

 

Os velejadores passeavam entre os curiosos. Posavam para fotos e iam e vinham em direção ao mar para acertar os últimos preparativos em seus veleiros. Na sexta-feira, houve a "In-Port Race", a regata interna que acontece a cada parada da competição. Ela não vale pontos na classificação geral, mas serve como critério de desempate. O barco espanhol da Mapfre venceu, com o Akzonobel na segunda colocação.

 

A parada em Itajaí também foi de extremo impacto emocional para os velejadores, especialmente quando o barco chinês da Sun Hung Kai/Scallywag chegou ao porto, dias após os demais. O atraso aconteceu por conta de um acidente durante a sétima etapa, que causou a morte do velejador John Fisher. O veleiro chegou sob aplausos de todos que estavam em terra. Houve ainda uma força-tarefa para que a equipe conseguisse arrumar o barco a tempo para a largada deste domingo.

 

CONSELHO DE PAI - Martine Grael, a protagonista da competição nesses dias no Brasil, foi atenciosa com todos e contou nos últimos dias com a presença dos pais Torben e Andrea. Torben conhece muito bem a competição, participou de duas edições e ergueu o troféu de campeão em 2008/2009 como capitão do Ericson 4. Tranquilo como convém a um navegador, ele falou sobre a sensação de ver a filha participando de uma das competições mais duras do iatismo.

 

"Quando está de fora você não pode fazer muito. Fica torcendo para que tudo dê certo. É uma experiência muito enriquecedora para ela", disse. "A gente fica apreensivo em alguns momentos, sabe que acidentes podem acontecer. Mas acredita que vai tudo certo", prosseguiu.

 

Sobre a oitava etapa, ele avisou que deve ser muito mais tranquila do que a última, que ocorreu de Auckland, na Nova Zelândia, até Itajaí e contou com pontuação dobrada devido ao grau de dificuldade. "As condições serão mais mansas do que a última. Não tem o frio, as ondas e o ventão da última, mas é longa. A temperatura é quente, a água é quente também em quase todo o percurso. É uma perna moderada", analisou.

 

A mãe Andrea, que também é velejadora, segue o pensamento parecido com o do marido na linha de Milton Nascimento, do "nada a temer senão o correr da luta e nada a fazer senão esquecer o medo". "Estou muito orgulhosa. Como sou velejadora, entendo o que ela está passando. Estou muito orgulhosa de ver ela fazer essa velejada que eu gostaria de ter feito. Velejo praticamente junto com ela quando estamos em Niteroi. Acompanho todas as informações, as novidades, as condições do tempo. Estou bem feliz com esse momento dela", disse a mãe.

 

O barco Akzonobel, da Martine, está na quarta colocação da classificação geral, mas está em uma crescente na competição. O veleiro vem de três pódios consecutivos. "A equipe se uniu bastante e isso tem sido o mais importante. Coincidência ou não, passamos a ter melhores resultados depois que isso aconteceu. Espero que continue assim", finalizou Martine.

 

Bahia se reapresenta de olho no Botafogo-PB, pela Copa do Nordeste
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / Bahia

Depois de vencer o Santos por 1  a 0 pelo Campeonato Brasileiro, o elenco do Bahia se reapresentou neste domingo (22) e começou a preparação para enfrentar o Botafogo-PB, na próxima quinta-feira (26), às 21h45, no Almeidão, em João Pessoa (PB), válido pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Nordeste.

 

Os atletas que atuaram por mais de 45 minutos contra o Santos realizaram um trabalho regenerativo na academia, enquanto  o restante time foram a campo e participaram de um treino técnico com bola sob o comando de  Alexandre Faganello, Claudinho Prates e André Luis.

 

Em fase final de recuperação de um problema no tornozelo, Kayke fez tratamento na fisioterapia, enquanto Jackson realizou um trabalho na academia e após a atividade também se dirigiu a fisioterapia.

 

O Bahia volta ao batente na tarde desta segunda (23), a partir das 15h.

Carlinhos retorna ao Vitória da Conquista para a disputa da Série D
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias

Um velho conhecido da torcida do Vitória da Conquista está de volta ao clube para a disputa da Série D. O meia Carlinhos, de 32 anos, que começou a carreira como lateral, acertou o seu retorno ao Alviverde. Ele estava no Sergipe, onde conquistou o campeonato estadual.

 

Carlinhos começou no Atlético Sorocaba-SP e acumula passagens pelo Santos, Remo, Ituano, Makedonija (Macedônia), River-PI, Jacuipense, Águia de Marabá, River-PI, entre outros. No Vitória da Conquista, ele atuou em 2008, 2009, 2010, 2011, 2012, 2013, 2014 e 2016.

 

O Vitória da Conquista estreia na Série D contra o Treze-PB, segunda-feira (23), às 20h, no Estádio Lomanto Júnior. Para o confronto, Carlinhos está indisponível, já que ainda aguarda regularização no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF.
 

Domingo, 22 de Abril de 2018 - 15:30

Futebol europeu ajuda seleção de Tite para a preparação da Copa do Mundo

por Ciro Campos | Estadão Conteúdo

Futebol europeu ajuda seleção de Tite para a preparação da Copa do Mundo
Foto: Pedro Martins / MoWA Press

As eliminações de Barcelona e Manchester City na Liga dos Campeões da Europa, o título antecipado do Paris Saint-Germain na França e a fratura no pé direito de Neymar viraram aliados na busca da seleção brasileira pelo hexa na Copa do Mundo da Rússia. A combinação desses acontecimentos pode parecer sem sentido, mas, a apenas um mês de começar a preparação para o torneio, servirá para deixar a maior parte dos jogadores mais descansados.

 

Os resultados das competições na Europa favoreceram o trabalho do técnico Tite. A seleção pode se reunir para iniciar os treinos para a Copa do Mundo na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), no dia 21 de maio, com até 20 convocados presentes e muitos deles sem estarem desgastados em excesso depois do final da temporada, pois os seus times fazem os compromissos finais ou com os títulos garantidos por antecedência ou já sem mais chances.

 

"Sem dúvida esses resultados ajudam a descansar os jogadores", disse ao Estado o preparador físico da seleção brasileira, Fábio Mahseredjian. Em fase final de recuperação de fratura, o atacante Neymar concorda. "Querendo ou não, posso estar machucado, mas estou mais descansado. Isso vai me ajudar para a Copa", disse o jogador durante evento na última semana. O craque da seleção não atua desde fevereiro e é um dos titulares de Tite com menos jogos na temporada: 30.

