Viver Bem: Setembro Vermelho alerta sobre o cuidado com as doenças cardiovasculares
Foto: Divulgação

O Dia Mundial do Coração é comemorado no dia 29 de setembro e não só a data, mas todo o mês, é marcado pela conscientização sobre os cuidados com um dos órgãos mais importantes do corpo humano, responsável por bombear o sangue e fazer com que ele circule por todo o corpo, através dos vasos sanguíneos.


As doenças cardiovasculares, afecções do coração e da circulação são as principais causas de mortes no Brasil, resultando em mais de 30% dos óbitos registrados. É o que indica o Cardiômetro - indicador do número de mortes por doenças cardiovasculares no País, idealizado pela Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC), que estima que, em 2019, 400 mil cidadãos brasileiros morrerão por doenças do coração e da circulação.


Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) indicam que, por ano, em todo mundo, o número de óbito por doenças cardiovasculares é maior do que por qualquer outra causa.
O cardiologista do Hapvida, Rogério Moreno, alerta sobre os cuidados preventivos e medidas terapêuticas que podem reverter essa grave situação. "Melhorar o estilo de vida, a começar pelos hábitos alimentares, a prática de exercícios físicos e visitar o médico regularmente. Essas práticas, com certeza, diminuem as chances de desenvolver a doença e proporcionam melhor qualidade de vida ao cidadão", disse.


Ainda segundo Moreno, o tabagismo, sedentarismo e doenças como diabetes e hipertensão são considerados fatores de risco para doenças no coração. "Geralmente as doenças cardiovasculares são assintomáticas, mas dão alguns indícios, como: dor de cabeça, na nuca, dor no peito, cansaço ou inchaço. É preciso que o paciente procure o médico para verificar a necessidade de iniciar um tratamento", orienta ao completar que o diagnóstico pode ser feito através de exames simples.
 
DICAS PARA PREVENÇÃO:
*Procurar médico ao menos uma vez por ano, quando já houver histórico familiar ou doenças como Hipertensão ou Diabetes;
*Ir ao médico ao menos duas vezes;
*Manter uma alimentação balanceada;
*Praticar atividade física regularmente.

Histórico de Conteúdo