Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Quarta, 08 de Setembro de 2021 - 17:20

PDT dá início a processo de expulsão de Alex Santana e Samuel Jr., anuncia Félix Jr.

por Matheus Caldas

PDT dá início a processo de expulsão de Alex Santana e Samuel Jr., anuncia Félix Jr.
Foto: Instagram / @depsamueljunior

O presidente do PDT na Bahia, Félix Mendonça Júnior, anunciou que o partido deu início nesta quarta-feira (8) ao processo de expulsão de Alex Santana e Samuel Júnior, deputados federal e estadual, respectivamente.

 

“O motivo: a infidelidade partidária explicitada na participação dos dois em atos, votações e postagens contrárias às decisões do partido”, anunciou, por meio de postagem no Twitter.

 

A possibilidade de expulsão de Santana da sigla se arrasta desde 2019 (leia mais aqui). À época, ele chegou a ser suspenso por ter votado a favor da reforma da Previdência, a contragosto da orientação partidária. 

 

Samuel, por sua vez, vem tendo atuações independentes em relação ao PDT. Em maio, o Bahia Notícias apurou que, mesmo com a saída da legenda da base de apoio ao governador Rui Costa (PT), indicações dele seriam mantidas, assim como as dos deputados estaduais Roberto Carlos e Euclides Fernandes, e do próprio Alex Santana (leia mais aqui).

 

No último mês, Samuel esteve presente num evento com o ministro da Educação do governo Bolsonaro, Milton Ribeiro. Na ocasião, ele minimizou o fato, e afirmou que estava no local na condição de representante da igreja responsável pela administração do Centro de Cultura Cristã da Bahia, onde a solenidade foi realizada (leia mais aqui). No último domingo (7), ele esteve - sem máscara - no ato pelo 7 de Setembro, na Barra. A manifestação teve cunho de apoio ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Histórico de Conteúdo