COI altera regra e futebol masculino dos Jogos Olímpicos de Tóquio será sub-24 
Gabriel Jesus terá 24 anos em 2021 | Foto: Tiago Caldas / Bahia Notícias

O Comitê Olímpico Internacional (COI) aumentou para 24 anos o limite de idade dos jogadores para o torneio de futebol masculino dos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020. Tradicionalmente a disputa era para a categoria sub-23, desde 1992, mas com o adiamento do evento para o ano que vem por conta da pandemia global do coronavírus, a entidade resolver fazer essa alteração.

 

A medida beneficiou a seleção brasileira que poderá contar com onze jogadores que estiveram no pré-olímpico que garantiu vaga em Tóquio. Dentre eles, destaque para o atacante Gabriel Jesus, do Manchester City. Apesar de não ter disputado o torneio classificatório, ele faz parte do elenco principal, comandado por Tite, e estava cotado para reforçar a equipe no Japão. No entanto, com o adiamento, ele já completaria 24 anos e ficaria de fora por causa do limite anterior. Já os meias Lucas Paquetá e Matheus Henrique, que foram dois dos principais nomes do Brasil na classificação para Tóquio, também já terão 24 no ano que vem, assim como o volante Bruno Guimarães, do Lyon, que havia sido chamado por Tite para a estreia nas eliminatórias, que também foram adiadas.

 

Vale lembrar que desde os Jogos Olímpicos de 1996, a regra permite a convocação de três jogadores acima dos 23 anos. Por causa disso, o atacante Neymar fez parte da seleção na conquista da medalha de ouro dos Jogos da Rio-2016.

 

Os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 estão marcados para acontecer entre 23 de julho e 8 de agosto de 2021. 

 

Confira os jogadores da seleção olímpica da última lista que completarão 24 anos em 2021:

 

Goleiros: Cleiton e Lucas Perri
Zagueiros: Gabriel, Luiz Felipe e Lyanco
Laterais: Caio Henrique e Ayrton Lucas
Meio-campistas: Lucas Paquetá, Matheus Henrique, Maycon e Wendel

Histórico de Conteúdo