Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Marca Bahia Notícias
Você está em:
/
/
Tag

Artigos

Gel Varella
Uma Síntese Filosófica da Política Contemporânea: Uma Abordagem Dialética e Crítica
Foto: Divulgação

Uma Síntese Filosófica da Política Contemporânea: Uma Abordagem Dialética e Crítica

A construção de uma filosofia política robusta, democrática e inclusiva exige a integração das ideias mais significativas dos clássicos gregos, dos pensadores modernos e contemporâneos, e das correntes críticas do século XX. Este artigo busca sintetizar as contribuições de Sócrates, Platão, Aristóteles, Thomas Hobbes, John Locke, Jean-Jacques Rousseau, Karl Marx, John Rawls, a Escola de Frankfurt, Michel Foucault e Hannah Arendt, criando uma visão que busca promover uma democracia radical, inclusiva, ética e crítica.

Multimídia

“É uma estratégia do PT”, afirma Luciano Simões sobre a ‘pulverização’ de candidaturas em Salvador

“É uma estratégia do PT”, afirma Luciano Simões sobre a ‘pulverização’ de candidaturas em Salvador
Em entrevista ao Projeto Prisma, nesta segunda-feira (15), o presidente do União Brasil em Salvador e deputado estadual, Luciano Simões Filho, afirma que a redução no número de candidaturas na capital é “uma estratégia do PT”, que há 20 anos busca estratégias para se eleger no município. Este ano, o PT buscou uma articulação da base em torno do vice-governador e candidato emedebista, Geraldo. 

Entrevistas

"É um povo que tem a independência no DNA", diz Pedro Tourinho sobre tema do 2 de Julho em Salvador

"É um povo que tem a independência no DNA", diz Pedro Tourinho sobre tema do 2 de Julho em Salvador
Foto: Reprodução / Instagram / Pedro Tourinho
Salvador se prepara para receber mais uma vez as celebrações do 2 de Julho, data que marca a luta pela independência do Brasil na Bahia, que em 2024 tem como tema "Povo Independente". Na semana passada o Bahia Notícias conversou com o secretário de Cultura e Turismo da capital baiana, Pedro Tourinho, para esquentar o clima dos festejos desta terça-feira. Para o titular da Secult, o povo de Salvador tem a independência forjada em seu DNA.

rodelas

PM prende quatro acusados de invadir fazenda e ameaçar proprietário no Norte baiano
Foto: Divulgação / PM-BA

Quatro homens foram presos na tarde deste sábado (18) quando tentavam invadir uma propriedade rural em Rodelas, na divisa da Bahia com Sergipe e Alagoas. O quarteto foi detido por porte ilegal de arma de fogo.

 

Policiais militares da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) faziam rondas na zona rural de Rodelas, quando foram informados de que quatro homens armados em um veículo invadiram uma propriedade rural e estavam ameaçando o proprietário. Os PMs deslocaram ao local e prenderam os suspeitos.

 

Com eles, foram encontradas uma pistola calibre .9mm e uma pistola calibre .40, 29 munições, dois carregadores .40mm e dois carregadores .9mm.

 

Os acusados e o material apreendido foram apresentados na delegacia que atende à região, onde a ocorrência foi registrada.

Exame de DNA feito por família indígena pode revelar se criança dada como morta há 30 anos está viva
Foto: Ascom / DP-BA

O exame de DNA para investigação de maternidade realizado durante a passagem da Unidade Móvel de Atendimento (UMA) em Rodelas, no Território de Identidade Itaparica, pode desvendar o mistério sobre o desaparecimento de um corpo e reunir uma família indígena separada há 30 anos. O material genético coletado pelas integrantes da etnia pankará Maria das Graças da Silva, 63, e Auristela Silva Rosena, 35; e por Marluce dos Santos, 46, poderá dizer se essa última é a criança dada como morta após ter sido internada com um quadro de pneumonia, anemia aguda e cisto no cérebro.

 

“Eu passei um mês com ela no hospital de Floresta Azul, depois ela foi transferida e não pude acompanhar porque ficava longe e tinha que cuidar dos outros filhos. Deixei ela com as enfermeiras e a assistente social. Dias depois me ligaram dizendo que ela tinha morrido, mas não deram conta do corpo, nem das roupas que ela levou, nem de nada. Fomos ao hospital e o corpo tinha sumido”, relembra Maria das Graças.

