Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Hospital de Campanha da Fonte Nova é desativado e equipamentos são redistribuídos
Fotos: Mateus Pereira/GOVBA

O Hospital de Campanha Arena Fonte Nova encerrou as atividades nesta sexta-feira (16), após a alta do último paciente da unidade. O hospital foi criado para auxiliar na demanda de pacientes infectados pelo coronavírus na Bahia. Foi aberto no início de junho para atender exclusivamente pacientes com Covid-19. 

 

Com a desativação da unidade itens como respiradores, tomógrafo computadorizado, aparelho de Raio-X, dentre outros, que estavam sendo utilizados na unidade serão redistribuídos para a rede estadual.

 

A unidade chegou a ter 240 leitos, sendo 100 de terapia intensiva (UTI).

 

“Optamos por instalar a unidade numa área coberta e climatizada da Arena, ao invés de utilizar o graMado. Com a abertura dos leitos, conseguimos ampliar a oferta de UTI e fazer com que nenhum paciente ficasse sem atendimento”, comentou o secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas.

 

De acordo com o titular da Sesab, a rede de gases será mantida para que, em caso de necessidade, seja reativado rapidamente.

 

Após o procedimento de inventário dos equipamentos utilizados, o espaço passará por uma desinfecção terminal como medida de sanitização do ambiente a fim de, posteriormente, ser liberado para o uso em eventos esportivos. 

Histórico de Conteúdo