Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Aline Gotschalg chora ao apoiar Carla Diaz e relembra traição
Foto: Reprodução/ Instagram

Aline Gotschalg, ex-BBB15, deu seu testemunho e ficou do lado de Carla Diaz em relação aos julgamentos que a atriz tem sofrido no relacionamento com Arthur.  A modelo foi criticada pelos fãs da atriz por não ter "local de fala".

 

No entanto, ela relembrou que seu atual marido, Fernando Medeiros, se envolveu com outra participante no programa, Amanda Djehdian, após Aline ter sido eliminada.

 

"Estou muito triste, cansada, estressada e esgotada. Óbvio que por tudo, até pelo momento [de pandemia] que a gente tá vivendo. Até peguei o carro e saí um pouco de casa para ter esse momento meu. Fico muito triste de ver o quanto as pessoas são cruéis. Tenho passado por uma fase um pouco mais difícil, só quem é muito próximo a mim, Fê e pouquíssimos amigos sabem do que estou falando", começa.


"Não sou uma pessoa que gosta muito de compartilhar as fragilidades. É da minha personalidade... chegam umas mensagens no Twitter cuja única intenção é me ferir. Não sei porque as pessoas até hoje sentem prazer em falar que eu fui a maior corna em rede nacional. Gente, isso pra mim é uma história que passou, sabe? O que mais me deixa triste é a intenção de me magoarem, me ferirem com isso. Como se fosse um erro meu, não foi meu, foi do Fê. Ele reconheceu, pediu perdão e a gente tá junto e feliz”, desabafa a ex-sister.


"Por mais que a gente já tenha isso muito bem pontuado, muito bem resolvido, eu sou um ser humano. Eu sinto as coisas. Não é legal ficar lendo e recebendo isso. Não é bacana. Qual a intenção de vocês que fazem isso? Me ver chorar? Me ver mal? Não consigo entender", lamenta.

Histórico de Conteúdo