 

A ausência do corpo e de documentos sobre a morte da criança de 11 anos registrada como Ângela Silva Rosena manteve acesa, no coração da mãe, a esperança de que ela estivesse viva. E, anos depois, a notícia de que uma mulher com deficiência intelectual morando em Rodelas reconheceu uma amiga de infância de Ângela, perguntou pelos padrinhos e pela mãe Gaguinha, como Maria das Graças é conhecida, trouxe a certeza de que a família estava prestes a se reencontrar.

 

“Quando soube dessa história, disse logo que a gente tinha que fazer DNA, pedi a minha mãe pra vir conhecê-la e, quando ela mandou a foto, tive certeza que podia ser ela [Ângela]. Os traços são muito parecidos com os da gente. A única coisa que quero com esse DNA é acabar com essa dúvida”, desabafa Auristela.

 

Para realizar o exame e acabar com a dúvida, ela enfrentou os 169 km que separam Santa Maria da Boa Vista (PE), onde mora, de Rodelas, onde vive a suposta irmã. Já dona Maria se deslocou por uma hora nos 74 km que separam sua casa em Itacuruba (PE) do município baiano.

 

O desfecho dessa história se dará entre 60 e 90 dias quando, segundo o servidor responsável pela coleta, Marcos Batista, será feita a entrega do resultado do exame. Para a coordenadora do Núcleo de Gestão de Projetos e Atuação Estratégica, Cristina Ulm, um atendimento como o prestado à família indígena representa não apenas o cumprimento de um dos serviços ofertados pela Unidade Móvel, mas sim a demonstração de seu potencial de transformação na vida das pessoas.

 

“Espero que o resultado desse exame possa dar fim à agonia que o sumiço do suposto corpo trouxe à essa família. Com sorte, no momento da entrega poderemos dar uma ótima notícia a essas mulheres tão sofridas, reconectá-las como família e possibilitar que tenham a oportunidade de recuperar o tempo perdido”, comentou a defensora pública, emocionada.

Se o exame confirmar a suspeita de Auristela, Marluce será o segundo parente perdido que reencontra. Em 2021, através das fotos nas redes sociais, ela reencontrou o irmão que havia sido roubado com quatro meses de vida. Nesse caso, a resolução foi mais fácil pois o jovem usava os nomes de registro. “A história que contavam pra ele e que ele tinha sido dado por pessoas em situação de rua, mas conversando com ele pela internet contei a história toda”, lembra Auristela.

 

SUPOSTA IRMÃ

Marluce Santos, a suposta irmã de Auristela, chegou em Rodelas por volta dos anos 2000 acompanhada pelo companheiro e viveu em situação de rua até ser acolhida por uma família. Através de uma ação judicial, foi registrada com o atual nome e data de nascimento estimada em 1º de janeiro de 1977. De acordo com a advogada Ione Nogueira que, após o falecimento da mãe adotiva, atua no processo de transferência da curatela de Marluce, ela possui deficiência intelectual.

 

“As vezes ela conversa e lembra de muita coisa do passado e tem horas que não lembra de nada. É como se o cérebro parasse e depois voltasse. Durante o processo de registro civil, ela sempre disse que se chamava Marluce, mas hoje ela disse que tinham botado o nome dela de Ângela e isso  pode ter sido uma lembrança”, conta a advogada.

Com assistência jurídica gratuita, unidade móvel da DP-BA vai até quatro municípios do interior
Foto: DP-BA

A Unidade Móvel e Atendimento (UMA) da Defensoria Pública da Bahia (DP-BA) irá às cidades de Pedro Alexandre, Jeremoabo, Rodelas e Chorrochó para oferecer atendimentos de resolução extrajudicial nos próximos dias. A ação fecha o mês da Defensoria Pública com atendimentos nos dias 29 e 30 de maio, 1º e 2 de junho. 

