Após classificação, jogadores do Athletico-PR provocam Gabigol e Flamengo
Foto: Reprodução

O Athletico-PR conquistou a vaga na semifinal da Copa do Brasil ao eliminar o Flamengo nas disputa de pênaltis. Após empate em 1 a 1, no tempo normal, o time paranaense venceu por 3 a 1 nas cobranças da marca da cal, na última quarta-feira (17), no Maracanã, pelas quartas de final. Após a classificação, os jogadores do Furacão comemoraram com uma provocação imitando o atacante Gabigol quando marca seus gols e completaram ironizando o time carioca, famoso por ficar no "cheirinho" prolongando o jejum de títulos em competições nacionais e internacionais. O volante Bruno Guimarães contou que o atleta adversário teria dito que sua equipe teria vida fácil no Maracanã após o empate no jogo de ida.

 

"Não só aqui (no Maracanã) como lá (na Baixada) também. Ele falou que um empate seria bom, porque aqui ia ser fácil. Quando está ganhando pode fazer graça, mas quando perde tem que aceitar. Mas foi uma brincadeira sadia", explicou.

 

O zagueiro Léo Pereira engrossou o coro do companheiro e ainda reforçou que o jogador do Flamengo provocou também em durante o jogo todo.

 

"Ele falou uma coisa durante o jogo que não agradou, dizendo que o jogo estava fácil. Mostramos para ele que não estava", comentou.

 

Na saída do estádio, Gabigol evitou entrar na polêmica da comemoração dos jogadores do Athletico-PR.

 

"Cada um comemora da maneira que quer, essa comemoração não faço pra brincar com os outros, comemoro assim para louvar a Deus, ele que me dá força para estar no Flamengo e fazer o que eu mais gosto, que é jogar futebol. Cada um comemora como quer, respeito isso", minimizou.

 

Na semifinal da Copa do Brasil, o Athletico-PR vai enfrentar o Grêmio. A CBF ainda vai definir as datas do confronto. O Furacão volta ao gramado no sábado (20), às 19h, para encarar o CSA, no Rei Pelé, pela 11ª rodada do Brasileirão. O time paranaense ocupa a 12ª posição com 13 pontos.

 

Assista o vídeo da provocação dos jogadores do Athletico-PR:

Diego explica pênalti mal batido na eliminação do Flamengo na Copa do Brasil
Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

Após empatar em 1 a 1 com o Athletico-PR, o Flamengo acabou eliminado nas quartas de final da Copa do Brasil ao perder na disputa de pênaltis por 3 a 1, na noite desta quarta-feira (17), no Maracanã. O meio-campista Diego foi encarregado de abrir as cobranças do time carioca, mas acabou batendo mal e praticamente recuando a bola nas mãos do goleiro Santos. Na saída da zona mista, o camisa 10 e capitão do Mengo se explicou.

 

"A dor no peito está muito grande, não vou esconder, mas tenho que seguir em frente. Toda cobrança de pênalti é uma batalha entre o goleiro e o batedor. Assisti aos vídeos, assim como os goleiros também nos estudam, treinei exatamente igual. Ele vinha tomando as decisões sempre de sair antes. Não bati forte para ter precisão e cobrei alto para não bater na perna dele. Não foi cavadinha", afirmou.

 

Diego chegou ao Flamengo em 2016. Desde então ele já errou cinco dos 13 pênaltis cobrados nesse período. Questionado sobre o aproveitamento na marca da cal, o meia admitiu o mau momento, mas disse que não deixar de cobrar.

 

"Fui campeão do mundo pelo Porto na disputa. Fui duas vezes campeão da Copa América batendo pênaltis. Tive outras classificações em vários torneios batendo pênaltis. Aqui no Flamengo, o aproveitamento não tem sido como eu gostaria, mas as decisões que tomo são sempre conscientes. Durante o jogo, reconheço que há outros jogadores em momento melhor e têm batido, como Gabigol e Everton, mas na disputa, na posição em que estou, não tem como e não vou fazer de passar a bola, passar a responsabilidade", disse.

 

Eliminado da Copa do Brasil, o Flamengo ainda está vivo na disputa da Libertadores, onde vai encarar o Emelec pelas oitavas de final, e segue próximo do líder Palmeiras no Brasileirão. Terceiro colocado, o time carioca tem 20 pontos, seis a menos do que o Verdão na tabela de classificação do campeonato nacional. A equipe volta ao gramado no domingo (21), às 16h, para enfrentar o Corinthians, no Itaquerão, pela 11ª rodada do certame.

 Vitória x Criciúma: Barradão terá ponto de doação para Pedro Alexandre e Coronel João Sá
Foto: Divulgação/ Vitória

O Vitória recebe o Criciúma, nesta sexta-feira (19), às 21h30, no Barradão, válido pela 10ª rodada da Série B. E o estádio terá ponto de doação para ajudar os moradores dos municípios de Pedro Alexandre e Coronel João Sá. Centenas de pessoas ficaram desabrigadas e desalojadas após o rompimento da Barragem do Quati.

 

O ponto de doação será na Loja Oficial do clube. Os torcedores poderão ajudar com água potável, alimentos não-perecíveis, materiais de higiene pessoal, produtos de limpeza, roupas e peças de cama e banho.

Quinta, 18 de Julho de 2019 - 08:30

Geromel parabeniza time do Grêmio pela classificação: 'Todo mundo trabalhou'

por Ulisses Gama / Leandro Aragão

Geromel parabeniza time do Grêmio pela classificação: 'Todo mundo trabalhou'
Foto: Ulisses Gama / Bahia Notícias

O zagueiro Pedro Geromel parabenizou o time do Grêmio pela atuação na vitória sobre o Bahia por 1 a 0, nesta quarta-feira (17), na Arena Fonte Nova, pelas quartas de final da Copa do Brasil. Com o resultado, o Tricolor gaúcho garantiu vaga na semifinal do torneio nacional.

 

"O grupo todo está de parabéns. Foi um jogo muito complicado, muito difícil. O time deles estava muito bem armado, mas todo mundo se entregou, a gente fez tudo para minimizar a chance deles para fazer gol. Todo mundo correu, todo mundo trabalhou, a gente conseguiu impor nosso ritmo de jogo e fiquei muito feliz com a classificação", disse em entrevista ao Bahia Notícias.

 

Pedro Geromel atribuiu o sucesso do Grêmio na Copa do Brasil a manutenção da base do time e da continuidade de Renato Gaúcho no comando da equipe. Nos últimos anos, o Tricolor gaúcho vem conquistando títulos em sequência, destacando os mais importantes que foram a Copa do Brasil de 2016 e a Libertadores de 2017.

 

"Nosso time é característico por jogar copas assim, já estamos acostumados por jogar esse tipo de competição. Então, a gente já sabe como se joga. É um time com bastante experiência. O primeiro time, que sempre joga, tem a mesma base do último e penúltimo ano, isso ainda com o Renato como treinador que já está fazendo uma sequência. É muito importante para a continuidade. Acho que se a gente conseguiu os títulos todos que conseguimos e conseguir agora uma classificação para uma semifinal de Copa do Brasil, onde muitos times queriam estar, acho que passa muito pelo trabalho do Renato", afirmou.