 

A seleção brasileira comemora a vantagem de poder contar com grande parte dos jogadores a partir dos primeiros dias de preparação para poder realizar exames, identificar possíveis desgastes e tentar harmonizar o estado físico.

 

Se, por exemplo, Renato Augusto virá da China com somente seis partidas oficiais neste ano, o meia Paulinho se apresentará com 45 jogos disputados pelo Barcelona nesta temporada 2017/2018 e quase dois anos sem férias. A reunião dos convocados também será positiva para reforçar o ambiente prévio antes do embarque para a Copa do Mundo.

 

Os resultados na Inglaterra também ajudaram bastante. Apesar de o país ter um calendário desgastante, isso acabou minimizado pelo título antecipado do Manchester City e o encerramento do campeonato uma semana antes das demais ligas europeias. "Quem joga na Inglaterra passa por uma fase de jogos muita pesada. Mas, por outro lado, eles terão uma semana de férias antes da preparação", disse Fábio Mahseredjian.

 

As únicas ausências no início da preparação serão de jogadores que vão disputar a final da Liga dos Campeões, no dia 26 de maio. Marcelo e Casemiro, do Real Madrid; Roberto Firmino, do Liverpool; e Alisson, da Roma, estão na semifinal da competição e podem se apresentar mais tarde à seleção. Possivelmente a chegada será já em Londres, na segunda parte da preparação.

 

Ainda assim, a comissão técnica não tem motivos para lamentar, pois a quantidade de atletas que se somam ao grupo depois do início da preparação poderia ser ainda maior. O semifinalista Bayern de Munique, por exemplo, só tem um brasileiro no elenco, o lateral-direito Rafinha, que não tem sido convocado por Tite.

 

Apenas entre as oitavas e quartas de final da Liga dos Campeões, pelo menos 10 candidatos à vaga na seleção tiveram as suas equipes eliminadas do torneio. Entre elas estavam Paris Saint-Germain e Manchester City, clubes que juntos têm cinco atletas.

 

As rodadas finais dos campeonatos europeus têm poucas decisões pela frente. Na França e Inglaterra, tudo está decidido. Já na Espanha e na Itália, a conquista está encaminhada para Barcelona e Juventus, respectivamente. "Ter menos jogos decisivos nesta fase antes da Copa facilita para a seleção porque alivia o lado emocional. A pressão psicológica pode ser tão cansativa quanto a de exercícios e diminui a capacidade de recuperação muscular", explicou o fisiologista e professor da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), Paulo Zogaib.

 

NEYMAR - A seleção brasileira terá um cuidado diferente com o seu principal jogador. Se para a maioria dos colegas dele a preocupação é com o desgaste, com Neymar o foco será dar ritmo de jogo a quem completará quase três meses parado em recuperação de uma fratura. "Não tenho tanta preocupação quanto ao aspecto físico dele, mas sim com o ritmo de jogo. Vamos fazer ainda dois amistosos na preparação para a Copa. Acredito que ele possa adquirir ritmo justamente nesses dois jogos", afirmou o preparador físico da seleção.

 

Domingo, 22 de Abril de 2018 - 14:30

Marco Antônio vibra com triunfo sobre o Santos: 'A gente trabalhou para caramba'

por Glauber Guerra

Marco Antônio vibra com triunfo sobre o Santos: 'A gente trabalhou para caramba'
Foto: Romildo de Jesus/ Ag. Haack/ Bahia Notícias

O Bahia superou o Santos por 1 a 0, no último sábado (21), na Arena Fonte Nova. O gol do triunfo só aconteceu aos 49 minutos do segundo tempo, anotado pelo atacante Júnior Brumado. O meia Marco Antônio não escondeu a felicidade pelo resultado positivo.

 

“Graças a Deus. A gente trabalhou para caramba e foi coroado com o gol”, disse o jogador, em entrevista à Rádio Itapoan FM.

 

O próximo compromisso do Bahia é contra o Botafogo-PB, quinta-feira (26), às 21h45, no Almeidão, em João Pessoa (PB), válido pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Nordeste. Pelo Brasileirão, a equipe volta a campo diante do Atlético-PR, domingo (29), às 16h, na Arena Fonte Nova.

Domingo, 22 de Abril de 2018 - 13:30

Corinthians goleia Paraná e segue 100% no Brasileirão

por Estadão Conteúdo

Corinthians goleia Paraná e segue 100% no Brasileirão
Foto: Cleber Yamaguchi/Agif/Estadão Conteúdo

Na volta do Paranáà elite do futebol brasileiro jogando em sua casa, no estádio Durival Britto, em Curitiba, o Corinthians foi um visitante indesejável na manhã deste domingo e, novamente liderado por Rodriguinho, goleou o time paranaense por 4 a 0 no duelo válido pela segunda rodada do Brasileirão.

 

 

Esta foi a segunda vitória em dois jogos do time alvinegro no campeonato, o que o dá a condição provisória de líder. Além dos 100% de aproveitamento no torneio nacional, o time de Fábio Carille não perde há quatro jogos. A última derrota foi para o Palmeiras, no primeiro jogo da final do Campeonato Paulista.

 

Por outro lado, o Paraná, derrotado pelo São Paulo na estreia e agora goleado pelo Corinthians, segue sem pontuar em sua volta à primeira divisão e já liga o sinal de alerta.

 

 

Além de Rodriguinho, que ganha cada vez mais força na briga para estar na lista final de convocados de Tite para a Copa do Mundo da Rússia, Sidcley também se destacou. O lateral deu a assistência para Rodriguinho no primeiro gol e fez o segundo um minuto depois. Na etapa final, Clayson saiu do banco de reservas para fazer o terceiro e Gabriel fechou a goleada com um chute de fora da área nos minutos finais.

 

 

O JOGO - Armado para jogar taticamente de forma semelhante ao adversário, o Paraná sufocou o atual campeão brasileiro nos primeiros minutos e criou três boas oportunidades de gol, com Jhonny Lucas, Silvinho e Raphael Alemão, este que deu um belo chapéu em Balbuena dentro da área e chutou de primeira para a defesa de Cássio com a ponta dos dedos.

 

A falta de pontaria contra o mortal e eficiente Corinthians, no entanto, é um pecado. Na primeira chegada ao ataque, o time paulista, que não teve Ralf, Maycon e Clayson, poupados por Carille, marcou com o iluminado Rodriguinho. Aos 25 minutos, o meia, muito bem posicionado, recebeu bom cruzamento de Sidcley na pequena área e só empurrou para abrir o placar e fazer seu terceiro gol na competição e o quinto nos últimos sete jogos.

