Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Servidores têm sua vida transformada por aplicativo que reduz parcela de consignado
Foto: Divulgação

Everaldo Santos,49 anos, servidor do governo da Bahia, tinha duas dívidas com juros altos e estava com nome negativado, contratou um crédito consignado com taxas mais baixas, quitou suas dívidas anteriores e limpou seu nome. Ângela de Jesus, 48 anos, tinha a margem negativa, viu a casa da sua filha pegar fogo, fez uma portabilidade e recebeu o valor economizado para ajudar a filha a recomeçar.

 

Esses são alguns casos reais de clientes da startup baiana Konsi, aplicativo que compara e reduz parcelas de consignado. “Somos uma empresa de tecnologia, mas sabemos que em cada um dos mais de 12.000 usuários temos uma história de vida, um desafio, um sonho. Buscamos sempre ouvir nossos clientes, para entender como podemos desenvolver soluções para melhorar suas escolhas e sua organização financeira”, afirma Rafael Seixas, CFO Konsi.

 

Segundo a empresa, nos exemplos acima, podemos ver casos clássicos que eles encontram em mais de 5 anos de operação. A Konsi foi lançada esse ano no mercado, mas é o braço digital da Trade Off Assessoria Financeira, que atua no mercado desde 2017. “É frequente vermos o servidor que já realizou múltiplos empréstimos, tem o perfil tomador, mas nunca pesquisou se existem melhores taxas no mercado. Essas pessoas estão utilizando o aplicativo para analisar cada contrato antigo e realizar múltiplas portabilidades, com o fim de melhorar sua situação “empréstimo a empréstimo”. Muitas vezes a melhor opção é unificar vários empréstimos em um com uma taxa menor. Assim o servidor, reduz sua parcela e consegue entender melhor sua situação e buscar se organizar”, afirma Seixas.

 

Rafael Seixas, sócio da Konsi. Foto: Divulgação

 

Para ele, o segundo perfil mostrado acima, requer muita atenção, “O servidor que tem uma demanda emergencial, geralmente está desesperado para receber o dinheiro e aceita qualquer oferta dos bancos. Nesse caso, o aplicativo ajuda na agilidade da pesquisa e liberação do crédito. Realizamos a pesquisa em segundos e tem casos que liberamos o crédito em menos de duas horas.” No caso da servidora Ângela, ainda havia o agravante que ela estava com a margem bem negativa, o que a fez duvidar que conseguiríamos fazer a portabilidade. Não só conseguimos portar a dívida dela para um banco com a taxa menor, liberamos o troco para ajudar a filha e, o mais importante, não aumentamos seu endividamento.

 

“Aceitei a proposta da Konsi, duvidando que seria possível conseguir algo, pois minha margem estava negativa. Dias após aceitar a proposta, achando que não ia acontecer, a casa da minha filha pegou fogo. Quando vi a situação da minha filha, com minha neta que é um bebê e meu genro hospitalizado, por conta das queimaduras, fui ver se a proposta que tinha dado ok tinha sido aprovada. O dinheiro entrou na minha conta na hora certa, era o que eu precisava. Se não fosse o aplicativo acredito que teria recorrido a um empréstimo pessoal, por conta da minha margem.”

 

Em quase quatro meses de operação o aplicativo, já intermediou mais de R$ 10,5 milhões em operações bancárias e está chegando a marca de 1 milhão de reais economizados para os servidores públicos baianos e paulistas, através da portabilidade. “Recebemos muitos pedidos de ampliação da nossa atuação, nosso próximo passo será atender aposentados e pensionistas do INSS. Temos certeza que temos muitos aposentados pagando juros altos, que podemos ajudar a reduzir suas parcelas.”, finaliza Seixas.

 

O app está disponível para download para Android e IOS. Veja mais em www.konsi.com.br!

Histórico de Conteúdo