 

Agora, o Grêmio vai disputar uma vaga na final da Copa do Brasil com o Athletico-PR. As datas dos jogos ainda serão definidas pela CBF. No Brasileirão, o Tricolor gaúcho ocupa a 10ª colocação com 14 pontos e vai fazer o clássico gaúcho contra o Internacional no sábado (20), às 19h, no Beira-Rio, pela 11ª rodada.

Renato Gaúcho ironiza foguetório após vitória: 'Tive algumas ideias durante a madrugada'
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

O sono da delegação do Grêmio não foi tranquilo na véspera da decisão com o Bahia pelas quartas de final da Copa do Brasil. Torcedores baianos fizeram um foguetório na porta do hotel onde a equipe estava concentrada (leia mais aqui). Porém, isso não foi o suficiente para atralhar o time gaúcho que na noite desta quarta-feira (17) venceu o jogo por 1 a 0 na Arena Fonte Nova e ficou com a classificação. O técnico Renato Gaúcho ironizou a ação da torcida do Tricolor baiano.

 

"Acordei com o foguetório, nem vou comentar porque senão vou estar dando moral. Não vale a pena dar moral. Agradeço porque tive algumas ideias durante a madrugada, me acordaram e pensei o que poderia acontecer em termos de substituições. Agradeço", disse na entrevista coletiva.

 

Renato Gaúcho ficou bastante satisfeito com a atuação do Grêmio. A equipe mostrou superioridade em relação ao Bahia durante toda a partida. O treinador gremista também elogiou a festa que o torcedor baiano fez nas arquibancadas da Arena Fonte Nova que recebeu seu público recorde entre clubes desde a reforma para a Copa do Mundo de 2014 (veja mais aqui).

 

"O comportamento na parte tática foi muito bom. Praticamente o Bahia não teve chances, uma no primeiro tempo. Mostra quanto o Grêmio dominou a partida, conquistamos a vitória e classificação para a semi da Copa do Brasil. Tenho que dar os parabéns para a torcida do Bahia, fez uma festa belíssima, é uma torcida empolgante. Um tinha que passar, passou o Grêmio. Fico feliz, principalmente pelo comportamento da equipe. Conseguimos a classificação. Nestas horas o Grêmio cresce bastante. Crescemos na competição na hora certa", afirmou.

 

Na semifinal da Copa do Brasil, o Grêmio vai enfrentar o Athletico-PR. As datas dos jogos ainda serão definidas pela CBF. Agora, a equipe volta suas atenções ao Brasileirão. Ocupando a 10ª posição com 14 pontos, os comandados de Renato farão o clássico gaúcho com o Internacional no sábado (20), às 19h, no Beira-Rio, pela 11ª rodada da competição.

Quinta, 18 de Julho de 2019 - 00:07

Veja o gol de Bahia 0 X 1 Grêmio

Quarta, 17 de Julho de 2019 - 23:48

Artur analisa revés do Bahia para o Grêmio: 'Pecamos na finalização e último passe'

por Ulisses Gama / Leandro Aragão

Artur analisa revés do Bahia para o Grêmio: 'Pecamos na finalização e último passe'
Foto: Ulisses Gama / Bahia Notícias

O Bahia perdeu para o Grêmio por 1 a 0 na noite desta quarta-feira (17), na Arena Fonte Nova. O duelo definiu o confronto das quartas de final da Copa do Brasil e o time gaúcho ficou com a vaga na semifinal. Para o atacante Artur, o Tricolor baiano falhou nas finalizações e no último passe, além de atuar muito recuado. 

 

"Aquilo que a gente pecou contra o Santos, finalização e último passe. A gente ficou muito recuado. Mas agora a gente não pode mais voltar à aquilo que já passou. Agora é erguer a cabeça que tem um jogo importante no sábado", analisou em entrevista ao Bahia Notícias.

 

A derrota causou a eliminação do Bahia na Copa do Brasil. Artur acreditava que o time baiano poderia chegar na semifinal do torneio nacional. Porém, ele reconheceu a superioridade do Grêmio dentro de campo.

 

"O sentimento é de tristeza com certeza. A gente sabia que podíamos chegar à semifinal, mas infelizmente a gente não jogou bem. Temos que estar cientes que não fomos muito bem e o Grêmio foi superior a gente e venceu. Então, a gente tem que respeitar isso, mas agora é erguer a cabeça que já passou e sábado precisamos focar no Campeonato Brasileiro para sair com um triunfo dentro de casa", falou.

 

O Bahia volta suas atenções ao Campeonato Brasileiro, onde ocupa a 11ª colocação com 14 pontos. O Tricolor baiano volta ao gramado no sábado (20), às 17h, para encarar o Cruzeiro, novamente na Fonte Nova, pela 11ª rodada da competição nacional.

Quarta, 17 de Julho de 2019 - 23:31

Léo Moura vibra com classificação do Grêmio na Copa do Brasil: 'Importantíssima'

por Ulisses Gama / Leandro Aragão

Léo Moura vibra com classificação do Grêmio na Copa do Brasil: 'Importantíssima'
Foto: Ulisses Gama / Bahia Notícias

O lateral-direito Léo Moura não chegou a entrar em campo na noite desta quarta-feira (17), mas foi um dos que mais comemoraram a classificação do Grêmio à semifinal da Copa do Brasil. O time gaúcho bateu o Bahia por 1 a 0, na Arena Fonte Nova, e venceu o confronto das quartas de final do torneio nacional.

 

"Acho que a gente está ali vivendo o jogo. Mesmo de fora a gente torce para os companheiros para que possa dar certo. Então, foi uma classificação importantíssima e no momento as coisas tem dado certo aqui no Grêmio. Estou muito feliz por estar vivendo isso e espero que essa fase boa possa continuar", afirmou em entrevista ao Bahia Notícias.

 

Léo Moura exaltou a atuação do Grêmio. Ele destacou o futebol jogado pela equipe gaúcha que foi superior ao Bahia dentro de campo e precisa para ficar com a classificação.

 

"A equipe ficou o tempo todo buscando o resultado, foi para cima. A gente sabe que é difícil jogar aqui. O Bahia tem uma torcida que empurra bastante, mas a equipe hoje jogou um belo futebol, foi cirúrgica e conseguiu a classificação", analisou.

 

Na semifinal, o Grêmio vai enfrentar o vencedor do duelo entre Athletico-PR e Flamengo. Léo Moura já vestiu a camisa do Rubro-Negro carioca e foi um dos ídolos do clube. Ele despistou ao ser questionado sobre um possível reencontro com o ex-time. 

 

"A gente não escolhe adversário ainda mais sendo semifinal de Copa do Brasil. O adversário que passar vai encarar um Grêmio totalmente focado e a gente vai fazer de tudo para ir para a final", finalizou.

