Segunda, 16 de Dezembro de 2013 - 16:50

Bahia tem o 6º pior acesso à Justiça, aponta estudo

Bahia tem o 6º pior acesso à Justiça, aponta estudo
Um estudo elaborado pelo Ministério da Justiça, lançado nesta segunda-feira (16), apontou a Bahia como o 6º estado com o pior acesso aos serviços ligados ao Judiciário no país. O Índice Nacional de Acesso à Justiça (Inaj), elaborado pelo Ministério da Justiça em parceria com universidades, instituições públicas e entidades, considera o número de profissionais e de unidades judiciais – Defensoria Pública, Ministério Público, Procons, entre outras instâncias – para quantificar o grau de dificuldade que a população enfrenta ao tentar usar estes serviços.
 
O portal do Atlas do Acesso à Justiça, onde o documento será disponibilizado, também traz informações sobre serviços extrajudiciais, como cartórios e delegacias. O estudo aponta o estado do Maranhão como o pior índice entre as 27 unidades da federação, com apenas 0,06. O melhor índice está no Distrito Federal, com 0,041. O índice baiano é de 0,09, abaixo da média nacional de 0,16.

Histórico de Conteúdo