Quarta, 19 de Junho de 2019 - 02:22

Daniel Alves lamenta empate e vê cobrança da torcida como normal

por Gabriel Rios

Daniel Alves lamenta empate e vê cobrança da torcida como normal
Foto: Tiago Caldas/ Bahia Notícias

Cria do Bahia, o lateral Daniel Alves retornou à Arena Fonte Nova, na noite desta terça-feira (18). Porém, com o empate sem gols diante da Venezuela, pela segunda rodada do Grupo A da Copa América, os baianos vaiaram a seleção em vários momentos da partida. Situação vista como natural pelo capitão da equipe.

 

“Sempre vou frisar que é sempre um prazer retornar a Bahia, jogar na Fonte Nova. Houve um clima diferente, a torcida participou bastante, e no final a cobrança normal. Resultado não veio, a gente também se cobra, trabalha por resultado, só a nossa constância dentro da competição para nos conduzir ao objetivo. Há essa desconfiança com a seleção brasileira, mas só a gente para reconquistar tudo isso”, disse em entrevista ao Bahia Notícias.

 

Sem encantar na Copa América, a seleção tem sido criticada pelas atuações contra Bolívia e Venezuela. Experiente, Daniel Alves aprovou o desempenho contra os venezuelanos e salientou que o time não pode perder a “essência do Brasil”.

 

“Criamos as melhores situações de jogo, fizemos uma partida bastante séria e completa, fizemos os gols que foram anulados, criamos situações de criar o resultado, infelizmente não foi possível. Tivemos uma certa imprecisão nas finalizações, mas acredito que é o caminho. Quando ganha, aumenta a confiança de poder arriscar mais, de poder fazer algo diferente, mas quando o resultado não está a seu favor, se necessita um pouco mais de dinamismo e seriedade do jogo, mas sem perder a essência do Brasil que é a criação e a improvisação”, explicou.

 

O próximo desafio do Brasil será diante do Peru, na Arena Corinthians, no sábado (22), às 16h, pela última rodada da primeira fase do certame sul-americano.

Histórico de Conteúdo