Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Sexta, 20 de Maio de 2022 - 12:00

'Bambam achava que era maior, que deveria ganhar mais', diz Marcelo Brito

por Erem Carla

'Bambam achava que era maior, que deveria ganhar mais', diz Marcelo Brito
Foto: Divulgação/Reprodução Youtube

O empresário Marcelo Brito comentou sobre a saída do cantor Bambam da banda Parangolé. Durante uma entrevista para o Podcast Bargunça, Brito participou de um quadro onde escolheu que levaria para mesa de um bar e disse que não levaria o ex-vocalista.  

 

“Eu acho que não tem porque eu levar o Bambam para o bar. Acho que passou. A gente teve uma história, fui representante dele por alguns anos, cumpri com ele todos os compromissos. Nosso ciclo terminou e não tem mais porque a gente ficar em um bar tomando uma”, disse o empresário. 

 

Questionado por Thiago Mithra, um dos apresentadores do Bargunça, se ficou chateado com a saída de Bambam da banda, Marcelo Brito contou que teve algumas divergências com o artista. 

 

“Acho que os artistas precisam ter mais consciência de que o mundo dá voltas e não gira só em torno dele. A gente tem um trabalho muito forte por trás e tem que dar valor ao conjunto”, iniciou Brito. 

 

O empresário ainda disse que a decisão de Bambam prejudicou a todos da banda. “Ele colocou em risco dezenas de pessoas que trabalhavam para o projeto e de uma hora pra outra a agenda caiu absurdamente.”

 

Brito ainda revelou detalhes do fim da parceria. “Ele [Bambam] exigia algumas coisas que não estavam no modelo contratual, ele achava que ele era maior, ele achava que deveria ganhar mais”, afirmou. 

 

Assista o trecho entrevista:


 

Histórico de Conteúdo