Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Quarta, 18 de Maio de 2022 - 21:15

Técnico do Galícia projeta Série B do Baianão: 'Nossa luta é para subir'

por Nuno Krause

Técnico do Galícia projeta Série B do Baianão: 'Nossa luta é para subir'
Foto: Ulisses Gama / Bahia Notícias

O técnico do Galícia, Fernando Dourado, projetou, nesta quarta-feira (18), a participação do clube na Série B do Baianão 2022, marcada para começar no próximo domingo (22). Em entrevista ao programa BN Na Bola, da Rádio Salvador FM 92,3, apresentado por Emídio Pinto, Glauber Guerra e Ulisses Gama, o comandante ressaltou que o time vai brigar para subir para a Série A. 

 

"Nossa luta é para subir. O Galícia é o único representante da nossa capital. Passo essa mensagem para os atletas, da grandeza do Galícia. É um orgulho muito grande fazer parte dessa história", destacou. 

 

O Demolidor de Campeões, que volta após três anos, estreará contra o Jacobina, no estádio José Rocha, em Jacobina, no domingo, às 14h45. De acordo com Fernando Dourado, devido ao pouco tempo de trabalho, o foco foi reforçar bem o sistema defensivo. 

 

"Tivemos que atropelar uma pré-temporada, à base do empirismo. Atropelando as valências físicas, entramos na primeira semana na parte tática. Uma equipe nessa competição precisa ser automatizada e trabalhar para defender", ponderou. 

 

Contudo, ele ressalta que o a parte ofensiva também tem que funcionar. "Já está na metodologia do meu trabalho. É uma equipe que sem posse de bola se defende e com posse de bola é usando o último terço do campo o tempo todo. Uma equipe que troca de posicionamento, que chega, credencia, que tem maturidade de propor o jogo", explicou. 

 

Fernando Dourado foi campeão invicto da Série B em 2014, com o Colo-Colo. O treinador tem passagem, no futebol baiano, pelo Flamengo de Guanambi. Seu último clube foi o Atlético Gloriense, de Sergipe. 

 

O Galícia mandará seus jogos no estádio de Pituaçu, em Salvador (veja aqui). 

Histórico de Conteúdo