 

O Grêmio volta ao gramado no sábado (20), às 19h, para fazer o clássico gaúcho com o Internacional, no Beira-Rio, pela 11ª rodada do Brasileirão. O Bahia também joga no mesmo dia, mas um pouco mais cedo às 17h, contra o Cruzeiro, novamente na Fonte Nova. 

Quarta, 17 de Julho de 2019 - 23:14

Roger valoriza entrega, mas admite atuação ruim do Bahia no revés para o Grêmio

por Leandro Aragão

Roger valoriza entrega, mas admite atuação ruim do Bahia no revés para o Grêmio
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

O técnico Roger Machado valorizou a entrega dos jogadores do Bahia. Porém, o comandante admitiu a atuação ruim do Tricolor baiano na derrota para o Grêmio por 1 a 0, na noite desta quarta-feira (17), na Arena Fonte Nova, pelo jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil. Com o resultado, a equipe foi eliminada do torneio nacional.

 

"Não posso reclamar de empenho, de dedicação, de doação, em função da busca pelo triunfo. Mas exatamente o que relatei para os meus atletas, que hoje a gente não conseguiu individualmente dentro do nosso coletivo ter o mesmo nível de atuação de outros momentos. No melhor momento do jogo, foi quando sofremos o gol, no segundo tempo. E não sofremos o gol na virtude da primeira característica do Grêmio, que é a posse de bola e a circulação. Tomamos gol no contra-ataque, jogada rápida e na vitória pessoal pelo lado do campo do Alisson, que finalizou bem para o gol. Não posso me queixar do empenho, da nossa torcida, que veio e nos incentivou o jogo todo, aplaudiu no final, porque percebeu empenho. Mas hoje tecnicamente, quando a gente tem três, quatro jogadores que, num dia, não estiveram tão felizes contra um time que tem essa característica, a tendência é que a gente tenha dificuldade na partida", afirmou na entrevista coletiva.

 

Fora da Copa do Brasil, o Bahia agora vai se dedicar ao Campeonato Brasileiro. O time ocupa a 11ª posição com 14 pontos e o próximo desafio será contra o Cruzeiro, sábado (20), às 17h, novamente na Fonte Nova, pela 11ª rodada da competição.

 

"A gente sai entristecido agora, imediatamente após a eliminação. Temos que limpar as feridas, levantar do chão, bater a poeira. Porque futebol não tem tempo para lamentar. A gente sai fortalecido como grupo. Tenho certeza que o torcedor está orgulhoso da forma como temos representado a torcida em campo. Agora nossa única competição, o Brasileiro, temos a oportunidade de fazer uma grande competição, de conquistar espaços e posições no Campeonato Brasileiro, que há tempos o clube vem buscando. A cada ano, poder almejar um posto acima, postular uma competição sul-americana novamente. E perceber justamente nesses momentos, em jogos decisivos, que, por vezes, o detalhe faz a diferença. A gente está em busca do detalhe a nosso favor. Construir cada vez mais grupo com desejo de conquistar pelo clube, que represente bem nossa grande torcida", disse Roger.

Quarta, 17 de Julho de 2019 - 23:05

'A gente se sentia forte', diz Bellintani após eliminação do Bahia

por Leandro Aragão

'A gente se sentia forte', diz Bellintani após eliminação do Bahia
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias

Após a eliminação na Copa do Brasil, o presidente do Bahia, Guilherme Bellintani, concedeu entrevista coletiva. Ele lamentou a derrota para o Grêmio por 1 a 0, na noite desta quarta-feira (17), na Arena Fonte Nova, pelo jogo de volta das quartas de final. Para o mandatário, o revés no torneio nacional dói mais do que a perda no ano passado, quando o Tricolor baiano também foi derrotado na mesma fase.

 

"De todas as perdas a que a gente mais se sentia preparado para conquistar. O momento do clube hoje era um momento que a gente se sentia forte para chegar numa semifinal de um campeonato nacional. Essa perda de hoje dói mais do que a perda que tivemos na Copa do Brasil do ano passado, apesar de terminar na mesma fase. A minha primeira leitura é de apesar do Bahia ter sido visto como intruso, que veio desde o início, com o menor orçamento. Talvez dos oito clubes nesta fase, apenas dois tem uma folha salarial abaixo dos R$ 10 milhões e nós temos um terço das seis maiores folhas", analisou. "Esse momento serve de aprendizado, de fortalecimento, lamber as feridas. Entender que decepciona qualquer um, mas estamos num momento de sintonia com a torcida que reconhece os avanços que aqui tem gente de bem que quer o melhor para o clube", lamentou.

 

Bellintani reconheceu a superioridade do Grêmio dentro de campo. Porém, ele exaltou a entrega dos jogadores do Bahia na partida. Segundo o mandatário, não faltou alma ao Tricolor baiano.

 

"Primeiro acho absolutamente normal que numa derrota venham, os mesmos que dão tapinhas nas costas nos momentos bons, são os primeiros a mandar mensagens. Tenho certeza que hoje faltou bola para a gente, mas não faltou alma. A alma ficou toda dentro de campo, cada jogador que estava ali honrou a camisa do clube. A gente podia ter sido tecnicamente superior do que nós fomos. Isso mostra que poderíamos ter ido para as semifinais de maneira justa e entendendo o resultado. A gente vencer o Grêmio aqui seria um resultado normal. O que eu faço com as críticas boas é absorvê-las e aproveitá-las. As críticas que são naturais, que se repetem a cada momento de perda, elas são oportunistas e a gente despreza. Eu tenho uma alma muito preparada para as coisas ruins, elas batem e voltam", afirmou.

 

Fora da Copa do Brasil, o Bahia agora foca exclusivamente no Campeonato Brasileiro. A equipe ocupa a 11ª posição com 14 pontos na tabela e o próximo compromisso será diante do Cruzeiro, sábado (20), às 17h, novamente na Fonte Nova, pela 11ª rodada da competição. Bellintani disse que acredita que o time baiano pode terminar a competição entre os 10 primeiros colocados.

 

"Acho que tem. Nunca prometi resultado, mas temos aspiração de ficar entre os 10 primeiros colocados, apesar de sermos o 14° orçamento. Eu tenho obrigação de dizer que no futebol brasileiro e no futebol do mundo inteiro orçamente é absolutamente relacionado à colocação do time na competição. Apesar de termos o 14° orçamento queremos ficar entre os 10 primeiros, portanto uma meta ousada. Por que a gente acredita que ela é possível? Porque nós temos um clube muito mais organizado do que a média do futebol brasileiro, porque a gente tem uma torcida muito mais envolvida do que a média das torcidas brasileiras, porque a gente tem um departamento de futebol, uma análise de desempenho, diretor de futebol, treinador e comissão técnica que cuidam minuciosamente de detalhes que outros clubes não cuidam e isso me faz crer que é possível termos uma colocação entre os 10 primeiros. Se vai ser confirmado ou não, isso será definido dentro de campo. Apenas em duas rodadas até agora do Brasileiro terminamos fora da primeira página.", explicou.

