Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Sexta, 19 de Fevereiro de 2021 - 13:05

Curtas e venenosas

por Natália Comte

Curtas e venenosas

*Estes meninos têm o que comemorar... estiveram à frente seu tempo. Ele, os fundadores do Crocodilo (Fred Boat, Luneta, Marcelo Lira, Batatinha, Alano, dentre outros), criaram o carnaval LGBT na Barra;

 

*Chego até a pensar que foram influenciadores na revelação da orientação sexual da Rainha Má(la), já que na época era uma representante da família tradicional;

 

*Eles eram os Meninos da San da época. Merecem até uma ala na Casa do Carnaval;

 

*Lumena pode até estar estragando a imagem da Bahia dentro do BBB 21 com aqueles discursos que não dizem nada para ninguém, mas uma chama de real representatividade foi acesa;

 

*A Globo percebendo nossa insatisfação já induziu as meninas a seguirem a marca do Tio Bell. A bandana virou um surto coletivo;

*Não sei sei é o clima de Carnaval ou falta de escova e chapinha na casa, mas elas agora só querem copiar o veterano do Axé;

 

*Longe de mim querer fazer fofoca, mas o povo tá dizendo que quem botou o AP do Wildberger no prego foi Tio Bell. Não acredito... só o que ganhou na live cobre seus custos e ainda sobra;

 

*Ainda sobra para manter a vida boa e o sonho de carreira dos Meninos 8976;

 

*Inclusive, Tio Bell tá tão poderoso que até o Iphan abriu mão da contrapartida social para a população ao ceder o Forte São Marcelo para ele fazer a live;

 

*Que boa ação, né? Usar o espaço público, tombado, ganhar dinheiro por isso e ainda não ter que retribuir em nada para sociedade. É o mundo perfeito;

 

*A live dele ajudou a elite de Salvador a relaxar a mente, gerando suas aglomerações nas lanchas;

 

*Foi bom para lembrar a época real do Chiclete e de quando o Camaleão aceitava sair na Avenida;

 

*Falando ainda da família, os Meninos 8976 estão comemorando 10 anos de carreira e eu julgando que ainda estavam para começar;

 

*Na minha cabeça, tudo não passava de ensaio de garagem, sabe? Quando os projetos de artistas ficam testando sonoridades. Enfim...;

 

*Quando na nossa vida a gente imaginou que o Carnaval iria se resumir a lives? O mundo já pode descer;

 

*E pelo andar da carruagem, capaz de não ter nem em 2022. Aí o povo do entretenimento coloca fogo na cidade toda;

 

*Aproveitei esse tempo para ficar de conchinha com meu Inho, mas confesso que zapeei um pouco pelos shows virtuais;

 

*Primeiro, vendo a live de Ivete e Claudinha e as trocas de figurino, tive mais certeza da falta de gosto da "istilista" de Mainha;

 

*Aquela pluma no pescoço eu já estava vendo a hora de sair voando. Luisa Mell devia estar aflita em casa;

*Das gordinhas que vi nas lives, sem dúvida, a melhor foi a do Encontro. Se a pandemia continuar, ano que vem vou me oferecer para o filho do Coronel;

 

*Agora fiquei pensando como Sargento Basílio autorizou aqueles figurinos do Encontro;

*O GG tava uma mistura de pescador com malandro carioca e crossfiteiro;

 

*Já Tonny era uma versão do Feiraguay das roupas da Versace;

 

*Só Xanddynho que estava mais "ok", mas a gente sabe que é influência direta de Carlinha;

 

*Inclusive, das musas dançarinas dos cantores de pagode, só Lore não apareceu por lá. Será que está na fase do repouso absoluto? Vamos aguardar;

 

*Fico imaginando o motivo de Marcinho Victor ser limado do encontro do Encontro. Triste;

 

*Para quem estava sem nada até semana passada, Maga garantiu participação em umas duas lives, fez um patrocinada por cervejaria e outra transmitida pelo Multishow. Isso que eu chamo de dar a volta por cima;

 

*E digo mais: merece. É uma das melhores que nós temos. A luta foi árdua, minha irmã, mas garantiu o trocado da folia;

 

*Rapaz, nem no Carnaval o Visconde apareceu. Começo a achar que realmente ele fez a fotossíntese por aí após tanto cachimbo da paz;

 

*Até o filho do Visconde relembrou a imagem do pai apenas por #TBT. Ele fez o sumiço dele real;

 

*Rainha Má(la) não emplacou no YouTube, mas ganhou a moral com a TVE;

 

*Cheiro sem Amor, assisti e dava sono. Por sinal não sei quem saiu mais queimado: Léo duPida por ter apresentado ou a banda que não rende nada com a nova formação.

 

*Live do Chiclete mal ouvi falar - ou melhor nem lembrei de assistir;

 

*Saindo das lives e indo pros especiais da TV...;

 

*A Band não trouxe nada de novo e nem vejo;

 

*Moleque se saiu bem no SBT FOLIA sem a presença de Léo duPida e de Casemiro. Só assim ele aparecia;

 

*Bahia Folia sem sal, pimenta, tempero e outros ingredientes;

 

*Sem falar que não tem sentido o troféu Bahia Folia em um ano que nem Carnaval de verdade teve. Óbvio que a premiação iria para quem tem mais fãs ativos;

 

*A Record deixou de ter o Bom D+ e não colocou nada no lugar. Deprimente;

 

*Mas se até seu 'Valera' teve o programa extinto por falta de dinheiro, que dirá...;

 

*Olha que já coloquei para fora aqui a minha vontade de morar nas redes sociais de Pio Medrado, mas, com esta pandemia, mudei de ideia;

 

*Agora quero viver no de Cris Visnevski, do Fasano, um luxo só, gente. Sem falar que a bicha não engordou uma grama na pandemia;

 

*A MC Anira vive tanto como se não houvesse pandemia que infecção alimentar é o menor dos problemas que esperava que ela tivesse;

 

*Se bem que ela exala tanto álcool com a cervejaria que ela é "patroa" que já era de esperar uma conta braba do estômago;

 

Saiba quem são as personalidades citadas aqui:


Rainha Má(la)                       Daniela Mercury
Tio Bell                                  Bell Marques
Meninos 8976                       Rafa e Pipo Marques
Sargento Basílio                    Daniela Basílio
Visconde                                Saulo Fernandes

 

* Mandem sugestões de curtas para o Sabe o que eu acho? Ou me procurem no Facebook: Natália Comte. Para os desesperados, tem a opção de falar comigo pelo e-mail nataliacomte@bahianoticias.com.br.

Histórico de Conteúdo