Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Quarta, 10 de Novembro de 2021 - 10:50

'Não aceitarei ultimato de ninguém', diz Rui após pressão da CMS por anúncio do Carnaval

por Anderson Ramos / Bianca Andrade

'Não aceitarei ultimato de ninguém', diz Rui após pressão da CMS por anúncio do Carnaval
Foto: Anderson Ramos / Bahia Notícias

O governador Rui Costa (PT) reforçou seu posicionamento contrário ao anúncio da realização do Carnaval em 2022 nesta quarta-feira (10).

 

Durante coletiva para a entrega reforma do Hospital Ana Nery, em Salvador, o petista se referiu às recomendações da Comissão Especial de Acompanhamento da Retomada dos Eventos da Câmara Municipal de Salvador como um ultimato, e garantiu que não tomará decisões precipitadas sobre o assunto.

 

"Eu não aceitarei ultimato de ninguém. Nós não vamos anunciar nenhuma festa de forma precipitada, porque se eu anunciar hoje 'terá carnaval' aí em dezembro os casos explodem e eu vou ter que cancelar. Aí eu vou receber uma saraivada de críticas e o estado será processado por milhares de pessoas 'O governador anunciou que ia ter carnaval, eu fiz contratos e quero indenização pelo meu prejuízo".

 

Apesar de ser contra a precipitação, o governador não desconsidera a realização da festa em 2022, caso os números da Covid-19 apresentem um bom cenário.

 

"(Se) daqui para dezembro os números caírem de forma drástica, por quê não fazer o Carnaval? Nós podemos fazer, mas dependem dos números darem segurança", disse.

Histórico de Conteúdo