Quinta, 30 de Abril de 2020 - 20:41

Live do BN: Cielo admite que adiamento da Olimpíada favoreceu sua preparação

por Matheus Caldas

Live do BN: Cielo admite que adiamento da Olimpíada favoreceu sua preparação
Arte: Priscila Melo / Bahia Notícias

Campeão olímpico em 2008, em Pequim, o nadador Cesar Cielo, 33, ainda não sabe se vai brigar efetivamente para estar nos Jogos Olímpicos de Tóquio, adiados para o ano que vem. Contudo, ele afirmou nesta quinta-feira (30), em live no Instagram do Bahia Notícias, o adiamento pode ter sido benéfico para ele aprimorar o preparo físico e chegar forte à Olimpíada. 

 

“Eu vou ser sincero que esse ano eu não estava treinando muito bem. Estava tentando fazer outras coisas, focado em outras coisas. Mas essa postergada me deu mais tempo para retornar um pouco a forma física do jeito que eu gosto”, disse, em entrevista ao BN.

 

“Eu não estou pondo limite nenhum. Estou me mantendo treinando de uma forma parecida desde 2018, quando eu baixei um pouquinho o volume de treinos, mas, mesmo assim, voltei do Mundial de 2018 com duas medalhas”, acrescentou.

 

Cielo pontuou que a maioria dos atletas ficou temerosa durante o impasse se a Olimpíada seria ou não cancelada. “Um período muito difícil foi quando a gente estava naquela incerteza em mudança de datas. Como a gente não sabia no que ia resultar no final das contas, esse foi o período mais difícil, porque a gente achou que a seletiva olímpica era em junho e, de repente, a Olimpíada também. Essa incerteza foi muito difícil”, contou.

 

Para o atleta, o desafio é chegar motivado para as seletivas nacionais para os Jogos de Tóquio. “Estou me mantendo bem, fisicamente forte e bem. Agora é ajustar essas datas, porque, na minha idade, não vou mentir, depois de tudo que passei, é ter a motivação de pagar o preço que um bom resultado custa. Colocando no papel é algo que acontece naturalmente de você ver a possibilidade disso acontecer ou não”, comentou.


Assista a entrevista completa:

 

Histórico de Conteúdo