Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Quinta, 10 de Setembro de 2020 - 13:11

Vice-presidente da CBF sinaliza VAR na Série B em 2021: 'Depende dos clubes'

por Glauber Guerra / Leandro Aragão

Vice-presidente da CBF sinaliza VAR na Série B em 2021: 'Depende dos clubes'
Arte: Paulo Victor Nadal / Bahia Notícias

O vice-presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, sinalizou a utilização do árbitro de vídeo (VAR, na sigla em inglês), na Série B do Brasileiro de 2021. O dirigente participou da live do Bahia Notícias nesta quinta-feira (10) e disse que o martelo será batido pelos clubes participantes na reunião do conselho técnico que define os detalhes da competição.

 

"A Série B não aconteceu agora, mas provavelmente em 2021, muito clubes já pleiteiam o VAR na Série B. Vai depender da reunião do conselho técnico com os clubes", declarou na entrevista ao BN.

 

Inclusive, o recurso tecnológico tem sido alvo frequente de críticas, tanto pelos erros, quanto pela demora nas revisões. Ednaldo pediu paciência e que as melhorias na utilização virão com o tempo.

 

"Tudo que é novo precisa de tempo para adaptação. O importante é que os lances podem ser revistos e corrigidos. Quando você verifica que um clube pode perder uma partida por erro, isso interfere nas receitas. Mas a CBF tem trabalhado, não só [Leonardo] Gaciba [presidente da Comissão de Arbitragem da CBF] que tem uma estrutura muito grande. É treinamento o tempo todo, para que essa situação seja corrigida. Esperamos que num tempo breve todo mundo esqueça que os lances são corrigidos", disse.

 

Ednaldo também destacou na entrevista as mudanças que a CBF tem feito no comando do futebol feminino. No 2 de setembro, Aline Pellegrino assumiu a coordenação de Competições Femininas da entidade, enquanto Duda Luizelli, foi escolhida para coordenar a Seleção Brasileira Feminina.

 

"Essa administração tem se pautado em melhorar o futebol brasileiro em todas as suas categorias. Desde que a CBF contratou Pia [Sundhagem], uma treinadora de excelência no mundo, Rogério Caboclo tem feito investimentos para não só crescer, mas também se consolidar. Pessoas como Duda e Aline Pellegrino vão dirigir o futebol feminino, para que tenha um crescimento linear nas federações", analisou.

 

Na live do BN, Ednaldo Rodrigues falou de outros temas como o calendário do futebol brasileiro, a Medida Provisória 984 que trata dos direitos de transmissões dos clubes, os campeonatos estaduais, Série D, entre outras questões.

 

Assista a entrevista na íntegra:

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Assista a íntegra do bate-papo com o vice-presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, conduzido pelo nosso repórter @glauberguerra. #BNLive

Uma publicação compartilhada por Site Bahia Noti?cias (@bahianoticias) em

Histórico de Conteúdo