 

Na sequência, a letalidade corintiana se reforçou com outro gol no minuto seguinte. Em nova jogada da dupla Sidcley e Rodriguinho, os papéis se inverteram e o meia lançou o lateral, que avançou em velocidade e chutou com precisão na saída do goleiro Richard para ampliar o placar em Curitiba.

 

 

Os gols em sequência esfriaram o ímpeto paranista e o time paulista passou a ser soberano no jogo diante de um adversário que desceu para o vestiário nocauteado.

 

Na etapa final, o Paraná continuou lutando para tentar, ao menos, diminuir o placar. Mas a forte defesa do Corinthians bloqueou com sucesso as chegadas do adversário e se manteve intacta na partida. Também teve sorte, é verdade, em alguns momentos. Como no chute de Mansur, já no final da partida, que explodiu na trave esquerda de Cássio. Além disso, a exemplo do primeiro tempo, foi certeiro nas chegadas à frente e liquidou a fatura com mais dois gols.

 

O terceiro saiu dos pés de Clayson, que deixou o banco de reservas 24 minutos para substituir Jadson. Dez minutos depois da sua entrada, o atacante recebeu cruzamento preciso de Fagner e apareceu livre na segunda trave para marcar. Aos 40 minutos, Clayson tocou para Gabriel, que, na entrada da área, limpou a marcação e chutou rasteiro, no canto direito de Luis Carlos para transformar o placar em goleada.

 

Após duas vitórias em dois jogos, o Corinthians voltará a atuar pelo Brasileirão no próximo domingo, contra o Atlético-MG, às 16 horas, no estádio Independência, em Belo Horizonte. No mesmo dia e horário, o Paraná buscará os seus primeiros pontos na competição contra o Sport, novamente atuando em casa.

 

Domingo, 22 de Abril de 2018 - 12:30

Léo exalta triunfo sobre o Santos: 'Campeonato Brasileiro é muito difícil'

por Glauber Guerra

Léo exalta triunfo sobre o Santos: 'Campeonato Brasileiro é muito difícil'
Foto: Romildo de Jesus/ Ag. Haack/ Bahia Notícias

O lateral-esquerdo Léo, do Bahia, valorizou o triunfo por 1 a 0 sobre o Santos, no último sábado (21), na Arena Fonte Nova, em jogo válido pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado positivo veio aos 49 minutos do segundo tempo com gol marcado pelo atacante Júnior Brumado.

 

“O Campeonato Brasileiro é muito difícil. Todas as equipes são muito bem treinadas, têm jogadores de qualidade. Jogo duro hoje. Essa vitória, tem que valorizar. Foi contra o Santos, time de peso. É comemorar. Estou muito feliz pela vitória. O time não desistiu”, disse, em entrevista à Rádio Itapoan FM.

 

Com o resultado, o Bahia chegou aos três pontos no Campeonato Brasileiro e ocupa provisoriamente a 10ª posição.

 

O time comandado pelo técnico Guto Ferreira volta a jogar pela Série A no próximo domingo, às 16h, novamente na Arena Fonte Nova, desta vez o adversário será o Atlético-PR.

'Dói essa derrota no último minuto', diz Jair Ventura após revés para o Bahia
Foto: Tiago Caldas/ Futura Press/ Estadão Conteúdo

O Santos perdeu para o Bahia por 1 a 0, no último sábado (21), na Arena Fonte Nova, em jogo válido pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. O gol foi marcado pelo atacante Júnior Brumado, aos 49 do segundo tempo. O técnico Jair Ventura, do Peixe, expressou a sua frustração com o resultado negativo.

 

“Encontramos dificuldades no primeiro tempo. O Bahia marcou muito forte. Não ficamos próximos do que vínhamos apresentando. O primeiro tempo não foi o melhor, mas essas oscilações acontecem. A equipe entrou com outra postura no segundo tempo. O jogo ficou aberto, criamos oportunidades, colocamos a bola no chão, mas nem conseguimos dar a saída de bola quando sofremos o gol. Dói essa derrota no último minuto. Quando é conosco, comemoramos, quando é contra, ficamos tristes”, afirmou.

 

Jair Ventura ainda comentou o retorno de Bruno Henrique, que passou três meses afastado dos gramados por conta de um grave problema no olho direito. Ele levou uma bolada no rosto no início da temporada e sofreu cinco lesões diferentes na retina.

 

“Acho que a grande novidade e uma boa notícia é a volta do Bruno. Ele ainda está sem ritmo, mas é normal. Entrou em um jogo quente, pesado, de muita força... Criou algumas oportunidades e deu dribles. Quem ganha é o Santos, que estará mais forte quando ele pegar o ritmo”, declarou.

 

O Santos volta a campo na terça-feira (24) para encarar o Estudiantes, da Argentina, pela Libertadores, na Vila Belmiro.

 América-MG x Vitória: CBF altera data e horário do jogo
Jogo acontece no Independência | Foto: Divulgação / América-MG

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) alterou a data e o horário do confronto entre América-MG e Vitória, válido pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. O jogo, que estava agendado para o próximo sábado (28), às 19h, no Independência, em Belo Horizonte (MG), foi adiado para o dia 30, uma segunda-feira, às 20h. O local do duelo permanece o mesmo. De acordo com a CBF, a mudança foi um pedido do SporTV, detentora dos direitos de transmissão do certame, para ajustar a sua grade de programação em virtude da alteração de Palmeiras e Chapecoense, que aconteceria no dia 30 e foi antecipado para domingo (29). Logo mais às 16h, o Vitória encara o Atlético-MG, também no Independência, válido pela segunda rodada do Brasileirão.

Domingo, 22 de Abril de 2018 - 10:30

Rival joga a tolha e Rose Volante vence sua 1ª defesa de título mundial no boxe

por Estadão Conteúdo

Rival joga a tolha e Rose Volante vence sua 1ª defesa de título mundial no boxe
Foto: Divulgação/ Equipe Memorial

A brasileira Rose Valente teve sucesso, na madrugada deste domingo (22), na luta em que pela primeira vez defendeu o cinturão de campeã mundial da categoria peso leve da Organização Mundial de Boxe. Em combate realizado em Santos, ela viu a equipe da panamenha Lourdes Borbua jogar a tolha no ringue, em sinal de desistência da pugilista, antes do início do sexto round, e assim assegurou o triunfo.