 

Através do caminhão da DP-BA, a população poderá ter acesso a atendimentos em todas as áreas de atuação da instituição estadual para soluções extrajudiciais de conflitos. Na oportunidade, será possível resolver questões de saúde, família (divórcio consensual, acordo de alimentos, regulamentação de visitas e guarda, reconhecimento de paternidade), retificação de registro de nascimento ou casamento, consulta processual, entre outros serviços.

 

Os atendimentos acontecerão por ordem de chegada, das 8h às 16h, não sendo necessário qualquer tipo de agendamento prévio. Além dos documentos básicos, como RG, CPF e comprovante de residência, é importante apresentar toda a documentação necessária para a resolução da demanda. No caso dos exames de DNA para reconhecimento de paternidade, por exemplo, é preciso apresentar a certidão de nascimento sem o nome do pai.

 

“Vamos levar garantia de direitos e mais cidadania para as pessoas que precisam da Defensoria da Bahia. A Unidade Móvel tem esse potencial gigantesco de encurtar a distância e levar os serviços que oferecemos nas nossas unidades fixas para todo o interior do estado”, destacou a coordenadora do Núcleo de Atuação Estratégica e Gestão de Projetos, que gerencia a UMA, Cristina Ulm.

 

Veja abaixo programação completa:

 

29 de maio, Pedro Alexandre
Praça Coronel João Maria de Carvalho, Centro (Próximo à Prefeitura)

 

30 de maio, Jeremoabo
Praça do Forró, Centro (Em frente ao Posto de Saúde)

 

1º de junho, Rodelas
Rua Manoel Moura, 94, Centro (Em frente a Prefeitura)

 

2 de junho, Chorrochó
Rua Coronel João Sá, s/n, Centro (Próximo à Igreja Católica Senhor do Bonfim)

‘Pianusco - Som das Águas’: Projeto propõe conscientização para preservar o São Francisco
Foto: Divulgação

Composto por estudantes da rede pública de ensino, o projeto “Pianusco - Som das Águas” se apresenta nos municípios de Paulo Afonso, Rodelas e Glória, nos próximos fins de semana, com a proposta de conscientizar para a preservação do rio São Francisco, através da música. Durante o evento, que faz sua 3ª edição itinerante, o pianista Klebson Birusko interage com o público convidando artistas locais para abrilhantarem o show-concerto. As apresentações acontecem no domingo (18), às 17h, no anfiteatro do Espaço Cultural Raso da Catarina, em Paulo Afonso. No sábado (24), às 17h, na Orla Fluvial de Rodelas. E no domingo (25), às 17h, na Orla Fluvial da Glória. O repertório, que conta com arranjos próprios e elementos rítmicos da cultura musical nordestina como o xote, xaxado e o baião; e da afro-brasileira, como o samba e o maracatu, prestigia obras populares de grandes compositores da música local e regional. 

Curtas do Poder

Ilustração de uma cobra verde vestindo um elegante terno azul, gravata escura e língua para fora
Descobri que a Ceasa tem dono e que ninguém toma. Mas algo que ainda me surpreende é pesquisa. Imagina perder tanta noite de sono pra não crescer nem mais do que a margem de erro? Mas nem por isso o Ferragamo tem o que comemorar. O que perdeu de cabelo, ganhou de pança. Mas na política tudo que vai, volta. Que o digam os nem-nem de Serrinha: nem amigos, nem inimigos. Saiba mais!
Marca Metropoles

Pérolas do Dia

Paulo Azi

Paulo Azi
Foto: Divulgação

"Se houver um candidato do PCdoB ou do PV, partidos que têm uma relação conosco diferente do PT, nós vamos avaliar. Cada caso será avaliado com diálogo e respeito". 

 

Disse o presidente estadual do União Brasil, o deputado federal Paulo Azi ao afirmar que a possibilidade de coligação com a federação PT, PCdoB e PV não foi motivo de preocupação do partido durante reunião da executiva. 

Podcast

Projeto Prisma entrevista deputado estadual Luciano Simões Filho nesta segunda-feira

Projeto Prisma entrevista deputado estadual Luciano Simões Filho nesta segunda-feira
O deputado estadual Luciano Simões Filho (União) é o entrevistado do Projeto Prisma nesta segunda-feira (15). O podcast é transmitido ao vivo a partir das 16h no YouTube do Bahia Notícias.

Mais Lidas