Quarta, 17 de Julho de 2019 - 22:18

Moisés reconhece superioridade do Grêmio na derrota do Bahia

por Ulisses Gama / Leandro Aragão

Moisés reconhece superioridade do Grêmio na derrota do Bahia
Foto: Ulisses Gama / Bahia Notícias

O lateral-esquerdo Moisés reconheceu a superioridade do Grêmio na derrota do Bahia por 1 a 0, na noite desta quarta-feira (17), na Arena Fonte Nova, pelo jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil. O Tricolor baiano perdeu por 1 a 0 e foi eliminado do torneio nacional.

 

"Infelizmente uma derrota, uma eliminação vem uma tristeza, né? Mas acho que não faltou entrega. Talvez a gente não tenha feito uma ótima partida, em termos de fazer o nosso jogo, ainda mais dentro de casa. Acho que mais valeu pela entrega de todos. O Grêmio foi superior, conseguiu vencer a partida e ter a classificação", afirmou em entrevista ao Bahia Notícias.

 

Aos 30 minutos do segundo tempo, quando o placar já mostrava 1 a 0 para o Grêmio, o Bahia ficou com um jogador a menos. Moisés foi expulso por ter feito falta em Alisson próximo da entrada da área. No primeiro momento, o árbitro assinalou o pênalti, mas após rever o lance no VAR voltou atrás, marcou a falta e expulsou o jogador do Tricolor baiano. O lateral explicou o que aconteceu na jogada.

 

"Eu era o último homem... Não dei nenhum chute, acho que foi na passada, meu braço encostou no ombro dele que desequilibrou. Com a situação do VAR, ele teve a conclusão de tirar o pênalti e me expulsou", detalhou.

 

Com a eliminação, o Bahia agora tem apenas o Campeonato Brasileiro em disputa. O Tricolor baiano ocupa a 11ª posição com 14 pontos na tabela e o próximo compromisso será diante do Cruzeiro, sábado (20), às 17h, novamente na Fonte Nova, pela 11ª rodada da competição.

Quarta, 17 de Julho de 2019 - 21:46

Arena Fonte Nova bate recorde de público com duelo entre Bahia e Grêmio

por Ulisses Gama / Leandro Aragão

Arena Fonte Nova bate recorde de público com duelo entre Bahia e Grêmio
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

A Arena Fonte Nova registrou público recorde, desde a reforma para a Copa do Mundo de 2014, com o duelo entre Bahia e Grêmio pelo jogo de volta do confronto das quartas de final da Copa do Brasil. A praça esportiva recebeu, na noite desta quarta-feira (17), 46.663 pessoas no total, sendo 46.341 pagantes. A renda foi de R$ 1.349.590,50.

 

A partida não terminou bem para o torcedor do Bahia que viu seu time perder por 1 a 0 para o Grêmio. Alisson marcou o gol da vitória gaúcha aos 18 minutos do segundo tempo. Com o resultado, o Tricolor baiano foi eliminado da Copa do Brasil. O próximo compromisso do time comandado pelo técnico Roger Machado será no sábado (20), às 17h, novamente na Fonte Nova, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Quarta, 17 de Julho de 2019 - 21:36

Elton lamenta derrota do Bahia para o Grêmio: 'Bobeira nossa'

por Leandro Aragão

Elton lamenta derrota do Bahia para o Grêmio: 'Bobeira nossa'
Elton (D) | Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

O volante Elton lamentou a derrota do Bahia para o Grêmio por 1 a 0, na noite desta quarta-feira (17), na Arena Fonte Nova, pelo jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil. Para ele, a defesa do Bahia bobeou no lance do gol de Alisson que definiu o confronto.

 

"A gente queria entrar para a história, mas uma bobeira nossa ali, o cara foi feliz, passou no meio de dois, três jogadores e chutou de canhota. Ele é até destro, mas chutou de canhota e a bola foi no cantinho, não deu para pegar, mas lutamos até o final.  Agora é erguer a cabeça, porque nós temos o Brasileiro e a gente tem que subir na tabela", lamentou em entrevista à rádio Sociedade.

 

Eliminado da Copa do Brasil, o Bahia agora foca exclusivamente no Campeonato Brasileiro, única competição em disputa. O Tricolor baiano ocupa a 11ª colocação com 14 pontos na tabela. O time de Elton volta ao gramado no próximo sábado (20), às 17h, para enfrentar o Cruzeiro, novamente na Fonte Nova, pela 11ª rodada do certame.

Quarta, 17 de Julho de 2019 - 21:16

Bahia perde para o Grêmio na Fonte Nova e está eliminado da Copa do Brasil

por Leandro Aragão

Bahia perde para o Grêmio na Fonte Nova e está eliminado da Copa do Brasil
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

Pela segunda vez consecutiva, o Bahia é eliminado nas quartas de final da Copa do Brasil. O Tricolor baiano perdeu do Grêmio por 1 a 0, na noite desta quarta-feira (17), na Arena Fonte Nova, pelo jogo de volta do confronto. No segundo tempo, Alisson marcou o gol da vitória que garantiu o time gaúcho na semifinal do torneio nacional. O adversário da próxima fase será o vencedor do confronto entre Athletico-PR e Flamengo.

 

Agora, as atenções do Bahia voltam-se ao Campeonato Brasileiro, única competição que ainda disputa nesta temporada. Ocupando a 11ª colocação na tabela com 14 pontos, o Tricolor baiano encara o Cruzeiro no próximo sábado (20), às 17h, novamente na Fonte Nova. O jogo vale pela 11ª rodada do certame.

 

O JOGO

As duas equipes começaram se estudando, mas foi o Grêmio que tomou logo a iniciativa atacando o Bahia. Aos quatro minutos, Cortez pega o rebote e abre com Jean Pyerre pela esquerda. Ele cruza e Moisés toca para trás mandando para escanteio. Na cobrança do próprio Jean Pyerre, Moisés desvia e a bola sobra com Matheus Henrique, que chuta por cima da meta de Douglas.

 

O jogo seguiu bem disputado pelas duas equipes. O Bahia começou a se soltar mais e chegar no ataque, mas sem conseguir romper a retaguarda gaúcha e levar perigo ao gol de Paulo Victor. Enquanto o sistema defensivo baiano também impedia as investidas do ataque visitante.

 

Aos 25, o Bahia criou sua primeira grande chance. Ramires levantou a bola, Kannemann desviou e a bola sobrou para Lucas Fonseca. O zagueiro bateu rasteiro e Paulo Victor caiu para fazer a defesa.

 

O Grêmio chegou aos 33 minutos. Everton recebe de costas para o gol e ajeitou de peito para André. O centroavante gremista finalizou, mas Douglas, bem posicionado, fez a defesa. O goleiro do time baiano lançou rapidamente ao ataque. Gilberto raspou de cabeça. Artur dominou, deixou Cortez para trás na velocidade e chutou com perigo. A redonda passou perto da trave esquerda de Paulo Victor.

 

O jogo continuou acelerado. Aos 37, Artur recebeu na direita, cortou para o meio e chutou da entrada da área. A bola ficou na defesa gremista, que saiu no contra-ataque com Everton e André. Na sequência, Cebolinha tentou a enfiada para Maicon, mas Douglas saiu e ficou com a pelota.