 

Aos olhos dos campeões mundiais Miguel de Oliveira e Acelino Popó Freitas, dois dos maiores nomes da história do boxe brasileiro, que estavam na plateia, a paulistana conquistou o seu objetivo ao manter o cinturão que ela alcançou em dezembro passado. E agora ela passou a ostentar um cartel invicto de 13 vitórias, sendo sete delas por nocaute.

 

 

Na luta diante de Lourdes Borbua, que na pesagem estourou 2,8kg o limite da categoria peso leve, Rose foi dominante desde o início. Além de encaixar bons cruzados, começou a castigar a linha de cintura da adversária, que entrou no ringue com a perna direita enfaixada e mostrou que realmente não estava em boas condições físicas.

 

E, no fim do quarto assalto, a brasileira conseguiu o primeiro knockdown. A panamenha ainda voltou para o quinto round, mas foi derrubada novamente pouco mais de um minuto depois após receber um direto de direita. Guerreira, Lourdes Borbua se levantou em seguida para seguir na luta.

 

No intervalo do quinto para o sexto round, porém, a equipe de Lourdes jogou a toalha no ringue para avisar que a panamenha não reunia mais condições de seguir no combate. Desta forma, a brasileira foi declarada campeã por nocaute técnico no sexto assalto.

 

Antes desta luta, o último campeão mundial brasileiro a defender um cinturão havia sido Acelino Popó Freitas, em 2001, no ginásio Nilson Nelson, em Brasília, diante de Orlando Soto. Também presente na plateia em Santos, Eder Jofre fez o mesmo anteriormente em 1973, quando detinha o título dos penas, em Salvador, contra Vicente Saldivar.
 

 

Após encerrar a carreira, Júlio César agradece carinho da torcida do Flamengo
Foto: Reprodução / SporTV

Júlio César, de 38 anos, encerrou sua carreira na noite do último sábado (21), no Maracanã, após o triunfo do Flamengo por 2 a 0 sobre o América-MG, válido pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. Titular no jogo, o agora ex-goleiro agradeceu o carinho da torcida, que o ovacionou após o apito final.

 

“Às vezes eu nem sei se mereço isso tudo. Queria agradecer quem veio prestigiar o Flamengo e o Júlio César. Valeu rapaziada! Agradeço ao América-MG pela lembrança (flâmula). Sou um cara que coleciono momentos. É um momento muito especial para mim. Pode ter certeza que eu vou guardar com muito carinho”, afirmou.

 

Júlio César garante que se despede do futebol feliz pelo que conseguiu conquistar durante a sua carreira.

 

“Eu já vim com a situação bem fixa na minha cabeça e bem madura. Me despeço do futebol feliz por aquilo que eu fiz e o mais importante para mim foram as amizades que fiz no futebol. Espero ter deixado um legado positivo com as pessoas que eu convivi”, destacou.

 

Por fim, Júlio César comemorou os três pontos conquistados e elogiou o elenco Rubro-negro.

 

“Além da despedida, valeu pelos três pontos. Resultado positivo traz 'n' coisas, tranquilidade para trabalhar. Esse grupo merece, é muito bom, vão fazer um grande ano”, projetou.

Domingo, 22 de Abril de 2018 - 08:30

Fratus faz 2º tempo do ano nos 50m e Brasil está definido para o Pan-Pacífico

por Estadão Conteúdo

Fratus faz 2º tempo do ano nos 50m e Brasil está definido para o Pan-Pacífico
Foto: Satiro Sodré/SSPress/CBDA

O Maria Lenk, o Troféu Brasil da natação, chegou ao fim na noite deste sábado com a conquista do título por equipes pelo Pinheiros, a definição da seleção brasileira para o Pan-Pacífico e, principalmente, o brilho de Bruno Fratus, que venceu a disputa dos 50 metros livre com o segundo melhor tempo da prova no do mundo em 2018.

 

Após se destacar nas eliminatórias e fazer o terceiro melhor tempo da temporada, com 21s76, no período da manhã, Fratus, do Minas, se saiu ainda melhor na sessão noturna ao ganhar a prova com a marca de 21s35, se classificando para a disputa do Pan-Pacífico.

 

"Não esperava nadar tão rápido assim. Só consegui encaixar meu treino no meio de fevereiro e, por isso, não achei que ia conseguir um tempo desse, mas isso mostra que a gente sempre precisa tentar. Agora é focar no Pan-Pacífico, que é a principal competição da temporada", disse, após o seu triunfo no Parque Aquático Maria Lenk, no Rio.

 

Na disputa feminina dos 50m livre, Lorrane Ferreira venceu com o tempo de 24s94, fechando o evento com uma vantagem de 0s02 para Larissa Oliveira, a segunda colocada. E as duas nadadoras do Pinheiros se garantiram no Pan-Pacífico com essas marcas.

 

Ainda neste sábado, a disputa dos 200m peito foi vencida por Julia Sebastian, da Unisanta, com 2min27s29, e Caio Pumputis, do Pinheiros, com 2min11s78. Viviane Jungblut, do União, levou o ouro nos 800m livre, com 8min39s58, e Guilherme da Costa, do Pinheiros, triunfou nos 1.500m com 15min03s79. Já nas provas do revezamento 4x100m medley, o Pinheiros ganhou no feminino - 4min04s83 - e o Minas triunfou no masculino - 3min33s39.

 

Confira quais serão os representantes do Brasil no Pan-Pacífico:

Bruno Fratus - 50m livre

Leonardo de Deus - 200m borboleta

Fernando Scheffer - 200m livre

Vinicius Lanza - 200m medley

Guilherme Costa - 800m livre

Luiz Altamir - 200m borboleta

Brandonn Almeida - 400m medley

Gabriel Fantoni - 100m costas

Lorrane Ferreira - 50m livre

Larissa Oliveira - 50m livre

João Gomes Júnior - 100m peito

Leonardo Souza - 200m medley

Gabriel Santos - Revezamento 4x100m livre

Pedro Spajari - Revezamento 4x100m livre

Marco Antonio Junior - Revezamento 4x100m livre

Marcelo Chierighini - Revezamento 4x100m livre

 

Domingo, 22 de Abril de 2018 - 07:30

Em busca do triunfo, Vitória encara o Atlético-MG no Independência

por Glauber Guerra

Em busca do triunfo, Vitória encara o Atlético-MG no Independência
Foto: Bruno Cantini/ Atlético-MG

O Vitória encara o Atlético-MG neste domingo (22), às 16h, no Independência, em Belo Horizonte (MG), pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. O time Rubro-negro quer voltar para Salvador com os três pontos na bagagem e assim conquistar o seu primeiro triunfo no certame, já que ficou apenas no empate em 2 a 2 com o Flamengo na estreia da competição. 

