Após casos de Covid-19 em agências bancárias, sindicato envia representação ao MPT-BA
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias

O Sindicato dos Bancários da Bahia (SBBA) ingressou nesta segunda-feira (18) com uma representação junto ao Ministério Público na Bahia (MPT-BA) por conta do aumento dos casos de coronavírus identificados em agências bancárias do estado. A informação consta nesta segunda-feira (18) no site do grupo.

 

Na nota divulgada, o sindicato diz que os casos mostram “a negligência dos bancos com a saúde dos funcionários, prestadores de serviços, vigilantes e a própria população que, sem alternativa, precisa recorrer às unidades”.

 

Na representação, a entidade pede aumento na fiscalização e exige a realização de testes nos funcionários das agências que tenham registrado casos de Covid-19. “Há denúncias de que em muitas agências, apesar de as empresas suspenderem as atividades e fazerem a higienização, em poucos dias os trabalhadores retornam ao trabalho sem qualquer tipo de teste podendo, inclusive, aumentar o contágio, já que muitas pessoas podem ter o vírus e não manifestar”, diz trecho do comunicado.

 

O sindicato argumenta que “já tentou tratar sobre o caso em mesa de negociação com a Fenaban (Federação Nacional dos Bancos)”. “A entidade cobra a realização dos testes em todos os funcionários, para garantir maior proteção a todos. Mas, as empresas alegam que não podem fazer. O assunto volta ao debate na próxima reunião”, conclui.

Histórico de Conteúdo