 

Douglas desviou com a ponta dos dedos uma finalização rasteira de André no minuto 42. Jean Pyerre e Matheus Henrique armaram boa trama até a bola chegar nos pés do centroavante gremista que chutou no canto direito do goleiro do Esquadrão.

 

Já com dois minutos a mais do tempo regulamentar, André divide pelo alto e a bola sobra para Alisson. Ele entrega para Jean Pyerre, pelo lado esquerdo, que parte para a jogada individual e ganha o escanteio.

 

Segundo tempo

Os dois times voltaram dos vestiários com as mesmas formações que iniciaram a partida. O Bahia voltou um pouco nervoso e já começou errando a saída de bola entregando-a para o Grêmio, mas a jogada não deu em nada.

 

Assim como na etapa inicial, o Grêmio começou melhor. Aos cinco minutos, Jean Pyerre penetrou pelo meio e recebeu a falta na entrada da área do time baiano. O mesmo Jean Pyerre cobrou na barreira.

 

O primeiro bom ataque do Bahia neste segundo tempo foi com Arthur Caíke aos 14. Ele recebeu de Artur, já dentro da área, deu um lençol em Cortez. Mas na hora do jogador do Esquadrão finaliza, o lateral gremista se recuperou, conseguiu o desvio e Paulo Victor ficou com a bola.

 

Grêmio marca
O Grêmio abriu o placar aos 18 minutos com Alisson. Ele recebeu uma enfiada de bola de Matheus Henrique pela direita, passou por Moisés, cortou dois marcadores e chutou forte e rasteiro colocando o time gaúcho na frente. Bahia 0x1 Grêmio

 

Aos 27 minutos, o Grêmio encaixou um contra-ataque rápido com Alisson. Ele disparou ganhou na velocidade de Moisés e foi derrubado caindo na área. O árbitro Bráulio da Silva Machado assinalou o pênalti no primeiro momento e recorreu ao VAR. No caminho ao vídeo, ele mostrou o cartão amarelo para Renato Gaúcho. Ao rever o lance, ele percebeu que a falta foi fora da área, cancelou a penalidade máxima e mostrou o cartão vermelho para Moisés. Na cobrança, Luan bateu de cavadinha por cobertura e Douglas desviou com os dedos para escanteio.

 

Fernandão desperdiçou uma boa chance aos 38. Artur cobrou a falta tocando de lado para Nino Paraíba que levantou a bola na grande área. O camisa 20 subiu e cabeceou para fora.

 

Aos 43, Luan vai ao fundo pela direita e cruza com uma cavadinha. André domina e tenta o lance, mas esbarra em Lucas Fonseca. O centroavante gremista reclama de pênalti por toque de mão. O árbitro recorre mais uma vez ao VAR e após rever o lance mandou o jogo seguir.

 

FICHA TÉCNICA
Bahia 0x1 Grêmio
Copa do Brasil - Quartas de final (2º jogo)

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data: 17/07/2019 (quarta-feira) 
Horário: 19h15
Árbitro: Bráulio da Silva Machado (SC)
Auxiliares: leber Lucio Gil (SC) e Bruno Raphael Pires (GO)
VAR: Bruno Arleu de Araujo, auxiliado por Alexandre Vargas Tavares de Jesus e Daniel do Espirito Santo Parro (todos do RJ)

Cartões amarelos: Elton, Gilberto, Fernandão, Gregore (Bahia) / Kannemann, Maicon, Everton, Matheus Henrique (Grêmio)

Cartão vermelho: Moisés (Bahia)

Gol: Alisson (Grêmio)

 

Bahia: Douglas; Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Juninho e Moisés; Gregore, Elton (Shaylon) e Eric Ramires (Fernandão); Élber (Arthur Caíke), Artur e Gilberto. Técnico: Roger Machado.

 


 
Grêmio: Paulo Victor; Leonardo, Kannemann, Geromel e Bruno Cortez; Maicon (Romulo), Matheus Henrique e Jean Pyerre (Luan); Alisson (Pepê), Everton e André. Técnico: Renato Gaúcho. 

Quarta, 17 de Julho de 2019 - 18:49

Bellintani exalta bom momento do Bahia: 'É o símbolo da reconstrução'

por Ulisses Gama / Leandro Aragão

Bellintani exalta bom momento do Bahia: 'É o símbolo da reconstrução'
Foto: Ulisses Gama / Bahia Notícias

Logo mais às 19h15 desta quarta-feira (17), o Bahia encara o Grêmio na Arena Fonte Nova, pelas quartas de final da Copa do Brasil. Com todos os ingressos vendidos e com possibilidades reais de classificação à uma histórica semifinal, o presidente Guilherme Bellintani exaltou o bom momento vivido pelo clube.

 

"Acho muito bom. O momento é do clube e não meu. Um clube que vem se reconstruindo desde 2013. Aos poucos a gente está reocupando o nosso espaço. Independente dessa competição específica, acho que o clube como um todo está de parabéns, a torcida comprou o projeto e ajudou nessa reconstrução. A gente está aqui hoje sendo o único clube que veio desde o começo da Copa do Brasil e está no meio de outros sete gigantes. Acho que é o símbolo dessa reconstrução", afirmou em entrevista ao Bahia Notícias.

 

Bellintani é um presidente participativo da vida do clube, inclusive almoça junto com os jogadores e está sempre acompanhando os treinamentos rotineiros do elenco.

 

"O clima é o melhor possível. Inclusive com a chegada dos novos atletas que já estão se entrosando bastante. A liderança de Roger e Paulo Paixão [preparador físico]. Diego Cerri que também faz um trabalho muito próximo dos atletas. Nosso papel agora é estar observando, estar olhando sem querer se envolver demais, porque cada um tem seu papel dentro do clube, mas eu, como presidente, sempre fui muito próximo do dia-a-dia do futebol e seguirei assim. Acho que faz faço minha parte também nesse aspecto. Mas tem uma hora, como é esse momento aqui, que nos resta fazer o que a gente faz, cuidar do clube, contratar, contratar a equipe técnica e agora fazer nossas orações e torcer", comentou.

 

Na manhã desta quarta, o Bahia registrou a marca de 40 mil sócios. Bellintani falou dessa 'lua de mel' com o torcedor que tem abraçado o projeto da diretoria de reconstrução do clube.

 

"É mais um momento bonito do clube. Como eu falei hoje no Instagram, 40 mil sócios não significa em primeiro momento, melhoria de arrecadação do clube. Lógico que o plano de sócios se tornou uma fonte de renda importante pro clube, mas chegar num volume desse tipo é principalmente uma marca da democracia do Bahia. De um clube que até 2013 era comandado por poucos e desde então passou a ser comandado pelos seus sócios. Quanto mais sócios a gente tiver, mais representa a nossa torcida, inclusive aqueles que não tem condições financeiras de sócio ainda. Portanto, acho que é o alcance de 40 mil sócios é o símbolo da democracia do clube", disse.