 

“Tenho certeza que a gente vai entrar em campo em BH para conseguir essa vitória. O grupo está bem confiante, sempre esteve confiante, independente das circunstâncias que viemos passando neste início de temporada. Tenho certeza que, no domingo, a gente vai em busca destes três pontos”, afirmou o goleiro Caíque.

 

O atacante Denílson cobrou atenção redobrada de sua equipe.

 

“O Atlético Mineiro tem uma grande equipe e é sempre muito forte em sua casa. Temos que ter o máximo de atenção para sairmos de lá pontuando. Será muito importante fazer outra grande apresentação na temporada para a equipe ganhar confiança para a sequência do ano”, declarou.

 

O técnico Thiago Larghi, do Atlético-MG promete um time ofensivo diante do Vitória. 

 

“Vamos pensar no time bem ofensivo, para cima, que é a característica do Atlético. É o que a gente vem implantando desde o início”, pontuou.

 

Vitória e Atlético-MG já se enfrentaram 46 vezes na Série A do Campeonato Brasileiro. O Rubro-negro venceu 11, perdeu 21 e empatou 14. No último encontro, o Leão superou o Galo por 3 a 1, no Independência, disputado no dia 24 de setembro do ano passado, pelo Brasileirão. 

 

FICHA TÉCNICA
Atlético-MG x Vitória
Campeonato Brasileiro – 2ª rodada
Local: Independência, em Belo Horizonte (MG)
Data: 22/04/2018 (domingo)
Horário: 16h
Árbitro: Grazianni Maciel Rocha (RJ)
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correia (RJ/Fifa) e oão Luiz Coelho de Albuquerque (RJ)
Assistentes adicionais: João Ennio Sobral (RJ) e Rodrigo Carvalhães de Miranda (RJ)

 

Atlético-MG: Victor; Patric, Bremer, Gabriel e Fábio Santos; Adilson, Elias, Gustavo Blanco; Rómulo Otero, Luan; Ricardo Oliveira. Técnico: Thiago Larghi.

 

Vitória: Caíque; Jeferson Kanu, Ramon e Juninho; Willian Farias, Uillian Correia, Yago e Rhayner; Neilton e Denílson. Técnico: Vagner Mancini.

Sábado, 21 de Abril de 2018 - 19:39

Guto explica expulsão durante vitória do Bahia sobre o Santos: 'Eu me exaltei'

por Leandro Aragão

Guto explica expulsão durante vitória do Bahia sobre o Santos: 'Eu me exaltei'
Foto: Felipe Oliveira/ EC Bahia

Expulso no meio do segundo tempo pelo árbitro Cláudio Francisco Lima e Silva, o técnico Guto Ferreira explicou o que aconteceu. O Bahia venceu o Santos por 1 a 0, na Arena Fonte Nova, neste sábado (21), pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro.

 

"Eu me exaltei numa situação da entrada que o Marco Antônio recebeu. Reclamei com ele a respeito disso. Na verdade não foi nem com ele. Eu falei que a entrada que o Marco sofreu foi muito forte. Ele [o árbitro] mandou o jogo seguir, o Marco caído e os caras puxando contra-ataque. Na minha concepção foi falta. Só que quem apita ele é, né? Aí o quarto árbitro comunicou a ele e me expulsou", explicou. "Fazia bastante tempo que eu não era expulso acho que a última foi na Série B. Ano passado passei ileso e neste ano estamos quase no meio. Mas a gente não é de ferro, as vezes saímos um pouco... É questão de interpretação. As vezes eles erram, a gente erra...", completou.

 

O Bahia somou seus primeiros três pontos no Brasileiro. O próximo compromisso do Tricolor será pela Copa do Nordeste. O time enfrenta o Botafogo-PB, na quinta-feira (26), às 21h45, pelo primeiro jogo das quartas de final do torneio regional.

Sábado, 21 de Abril de 2018 - 19:36

Vinícius valoriza vitória do Bahia no final do jogo: 'Vai fazer muita diferença'

por Leandro Aragão

Vinícius valoriza vitória do Bahia no final do jogo: 'Vai fazer muita diferença'
Foto: Romildo de Jesus/ Ag. Haack/ Bahia Notícias

O meio-campista Vinícius valorizou a vitória do Bahia sobre o Santos por 1 a 0, com gol no último lance do jogo. O Tricolor bateu o Peixe neste sábado (21), pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro e conquistou os seus primeiros três pontos.

 

"A gente começou bem o jogo, poderíamos ter feito o gol logo no começo, o que facilitaria muito. Mas a gente não desistiu em momento algum. Brumado foi muito feliz ali no bate e rebate e conseguimos esse triunfo importante. Sabemos como o [Campeonato] Brasileiro é difícil. O mais importante são os três pontos, que com certeza lá no final vai fazer muita diferença", disse em entrevista à Rádio Metrópole. "Agora já é Copa do Nordeste quinta-feira. Já é mudar a chavinha, porque é jogo decisivo", completou.

 

O Bahia encara o Botafogo-PB pelo primeiro jogo das quartas de final da Copa do Nordeste na quinta-feira (26), às 21h45. A partida será no estádio Almeidão, na capital paraibana de João Pessoa.

Sábado, 21 de Abril de 2018 - 19:06

Guto exalta desempenho do Bahia após triunfo no Brasileiro: 'Baita primeiro tempo'

por Leandro Aragão

Guto exalta desempenho do Bahia após triunfo no Brasileiro: 'Baita primeiro tempo'
Foto: Felipe Oliveira/ EC Bahia

O técnico Guto Ferreira exaltou o futebol jogado pelo Bahia no triunfo sobre o Santos por 1 a 0, neste sábado (21). A partida aconteceu na Arena Fonte Nova, em Salvador, e foi válida pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. Para o treinador, o Tricolor não deixou o Santos jogar no primeiro tempo.

