Quinta, 06 de Dezembro de 2018 - 16:53

Homenageado pelos campeões brasileiros de 88, ACM Neto destaca: ‘Meus ídolos’

por Ulisses Gama / Gabriel Rios

Homenageado pelos campeões brasileiros de 88, ACM Neto destaca: ‘Meus ídolos’
Foto: Ulisses Gama / Bahia Notícias

O prefeito ACM Neto foi homenageado pela Associação dos Campeões Brasileiros de 88 (ACB 88), comandada pelo ex-jogador João Marcelo, O evento também contou com as presenças dos campeões: Charles, Edinho, Zé Carlos e Gil Sergipano, dentre outros participantes do bicampeonato, nesta quinta-feira (6), no Palácio Thomé de Souza. Tricolor declarado, ele recebeu uma camisa do Esquadrão e uma réplica da taça do Brasileirão de 1988, conquistada pelo clube. A ação faz parte da comemoração dos 30 anos do segundo título nacional. Neto aproveitou para agradecer a homenagem.

 

“Como uso muito a camisa do Bahia, sobretudo quando vou para a Fonte Nova, então quanto mais, melhor. A questão da paixão de criança que nunca escondi, meu amor pelo futebol e pelo Bahia, é um dia muito feliz para mim. Estar sendo homenageado por aqueles que são meus ídolos. Na vida a gente cultiva alguns ídolos, e esse time de 88 pude acompanhar de perto”, salientou Neto.

 

Quem também esteve presente foi Guilherme Bellintani, atual presidente do Bahia e ex-secretário da gestão de ACM Neto. O prefeito aproveitou para elogiar o mandatário do Bahia e projetar grandes resultados ao clube dentro de campo.

 

“Bellintani é um dos melhores quadros que conheço. Com sucesso reconhecido na iniciativa privada e também na vida pública. Deu uma contribuição muito importante na nossa gestão, desempenhando funções cruciais, como Secretário de Educação, Secretário de Cultura e Turismo, Secretário de Desenvolvimento e Urbanismo... Discutimos muito a saída dele e quando percebi que era um desejo dele presidir o Bahia, eu disse tudo bem. Talvez se eu não fosse torcedor, ofereceria alguns obstáculos, mas vejo depois de um ano o grande trabalho que ele tem realizado no clube. Isso tem sido traduzido em campo, tivemos a nossa melhor pontuação no Campeonato Brasileiro e acho que a gente começa para o próximo ano, perspectivas ainda melhores, como quem sabe, lutar por uma vaga da Libertadores. Acho que seria um grande feito”, destacou.

 

Neto aproveitou para lembrar a grande conquista Tricolor: “Tivemos partidas emocionantes. Ter estado na semifinal que o Bahia ganhou para o Fluminense aqui em Salvador, e na final contra o Internacional, foram jogos inesquecíveis. Desde os quatro anos frequentava a Fonte Nova, e não ia só em partidas do Brasileiro. Frequentava também contra Leônico, Galícia, Ypiranga... Isso para uma criança faz toda diferença. Por isso sempre procuro levar minhas famílias. Acompanhar aquilo de perto, ter o orgulho de termos duas estrelas no peito e agora ser homenageado por esses campeões, é uma emoção muito grande”.

Histórico de Conteúdo