 

O jogo de ida deste confronto entre Bahia e Grêmio terminou empatado em 1 a 1. Com esse resultado, quem vencer esse segundo encontro avança para a semifinal. Uma nova igualdade no placar leva a decisão da vaga para os pênaltis.

Vitória vence time de Pernambuco por 1 a 0 pelo Brasileiro Feminino
Foto: Divulgação / Vitória

A equipe de futebol feminino do Vitória conseguiu um resultado importante nesta quarta-feira (17), pelo Campeonato Brasileiro. As Leoas venceram o Vitória/Santa Cruz por 1 a 0, no Barbosão, em Chã Grande (PE).

 

O gol das Leoas foi marcado pela atacante Verena. Com o resultado, o Vitória chegou aos 14 pontos e ocupa temporariamente a oitava colocação.

 

O Vitória volta a campo na próxima segunda-feira (22), quando irá encarar o São Francisco, às 15h, no Centro Esportivo Praia do Forte, em Mata de São João.

Quarta, 17 de Julho de 2019 - 18:33

Bahia e Grêmio com escalações definidas para jogo na Fonte Nova

por Ulisses Gama

Bahia e Grêmio com escalações definidas para jogo na Fonte Nova
Foto: Ulisses Gama / Bahia Notícias

Momentos antes da bola rolar, Bahia e Grêmio divulgaram as suas escalações para o jogo desta quarta-feira (17), na Arena Fonte Nova, pelas quartas de final da Copa do Brasil.

 

O Bahia do técnico Roger Machado está confirmado com Douglas; Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Juninho e Moisés; Gregore, Elton e Eric Ramires; Élber, Artur e Gilberto.

 

Já o Grêmio do técnico Renato Gaúcho tem a seguinte formação: Paulo Victor; Leonardo, Kannemann, Geromel e Bruno Cortez; Maicon, Matheus Henrique e Jean Pyerre; Alisson, Everton e André.

 

A partida decisiva entre as duas equipes está marcada para começar às 19h15. Confira as fichas das equipes:

 

Foto: Reprodução / Twitter / ECBahia

 

Foto: Divulgação

 

 

Bellintani afirma que Bahia vai aguardar para fazer novas movimentações no mercado
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

De olho na sequência da temporada, o Bahia fez sete contratações para reforçar o seu elenco. E deve parar por aqui neste momento. Foi o que disse o presidente do clube, Guilherme Bellintani. Segundo ele, a diretoria vai aguardar para decidir se trará mais jogadores. O nome do colombiano Raúl Loaiza, que vinha sendo analisado pelo Tricolor, foi citado pelo mandatário.

 

"Vi o nome do Loaiza, foi um daqueles que analisamos profundamente. Seis ou sete jogadores que foram no mesmo nível de análise que ele, mas nenhuma dessas negociações avançou. Poderíamos trazer mais um ainda, mas entendemos que não está no momento certo, por circunstâncias comerciais. Também a gente entende que temos que observar um pouco mais os jogadores que trouxemos para saber se haverá carência e em que setor haverá carência", disse, em entrevista ao Bahia Notícias.

 

Os zagueiros Juninho, Wanderson e Marllon, o lateral Giovanni, o volante Ronaldo, o meia Guerra e o atacante Lucca são os novos jogadores do Esquadrão. Para Bellintani, o trabalho no mercado da bola foi satisfatório.

 

"Acho que a gente supriu uma lacuna boa, que era na zaga. A gente tinha uma zaga que foi prejudicada pela lesão de Jackson no meio do ano, na cotovelada em abril, maio. Depois Ernando, com uma hérnia de disco. Depois uma proposta para Everson, que a gente entendeu como positiva. Proposta para fora, para Portugal. A gente foi ao mercado e contratou três zagueiros de bom nível, que chegam para disputar a titularidade. Além da zaga, a reposição de Paulinho foi muito importante. A vinda de Guerra, meia com características positivas que a gente entende que tem a somar com o time. Ronaldo, do Flamengo, para suprir a saída de Douglas Augusto. Lucca, que é um jogador que a gente namora há muito tempo", explicou.

 

Nesta quarta-feira (17), às 19h15, Bahia e Grêmio se enfrentam na Arena Fonte Nova pelas quartas de final da Copa do Brasil.

Campeonato Brasileiro Sub-20: Bahia vence o Vitória no Barradão
Foto: Maurícia da Matta

O Bahia venceu o Vitória por 1 a 0 nesta quarta-feira (17), no Barradão, em confronto válido pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro Sub-20. O gol foi marcado pelo meia Douglas.

 

Com o resultado, o Bahia chegou ao seu primeiro triunfo no certame e agora tem cinco pontos conquistados. Já o Vitória segue com dois e ocupa a lanterna.

 

O próximo compromisso do Bahia é contra o América-MG, sábado (20), às 15h, em Pituaçu, enquanto o Vitória pega o Fluminense, no mesmo dia e horário, nas Laranjeiras.

Nino Paraíba revela recuperação em três turnos e garante estar pronto para jogar
Foto: Ulisses Gama / Bahia Notícias

Recuperado de uma torção no tornozelo, o lateral-direito Nino Paraíba é um reforço para o Bahia na partida contra o Grêmio, nesta quarta-feira (17), na Arena Fonte Nova, pelas quartas de final da Copa do Brasil. Ao chegar nas dependências do estádio, o jogador contou detalhes de sua recuperação e garantiu estar preparado.

 

"To me sentindo bem, quero agradecer primeiro a Deus, e depois aos fisioterapeutas Tiago e Neto que me ajudaram bastante na recuperação. Três turnos, dois no clube e um em casa a noite. Graças a Deus deu certo e estou preparado", disse, em entrevista ao Bahia Notícias.

 

Nino destacou o momento histórico que o clube vive e mostrou confiança no avanço do Esquadrão de Aço.

 

"A gente sabe que pode entrar na história do clube. Creio que iremos chegar na semifinal. E, se Deus quiser, na final", indicou.

 

A bola começa a rolar para Bahia e Grêmio a partir das 19h15.
 

Com 'esquente' e fogos de artifício, torcedores apoiam delegação do Bahia antes de decisão
Foto: Matheus Caldas / Bahia Notícias

Horas antes do jogo decisivo na Arena Fonte Nova, torcedores do Bahia se aglomeram em frente ao hotel em que o Bahia está concentrado nesta quarta-feira (17) para encarar o Grêmio, pelo segundo jogo da semifinal da Copa do Brasil, às 19h15. O ônibus da delegação tricolor está marcado para deixar o local às 17h10, em direção ao estádio.

Desde meados da tarde, torcedores chegaram para esperar um contato com jogadores e comissão técnica. Muitos tricolores já levaram as bebidas para o tradicional “esquente” pré-jogo, além de fogos de artifício.

O duelo entre baianos e gaúchos pode marcar a primeira classificação do Esquadrão à semifinal do torneio nacional. Para isto, o time treinado por Roger Machado precisa vencer por qualquer placar. Novo empate leva a decisão para os pênaltis – a primeira partida terminou em 1 a 1, na Arena do Grêmio.