 

"Fizemos um baita primeiro tempo, praticamente o Santos não jogou no primeiro tempo. A proposta do Santos era justamente jogar no nosso erro e não demos hipótese no primeiro tempo para eles. A medida que o jogo foi passando, no segundo tempo houve uma queda que é o normal, pela intensidade que nós víamos jogando, aí os espaços começaram a clarear para o Santos. Mas eles jogam muito em transição e acho que a nossa defesa trabalhou muito bem hoje, não permitindo que eles tivessem situações de gol. Praticamente o Douglas pegou bolas cruzadas. O Bahia teve algumas situações importantes. Talvez não tão claras, mas o principal é que teve a competência de fazer. Não importa se foi no apagar das luzes, o que vale é enquanto o juiz não apita o final e nós empurramos para dentro. Acho que isso premiou a mentalidade de acreditar até o fim", analisou.

 

Com a vitória, o Bahia conquistou os seus primeiros três pontos na tabela de classificação do Brasileiro. A equipe volta ao gramado na quinta-feira (26), para encarar o Botafogo-PB, às 21h45, no estádio Almeidão, em João Pessoa, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Nordeste.

Sábado, 21 de Abril de 2018 - 18:41

Veja o gol de Bahia 1 X 0 Santos

Veja o gol de Bahia 1 X 0 Santos
Foto: Felipe Oliveira/ECB

Sábado, 21 de Abril de 2018 - 18:28

Autor do gol do triunfo, Júnior Brumado exalta torcida: 'Importante vê-los alegres'

por Leandro Aragão

Autor do gol do triunfo, Júnior Brumado exalta torcida: 'Importante vê-los alegres'
Foto: Felipe Oliveira/ EC Bahia

A estrela do jovem atacante Júnior Brumado brilhou mais uma vez. Ele marcou o gol do triunfo do Bahia por 1 a 0 sobre o Santos, aos 49 minutos do segundo tempo. O jogo aconteceu neste sábado (21), na Arena Fonte Nova, em Salvador, e valeu pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro.

 

"É fruto de um trabalho. Eu vinha um pouco chateado, mas respeitando os espaços que Guto tem pelos jogadores dele. Cada trabalhando no dia-a-dia. Hoje eu pude entrar novamente e fazer mais um gol e dar alegria ao torcedor do Bahia. Isso é o mais importante, vê-los alegres e a todo momento nos apoiando vindo aqui nesse sábado para a gente sair com esse triunfo de 1 a 0", afirmou em entrevista à rádio Metrópole, e ainda disse que o tento foi em homenagem ao aniversariante do dia, Nilton.

 

Com o triunfo, o Bahia conquistou os primeiros três pontos na tabela de classificação deste Brasileirão. O Tricolor volta ao gramado na quinta-feira (26), para encarar o Botafogo-PB, às 21h45, no estádio Almeidão, em João Pessoa, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Nordeste.

Sábado, 21 de Abril de 2018 - 17:55

No apagar das luzes, Bahia vence o Santos e conquista seu 1° triunfo no Brasileirão

por Leandro Aragão

No apagar das luzes, Bahia vence o Santos e conquista seu 1° triunfo no Brasileirão
Foto: Romildo de Jesus/ Ag. Haack/ Bahia Notícias

Mais um vez o jovem atacante Júnior Brumado decretou o triunfo do Bahia, desta vez, na Arena Fonte Nova. Diante da sua torcida, o Tricolor reencontrou o caminho da vitória neste sábado de Tiradentes (21) ao bater o Santos por 1 a 0, na Arena Fonte Nova, em Salvador, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. No apagar das luzes, aos 49, o Brumado fez o gol do triunfo.

 

Com o resultado, o time comandado pelo técnico Guto Ferreira somou os seus primeiros três pontos na tabela de classificação. O Santos permanece também com três.

 

O Bahia volta ao gramado na quinta-feira (26), para encarar o Botafogo-PB, às 21h45, no estádio Almeidão, em João Pessoa, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Nordeste. Pelo Brasileiro, o Tricolor encara o Atlético-PR no próximo domingo (29), às 16h, na Fonte Nova, pela terceira rodada.

 

JOGO

 

O jogo começou num ritmo acelerado com os dois times procurando sempre atacar, mas sem levar muito perigo aos goleiros. No entanto, aos cinco minutos, Vinícius experimentou de fora da área e Vanderlei espalmou.

 

Dois minutos depois, o Bahia foi trocando passes até a bola chegar em Elton dentro da grande. Ele tocou para o fundo das redes, mas o árbitro anulou o lance marcando uma falta do volante no defensor santista. Só no minuto seguinte, o Esquadrão chegou com muito perigo. Após boa triangulação pelo lado direito do ataque, Nino recebeu dentro da grande e chutou forte. Vanderlei fez a defesa parcial. Edigar Junio aproveitou o rebote, mas mandou a bola na trave, por pouco o Tricolor não abre o placar.

 

O Santos perdeu uma grande chance aos 22 minutos. Rodrygo recebeu boa inversão de bola na esquerda, dominou e tabelou com Gabriel. O atacante recebeu dentro da área e bateu na saída de Douglas. A bola passou perto, mas foi para fora.

 

Novamente tocando a bola, Léo recebeu na linha de fundo e deu um banho de cuia no marcador. Ele cruzou e a bola sobrou para Zé Rafael que bateu pro gol, mas mandou para fora.

 

O clima esquentou aos 37 minutos. Jean Mota levantou a bola na área, Douglas subiu e Lucas Veríssimo chocou com ele, mas o bandeira já havia sinalizado o impedimento. Após discussão e empurra-empurra entre o goleiro do Bahia e o zagueiro David Braz, o árbitro amarelou os dois atletas.

 

Aos 46 minutos, Marco Antônio fez boa jogada pela esquerda. Ele carregou passando pela marcação, chegou a linha de fundo e cruzou procurando o meio da área, mas ninguém do Bahia apareceu para finalizar, desperdiçando uma boa chance para fechar o primeiro tempo vencendo a partida.

 

Segundo tempo

 

Bahia e Santos voltaram do vestiário com os mesmos times do primeiro tempo. Logo no primeiro lance, Zé Rafael teve boa chance de abrir o placar. Dentro da grande área, o meio campista recebeu livre e bateu, obrigando Vanderlei a fazer boa defesa desviando para fora.

 

Aos 10 minutos, o Santos encaixou um bom contra-ataque. Gabigol fez o cruzamento da esquerda, Léo Cittadini tocou de cabeça, mas Douglas, bem posicionado, segurou a bola sem dificuldades.

