Com licitação suspensa, contrato do VLT do Comércio não tem previsão de ser assinado
Foto: Divulgação

O contrato que prevê a implantação do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) do Subúrbio de Salvador, projeto do governo estadual, segue com a licitação suspensa após a aprovação da Medida Cautelar impetrada pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) (leia aqui) e ainda não tem previsão de ser assinado.

 

De acordo com o governo do Estado, a Procuradoria Geral do Estado (PGE) e a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Urbano (Sedur), órgão responsável pelo processo licitatório, "estão trabalhando na defesa do modal, esclarecendo todos os detalhes do projeto". A PGE alega que não há qualquer irregularidade na licitação do VLT do Subúrbio (veja aqui).

Histórico de Conteúdo