Fotos: Matheus Caldas / Bahia Notícias

Técnico do Floresta vê disputa aberta com Jacuipense e quer explorar contra-ataque
Foto: Reprodução / Facebook

O jogo no Ceará terminou empatado em 2 a 2 e a definição das quartas de final da Série D do Brasileiro entre Floresta e Jacuipense ficou para o duelo em Riachão do Jacuípe. A partida de volta será domingo (21), às 15h, no Valfredão. Apesar da decisão ser na casa do adversário, o técnico do cearense, Raimundo Vagner, conhecido como Raimundinho, vê a disputa aberta e quer sua equipe explorando os contra-ataques.

 

"O sonho do acesso continua bem vivo, porque agora eles vão ter que nos atacar, vão ter que propor o jogo, e propor o jogo contra o Floresta, não deu certo ainda. Esperamos manter esse ritmo de marcação forte e explorar bem os contra-ataques para vencer o jogo", afirmou o comandante.

 

Apesar do empate em casa não ter sido bom negócio, Raimundinho disse que o jogo serviu para observar as capacidades do Jacuipense. Para o treinador, o Floresta precisa diminuir os erros e apostar na força física e na velocidade dos seus jogadores para superar o adversário.

 

"Os erros vão acontecer. No futebol, é minimizar o máximo dos erros. A gente sabia da equipe que íamos enfrentar, pesquisou e analisou bem, sabia que era de qualidade. Às vezes o torcedor não entende, ele quer jogar toda hora o time para cima, mas o futebol não é assim. A gente tem que ter humildade e atenção. Criamos demais, tivemos chances de fazer três, quatro gols, bola na trave, acho que o melhor em campo foi o goleiro, mas está em aberto, vamos buscar lá o resultado, temos condições", analisou.

 

Além da classificação à semifinal, o vencedor deste segundo jogo do confronto entre Floresta e Jacuipense conquista também uma das quatro vagas de acesso à Série C de 2020. Um novo empate leva a decisão para os pênaltis.

Quarta, 17 de Julho de 2019 - 16:05

Lucas Cândido aparece no BID e fica à disposição do técnico Osmar Loss

por Glauber Guerra

Lucas Cândido aparece no BID e fica à disposição do técnico Osmar Loss
Foto: Divulgação / Vitória

Recém-contratado pelo Vitória, o volante Lucas Cândido teve o seu nome publicado nesta quarta-feira (17) no Boletim Informativo Diário (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Com isso, ele está à disposição do técnico Osmar Loss para o confronto contra o Criciúma, sexta-feira (19), às 21h30, no Barradão, válido pela 10ª rodada da Série B.

 

Lucas Cândido tem 25 anos e pertence ao Atlético-MG. O jogador foi cedido por empréstimo ao Vitória até o fim da temporada.

 

Com quatro pontos, o Vitória ocupa a lanterna da Série B, enquanto o Criciúma tem 12 e aparece na 12ª colocação.

Zagueiro do Brusque convoca torcida para decisão do acesso contra a Juazeirense
Foto: Divulgação / Brusque

Por ter perdido o jogo de ida por 1 a 0, o Brusque está em desvantagem no confronto com a Juazeirense pelas quartas de final da Série D do Brasileiro. Quem vencer, além de passar para a semifinal, conquista uma das quatro vagas de acesso à Série C de 2020. A partida de volta será domingo (21), às 16h, no Augusto Bauer. Para esta decisão, o zagueiro Ianson convocou a torcida catarinense para apoiar a equipe da casa.

 

"Não fizemos um jogo ruim. Tivemos chances de sair de lá com um resultado melhor, mas infelizmente não conseguimos. Agora é trabalhar forte essa semana para decidir essa vaga dentro de casa. Contamos com o apoio do nosso torcedor", afirmou.

 

Titular do Brusque, Ianson já disputou 24 jogos pela equipe nesta temporada. Ele destacou a importância desta partida contra a Juazeirense que pode marcar a carreira dos jogadores do elenco, caso consigam reverter a situação no confronto.

 

"Seria um acesso histórico para o clube e cidade. Sabemos das dificuldades que vamos enfrentar, mas estamos preparados para lutar até o fim por esse objetivo. É o jogo mais importante, não só da minha carreira, mas de muitos aqui também", disse.

Copa do Brasil Sub-17: CBF antecipa partida entre Vitória e Ceilândia-DF
Foto: Maurícia da Matta

A partida entre Vitória e Ceilândia-DF pela primeira fase da Copa do Brasil Sub-17 foi antecipada. O jogo, que estava programado para o dia 4 de agosto, agora acontecerá no dia 3, um sábado, às 15h, no Barradão.

 

Quem passar do duelo entre Vitória e Ceilândia vai encarar o vencedor de ABC e Fluminense, que se enfrentam no dia 4 de agosto.

 

A Copa do Brasil Sub-17 contará com 32 equipes na disputa. A partir da segunda fase, os confrontos serão de ida e volta.

 

Em 2015, o Vitória foi campeão da Copa do Brasil Sub-17. Na ocasião, o time era dirigido por João Burse, atualmente no comando da equipe sub-20 do rubro-negro.

Quarta, 17 de Julho de 2019 - 14:30

Após suspensão, Clebson retorna ao time da Juazeirense para decisão com Brusque

por Leandro Aragão

Após suspensão, Clebson retorna ao time da Juazeirense para decisão com Brusque
Foto: Divulgação / Juazeirense

O meio-campista Clebson vai reforçar a Juazeirense na decisão contra o Brusque, no próximo domingo (21), pelo jogo de volta das quartas de final da Série D do Brasileiro. O duelo vai definir o classificado à semifinal da competição e uma das quatro vagas de acesso à Série C de 2020. Ele cumpriu suspensão por ter recebido o terceiro cartão e desfalcou a equipe no primeiro duelo. 

 

Com o retorno de Clebson, o técnico Maurílio Silva terá força máxima para a decisão de domingo. Por ter vencido o duelo de ida por 1 a 0, o Cancão de Fogo joga pelo empate para avançar na competição e subir de divisão no futebol brasileiro. A repetição do placar, mas a favor do Brusque leva a decisão para os pênaltis. Para ficar com a vaga de forma direta, o time catarinense precisa do triunfo por dois gols de diferença.

'Esse jogo da volta é a vida do Jacuipense', diz Jonílson Veloso sobre decisão na Série D
Foto: Leandro Aragão / Bahia Notícias

No próximo domingo (21), às 15h, no Valfredão, o Jacuipense decidirá o acesso à Série C contra o Floresta. O confronto das quartas de final da Série D está empatado em 2 a 2 e quem vencer este segundo duelo avança de fase e sobe de divisão no futebol brasileiro. O técnico do Leão do Sisal, Jonilson Veloso, destacou a importância deste compromisso.

 

"Esse jogo da volta é a vida do clube na Série D. A gente sabe que temos que ter um pouco mais de cuidado. No futebol, não podemos errar do jeito que erramos. Erramos duas vezes [na primeira partida] e fomos punidos sofrendo dois gols. Mas o adversário também tem seus méritos. O Floresta é uma equipe muito boa, tivemos dificuldades no jogo. Mas está tudo tranquilo para que a gente venha decidir esse jogo dentro de casa", afirmou em entrevista ao Bahia Notícias.