 

O Bahia segue dominando, criando, mas sem levar muito perigo ao gol de Vanderlei. Aos 20, o Santos encaixou bom ataque. A bola chegou na grande, Eduardo Sasha tentou o domínio, mas Lucas Fonseca chegou rasgando e afastou o perigo. Na sequência, o árbitro expulsou o técnico Guto Ferreira, que antes de sair de campo disse que não tinha falado nada para Cláudio Francisco Lima e Silva. Três minutos depois, a cobrança de falta Jean Mota mandou a bomba e Douglas fez a defesa em dois tempos. A blitz santista continuou. Gabigol dominou dentro da grande área e bateu para o gol. A bola explodiu na barriga de Tiago e saiu.

 

O Bahia chegou bem novamente aos 27. Zé Rafael dominou na entrada da área e bateu colocado. O goleiro Vanderlei se esticou e conseguiu fazer a defesa desviando para fora. Três minutos depois, foi a vez do auxiliar do técnico Jair Ventura se expulso pelo árbitro por reclamação.

 


Faltando dois minutos para o final do tempo regulamentar, Nino Paraíba recebeu pela direita, invadiu a área e bateu, mas Vanderlei, bem colocado, fez a defesa.

 

Gol do Bahia

Aos 49, na cobrança de escanteio de Allione, o jovem atacante Júnior Brumado aproveitou a sobra e desviou para o gol decretando o triunfo do Bahia. 

 

FICHA TÉCNICA
Bahia 1x0 Santos
Campeonato Brasileiro – 2ª rodada
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data: 21/04/2018 (sábado)
Horário: 16h
Árbitro: Cláudio Francisco Lima e Silva (SE / CBF)
Assistentes: Cleriston Clay Barretos Rios e Ailton Farias da Silva (ambos SE / CBF)
Assistentes adicionais: Claudionor dos Santos Junior e Eduardo de Santana Nunes ( ambos SE / CBF)

Cartão amarelo: Nino, Douglas, Régis, Marco Antônio (Bahia) / Léo Cittadini, David Braz, Dodô (Santos)

Gol: Júnior Brumado (Bahia)

 

 

Bahia: Douglas; Nino Paraíba, Tiago, Lucas Fonseca e Léo; Gregore; Elton, Marco Antônio (Júnior Brumado), Vinícius (Zé Rafael) e Zé Rafael (Allione); Edigar Junio. Técnico: Guto Ferreira.

 

Santos: Vanderlei; Daniel Guedes, Lucas Veríssimo, David Braz e Dodô; Alison; Eduardo Sasha (Arthur Gomes), Jean Mota, Léo Cittadini (Diego Pituca) e Rodrygo (Bruno Henrique); Gabigol. Técnico: Jair Ventura.

Sábado, 21 de Abril de 2018 - 17:00

Com técnico novo, Vitória da Conquista encara o Treze-PB na estreia na Série D

por Leandro Aragão

Com técnico novo, Vitória da Conquista encara o Treze-PB na estreia na Série D
Foto: Divulgação/ Vitória da Conquista

O Estádio Lomanto Júnior será de duas estreias nesta segunda-feira (23). O Vitória da Conquista estreia, com o novo técnico Rodrigo Fonseca, na Série D do Campeonato Brasileiro diante do tradicional Treze, da Paraíba. Para o começar o campeonato com um resultado positivo, o treinador quer o Bode marcando e atacando nos momentos certos.

 

"Temos que adquirir uma postura de equipe vencedora. Saber marcar na hora que tem que marcar, saber atacar na hora que tem que atacar. Saber jogar de acordo com aquilo que o adversário oferece para a nossa equipe para fazer um bom jogo", disse em entrevista ao Bahia Notícias.

 

A bola rola para Vitória da Conquista e Treze a partir das 20h, pela primeira rodada do Grupo A9 da Série D. Os 17 líderes de cada grupo do campeonato, além dos 15 melhores segundos colocados avançam para a próxima fase que será disputada no sistema de mata-mata. Os quatro semifinalistas conquistam as vagas para a Série C do ano que vem.

Sábado, 21 de Abril de 2018 - 16:30

Nadal arrasa o 'freguês' Dimitrov, vai à final e buscará 11º título em Montecarlo

por Estadão Conteúdo

Nadal arrasa o 'freguês' Dimitrov, vai à final e buscará 11º título em Montecarlo
Foto: Divulgação

Decacampeão do Masters 1000 de Montecarlo, Rafael Nadal se garantiu na luta pelo seu 11º título da importante competição realizada em quadras de saibro ao vencer o búlgaro Grigor Dimitrov, seu velho "freguês" no circuito profissional, por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/1, neste sábado (21), no primeiro duelo das semifinais do torneio.

Ganhador do evento realizado em Mônaco por oito vezes consecutivas entre 2005 e 2012 e detentor dos troféus de 2016 e 2017, o líder do ranking mundial também poderá se tornar, na decisão marcada para começar às 9h30 (de Brasília) deste domingo, o recordista isolado de conquistas de Masters - com 30 taças, divide hoje a condição de maior campeão desta importante série de torneios com o sérvio Novak Djokovic.

O adversário de Nadal na final será o vencedor da partida entre o alemão Alexander Zverev e o japonês Kei Nishikori, que também acontece neste sábado. E, caso confirme favoritismo diante de um destes adversários, o espanhol ainda vai assegurar a sua permanência na ponta do ranking da ATP, pois ele defende os 1.000 pontos que somou com a conquista do ano passado no principado monegasco.

O "Rei de Montecarlo" está apenas 100 pontos à frente do suíço Roger Federer, atual vice-líder, que tem chance de retomar o topo oficialmente na próxima segunda-feira mesmo após ter anunciado que ficaria fora de toda a temporada de saibro do circuito profissional para chegar em boas condições físicas nos torneios de grama que visam principalmente mais um título no Grand Slam de Wimbledon.

Neste sábado, Nadal conquistou a sua 11ª vitória em 12 jogos disputados contra Dimitrov, atual quinto colocado da ATP, entre 2009 e 2017, ano em que o búlgaro já foi superado por três vezes pelo adversário - no Aberto da Austrália, no Torneio de Pequim e no Masters 1000 de Xangai.

Neste reencontro com o seu "freguês", Nadal logo conquistou uma quebra de saque no segundo game do primeiro set e depois abriu 3/0, mas Dimitrov reagiu, devolveu a quebra e empatou o duelo em 3/3. O número 1 do mundo, porém, voltou a exibir o seu habitual domínio em jogos no saibro, converteu outro break point e liquidou a parcial em 6/4.

