Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Sexta, 10 de Dezembro de 2021 - 21:45

Ex-gerente de marketing do Bahia, Lênin Franco lamenta queda: 'Estou sentindo o baque'

por Glauber Guerra, do Rio de Janeiro / Nuno Krause

Ex-gerente de marketing do Bahia, Lênin Franco lamenta queda: 'Estou sentindo o baque'
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias

O ex-gerente de marketing do Bahia, Lênin Franco, afirmou que está "sentindo o baque" do rebaixamento do Bahia para a Série B do Brasileirão. Atualmente no Botafogo, que ascendeu à Primeira Divisão, o profissional espera que o clube se recupere rápido. 

 

"Saí do Bahia em julho, o Bahia estava em sétimo lugar. Ainda estou sentindo o baque, porque foram oito anos de clube, além de ter toda a minha relação histórica com o Bahia. Sabemos que isso vai impactar muito no trabalho, mas o Bahia já passou por situações piores na sua história. Tem muita gente competente lá dentro. Tenho certeza que vai conseguir se recuperar em 2022 e terminar o ano subindo para a Primeira Divisão", afirmou, em entrevista ao Bahia Notícias, nesta sexta-feira (10).

 

Lênin está presente no Prêmio Brasileirão 2021, que condecora os melhores da temporada, no Rio de Janeiro. Apesar da tristeza pelo Esquadrão, ele comemora a situação atual do Fogão. Desde que chegou ao Alvinegro carioca, o dirigente revelou um crescimento exponencial no número de sócios e nas ações de marketing. 

 

"Na parte da minha área, a gente tem conseguido números bem importantes. Foram mais de 5 mil sócios nos últimos meses, crescemos com o engajamento nas redes sociais, fechamos três novos patrocinadores e o patrocinador master. O Botafogo não tinha há dois anos um patrocinador master. Como tínhamos toda essa bagagem do Bahia, chegamos ao Botafogo sabendo os atalhos. Fico feliz pelos resultados", destacou. 

 

Ele espera que o Botafogo tenha um desempenho "seguro" na temporada 2022. "Subimos para a Série A com o pézinho no chão. Temos que fazer um campeonato seguro. Não vou chegar e enganar a torcida falando que chegamos para disputar título, mas temos condição de fazer um belo campeonato", pontuou. 

Histórico de Conteúdo