 

No jogo de ida, disputado no Presidente Vargas, o Jacuipense abriu o placar no final do primeiro tempo e segurou o resultado até os 29 minutos da etapa final quando sofreu o empate e, logo em seguida, a virada. Porém, a equipe baiana conseguiu arrancar o empate aos 43.

 

"Foi um jogo que a gente já sabia a dificuldade que iríamos enfrentar lá pelo time deles ser muito rápido e jovem. Soubemos controlar bem até os 30 minutos do segundo tempo. Mas o jogo só termina quando o juiz apita e acabamos falhando em jogadas que sabíamos que era o ponto forte deles, que é a bola parada, como foi o primeiro gol. No lance do segundo, a gente também sabia que eles são muito rápidos, saímos para cobrar o escanteio e acabamos tomando o contra-ataque. O bom disso tudo é que tivemos força para arrancar o empate", analisou Jonilson.

 

Apesar das falhas do Jacuipense, Jonilson Veloso considerou o empate com o Floresta, fora de casa, como um bom resultado. Uma vitória simples em Riachão do Jacuípe garante o acesso ao Leão do Sisal.

 

"Foi um resultado bom na casa do adversário. A gente sabe que na Série D as coisas são muito difíceis onde dos quatro jogos, três mandantes ganharam seus jogos, fizeram valer o mando de campo. E nós saímos de lá com um resultado onde o confronto está em aberto para a gente decidir no nosso domínio, onde sabemos que somos muito fortes. Temos esta semana para nos preparar, fazer uma boa estratégia para conseguir esse acesso que é tão desejado para a cidade de Riachão e o Esporte Clube Jacuipense", finalizou.

Antes de decisão contra o Grêmio, Bahia chega aos 40 mil sócios: 'Marca histórica'
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

O Bahia alcançou nesta quarta-feira (17), dia do jogo contra o Grêmio, o número de 40 mil associados. A marca foi celebrada pelo clube através das redes sociais com um vídeo com torcedores das mais diversas categorias. Chegar a esta quantidade de sócios era um objetivo da diretoria tricolor até a partida decisiva pelas quartas de final da Copa do Brasil.

 

Em contato com a reportagem do Bahia Notícias, o vice-presidente do Bahia, Vitor Ferraz, valorizou o apoio da torcida e destacou a importância a associação para o futuro do clube.

 

"Chegar aos 40 mil é uma marca histórica do clube. O Bahia sempre teve como principal marca a sua torcida e ela vem entendendo o papel fundamental que tem. Hoje, os sócios são os principais patrocinadores do clube. É uma fonte de recurso fundamental para este processo de reestruturação. Vamos lembrar que há seis anos, no período das trevas, as pessoas eram proibidas de se associar e muita gente via na associação a forma de salvar o clube. Isso vem se mostrando a mais pura verdade. Agradecer é o que a gente pode fazer nesse momento. Temos sócios a conquistar, a nação tricolor é grande. Ao nosso torcedor, um muito obrigado", afirmou.

 

Sobre o jogo desta noite, que pode levar o Bahia pela primeira vez às semifinais da Copa do Brasil, Ferraz não escondeu a expectativa e mostrou confiança em um bom resultado a favor do Esquadrão de Aço.

 

"Há uma mobilização na cidade e a gente fica emocionado de ver. A expectativa é muito grande, mas temos que transmitir tranquilidade aos nossos atletas para que eles possam fazer o que tem que ser feito. É um momento bonito na história porque há junção entre bom futebol, bons resultados, felicidade do torcedor, avanços em diversas áreas. É mais do que um jogo importante, é um jogo simbólico. Estão reunidos todos os elementos para que a gente saia triunfante. É um jogo difícil, temos um adversário qualificado, com um treinador bom, jogadores espetaculares, mas acreditamos no trabalho sendo feito e essa retribuição é merecida. Vamos fazer com que tudo isso que vem acontecendo seja simbolizado com a classificação", indicou.

 

Bahia e Grêmio se enfrentam às 19h15, na Arena Fonte Nova.

 

 

Quarta, 17 de Julho de 2019 - 12:55

Com dor na canela, Wesley é poupado do treino do Vitória

por Glauber Guerra

 Com dor na canela, Wesley é poupado do treino do Vitória
Foto: Divulgação / Vitória

O atacante Wesley não participou do treino do Vitória na manhã desta quarta-feira (17), no CT Manoel Pontes Tanajura. O jogador se queixou de dor na canela e foi poupado da atividade pela comissão técnica. No trabalho realizado na última terça (16), o atleta sofreu uma pancada no local. A princípio, ele não preocupa para a partida contra o Criciúma, sexta (19), às 21h30, no Barradão, válido pela 10ª rodada da Série B.

 

O treino foi fechado à imprensa. De acordo com a assessoria do clube, o técnico Osmar Loss comandou um tático com ênfase em bola parada e finalizações.

 

O Vitória encerra a preparação para o confronto na tarde de quinta-feira (18). Novamente, o treino será fechado à imprensa.

 

Com quatro pontos, o time comandado pelo técnico Osmar Loss ocupa a lanterna da Série B.

Árbitro da Fifa vai apitar jogo entre Jacuipense e Floresta pela Série D do Brasileiro
Foto: Divulgação

A Confederação Brasileira de Futebol escalou o árbitro Dewson Fernando Freitas da Silva para apitar o duelo entre Jacuipense e Floresta, pelo jogo de volta das quartas de final da Série D do Brasileiro. Ele faz parte do quadro da Fifa. A partida decisiva vai acontecer no próximo domingo (21), às 15h, no Estádio Eliel Martins.

 

Dewson Fernando Freitas será auxiliado pelos assistentes Guilherme Dias Camilo, também da Fifa, e por Helcio Araujo Neves, do quadro da CBF. A função de quarto árbitro será de Ronei Candido Alves, também da CBF.

 

O primeiro jogo entre Jacuipense e Floresta terminou empatado em 2 a 2 e por isso quem vencer fica com a classificação à semifinal e também com uma das quatro vagas de acesso à Série C de 2020. Uma nova igualdade no placar leva a decisão para os pênaltis.

 

JUAZEIRENSE
Já para a decisão do confronto entre Juazeirense e Brusque, marcado para domingo, às 16h, no Augusto Bauer. A arbitragem será comandada por Marcelo de Lima Henrique, da CBF. Ele terá Rodrigo Figueiredo Henrique Correa, da Fifa, e Carlos Henrique Alves de Lima Filho, da CBF, como assistentes. João Ennio Sobral, também da entidade nacional, será o quarto árbitro da equipe.

 

Por ter vencido o jogo de ida por 1 a 0, a Juazeirense precisa apenas de um empate para ficar com a vaga na semifinal e o acesso à Série C do ano que vem. Enquanto o Brusque precisa vencer por dois gols de diferença. A vitória catarinense por um tento a mais leva a decisão para os pênaltis.

Histórico de Conteúdo