No segundo set, Nadal foi arrasador ao confirmar os seus serviços, aproveitar as duas chances de quebra de saque cedidas pelo adversário e abrir 5/0. Dimitrov ainda ganhou um game para evitar um "pneu" (6/0) e arrancar alguns aplausos do público, mas em seguida o espanhol sacou para fechar a partida com tranquila com o seu saque na mão.

Se ganhar a decisão deste domingo (22), o líder do ranking mundial também passará a contabilizar 76 títulos de simples no circuito da ATP, no qual só tem menos troféus do que Federer, dono de 97 ao total.

 

Sábado, 21 de Abril de 2018 - 15:30

Série D: Jogando em casa, técnico do Jacuipense promete ir para cima do Central

por Leandro Aragão

Série D: Jogando em casa, técnico do Jacuipense promete ir para cima do Central
Jonílson Veloso (D) quer o time atacando | Foto: Divulgação/ Jacuipense

O Jacuipense não disputa a Série D do Campeonato Brasileiro desde 2014, quando caiu nas oitavas de final. De volta à competição, o primeiro desafio do Leão do Sisal será neste domingo (22) contra o pernambucano Central. O duelo acontece no Estádio Eliel Martins, em Riachão do Jacuípe. À frente da equipe, dando sequência ao trabalho iniciado no Campeonato Baiano, o técnico Jonílson Veloso vai adotar uma postura agressiva para iniciar a Série D com um triunfo diante do seu torcedor.

 

"Vamos ter uma postura agressiva, jogando para cima do adversário, propondo o jogo. Essa é a nossa característica, até mesmo porque a estreia é dentro de casa. Vamos para cima do adversário, pois sabemos que é uma competição curta", projetou o treinador em entrevista ao Bahia Notícias.

 

A bola rola no Valfredão a partir das 15h. Sorteado no Grupo A7, além do Central, o Jacuipense terá como adversários na primeira fase o ASA, de Alagoas, e o Sergipe. Os 17 líderes de cada grupo mais os 15 melhores segundos colocados avançam para a próxima fase, que será disputada no sistema mata-mata. Os quatro semifinalistas sobem para a Série C do Brasileiro.

Sábado, 21 de Abril de 2018 - 14:30

Salah marca e iguala recorde no Inglês, mas Liverpool leva 2 no fim e só empata

por Estadão Conteúdo

Salah marca e iguala recorde no Inglês, mas Liverpool leva 2 no fim e só empata
Foto: Divulgação/ Liverpool

Em excelente fase, Mohamed Salah fez história neste sábado (21) ao marcar o seu 31º gol nesta edição do Campeonato Inglês e se igualar a Luis Suárez, Cristiano Ronaldo e Alan Shearer como maiores artilheiros de uma única edição da competição. Porém, o goleador egípcio e o Liverpool terminaram o duelo com o lanterna West Bromwich de forma amarga após o time da casa marcar dois gols no fim e garantir um empate por 2 a 2 nesta partida válida pela 35ª rodada do torneio nacional.

Ex-atacante da seleção inglesa, Shearer atingiu esta marca com a camisa do Blackburn Rovers na temporada 1995/1996 da Premier League, enquanto o português contabilizou este mesmo número de gols pelo Manchester United na jornada 2007/2008 do torneio nacional e o goleador uruguaio balançou as redes 31 vezes justamente pelo Liverpool na edição 2013/2014.

O time comandado por Jürgen Klopp, entretanto, não conseguiu sustentar a boa vantagem que tinha no placar e acabou somou apenas um ponto fora de casa, ficando com 71 na terceira posição do Inglês, três atrás do Manchester United e três à frente do Tottenham, que hoje fecha a zona de classificação para a Liga dos Campeões.

No duelo em West Bromwich, o Liverpool abriu o placar já aos 4 minutos do primeiro tempo, com Danny Ings, que encerrou longo jejum ao marcar o seu primeiro gol no Campeonato Inglês desde outubro de 2015 depois de completar para as redes uma bola sobrada após cobrança de escanteio.

Na etapa final, aos 27 minutos, Salah recebeu passe de Chamberlain pelo lado esquerdo da grande área e, com categoria, tocou por cima do goleiro Foster para ampliar para 2 a 0. Assim, o egípcio também disparou ainda mais na artilharia do Inglês, agora com cinco gols a mais do que Harry Kane, com 26 bolas na rede pelo Tottenham.

Mas, quando o jogo parecia ganho para os visitantes, o West Bromwich surpreendeu. Aos 34 minutos, Jake Livermore descontou o placar ao completar uma jogada confusa iniciada por uma cobrança de escanteio. Já aos 43, o venezuelano José Salomón Rondón deixou tudo igual ao completar de cabeça um cruzamento de Chris Brunt.

O resultado também foi frustrante para o Liverpool pelo fato de que o time tentava aumentar ainda mais a sua confiança visando o jogo de ida das semifinais da Liga dos Campeões da Europa, terça-feira (24), em casa, contra a Roma. Já o West Bromwich foi aos 25 pontos na última posição, mas se viu ainda mais próximo do rebaixamento, pois está oito pontos atrás do Swansea, primeiro time fora da zona do descenso, sendo que tem apenas mais três partidas a fazer nesta reta final do Inglês.

 

Sábado, 21 de Abril de 2018 - 13:30

Evandro Guimarães quer o Flu de Feira jogando com inteligência na estreia na Série D

por Leandro Aragão

Evandro Guimarães quer o Flu de Feira jogando com inteligência na estreia na Série D
Foto: Divulgação/ Flu de Feira

O Fluminense de Feira viaja até a cidade paraibana de Campina Grande para estrear na Série D do Campeonato Brasileiro. O Touro do Sertão encara o Campinense, neste domingo (22), às 16h, no estádio Amigão, pela primeira rodada do Grupo A8. O técnico Evandro Guimarães quer o time jogando com inteligência para começar a competição com o pé direito.

 

"Fora de casa temos que atuar com inteligência. Não adianta dizer que vai atacar e nem marcar o tempo todo. Temos que jogar com inteligência, manter o equilíbrio. Vai ter momento de atacar e momento de você bloquear a defesa para suportar as investidas deles", afirmou em entrevista ao Bahia Notícias.

 

Esta é a terceira participação do Flu de Feira na Série D. No ano passado, o time foi eliminado pela Juazeirense nas oitavas de final. A equipe de Juazeiro acabou conquistando uma das vagas da Série C ao final do campeonato.

Histórico de Conteúdo