Sábado, 17 de Fevereiro de 2018 - 00:00

TJ-BA precisará de suplementação de verba para pagar servidores e magistrados

por Cláudia Cardozo

TJ-BA precisará de suplementação de verba para pagar servidores e magistrados
Foto: Max Haack/ Ag. Haack/ Bahia Notícias

Com pouco incremento no orçamento, comparado ao ano de 2017, o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) terá um aperto no final do ano para custear o salário dos servidores e magistrados. O orçamento para o ano de 2018 é de pouco mais de R$ 2,4 bilhões. Em 2017, o orçamento foi de R$ 2,3 bilhões (veja aqui). Para este ano, o tribunal dispõem em caixa de R$ 1,9 bilhão para custear a folha de pagamento. A média mensal oscila entre R$ 203 milhões a R$ 182 milhões. Em novembro, a previsão orçamentária para pagar todos os salários é de R$ 20 milhões e, em dezembro, R$ 16 milhões. Somente com auxílio-alimentação e transporte, o TJ-BA gastará cerca de R$ 72 milhões ao longo do ano. Com assistência médica do Planserv, o dispêndio será de R$ 43 milhões e com encargos de benefícios especiais, não detalhados no orçamento, será de R$ 240 mil. Também há previsão de verba para custear um concurso público, estimado em R$ 1 milhão. O concurso, provavelmente, será para magistrados. O Tribunal, em nota ao Bahia Notícias, confirmou a necessidade da suplementação, mas disse que ainda é "prematuro precisar os valores absolutos, já que implementaremos uma gestão aperfeiçoada e focada na economicidade". No comunicado, o TJ, através da Secretaria de Planejamento, Orçamento e Compliance, ainda diz que é "prudente que se inicie um diálogo entre os poderes" para garantir a suplementação.



Histórico de Conteúdo