Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Após morte de jovem, família inicia campanha para compra de materiais para posto de saúde
Bruno Faria | Foto: Divulgação
Após a morte de um jovem de 25 anos, em Barra Grande, comunidade do município de Maraú, sua família iniciou uma campanha online de arrecadação de fundos para cobertura de gastos do funeral e também com o objetivo de fornecer ao único posto de saúde local equipamentos e suprimentos médicos. O paisagista Bruno Faria sofreu uma descarga elétrica, na manhã de 31 de dezembro, enquanto trabalhava. De acordo com sua irmã, Júlia Faria, a vítima foi socorrida por comerciantes locais e encaminhada ao posto de saúde. "O médico foi de uma infinita competência, fez o que pode, porém não houve recursos para resolver a situação", lamentou. Em memória ao empenho de Bruno na tentativa de ajudar a comunidade e a própria família, o valor arrecadado será utilizado em benefício da unidade médica. "Nós confirmamos que o posto de saúde em Barra Grande, onde Bruno foi levado, não tem desfibrilador, máscara de oxigênio ou cadeira de rodas. A equipe do posto nos fornecerá uma lista de outros itens e equipamentos que eles precisam", diz o texto no site Vakinha. Para Júlia, o mais importante no momento, é manter viva a memória bondosa do irmão. "Bruno era uma pessoa muito especial, ajudava muitas pessoas da comunidade. Todos se comoveram. Ele era paisagista. Fazia casa de pessoas milionárias e também humildes", contou. Até o momento, a página nacional da campanha (aqui) arrecadou aproximadamente R$ 7 mil, enquanto a página internacional (aqui) conta com mais de mil dólares.

Histórico de Conteúdo