Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Bolsonaro volta a defender indulto e diz que 'só Deus me tira daquela cadeira'
Foto: Anderson Riedel/PR

O presidente Jair Bolsonaro (PL) voltou a defender o indulto concedido ao deputado Daniel Silveira durante um evento realizado nesta segunda-feira (25), em Ribeirão Preto (SP). Silveira foi condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) por ameaças aos ministros da Corte e incitação de animosidade entre as Forças Armadas e instituições da república (reveja aqui)

 

“O decreto da graça e do indulto é constitucional e será cumprido. No passado soltavam bandidos, ninguém falava não. Hoje eu solto inocentes", afirmou o presidente em discurso na abertura da 27ª edição da Agrishow, Feira Internacional de Tecnologia Agrícola. Ainda no evento, ele chegou a dizer que “só Deus me tira daquela cadeira”.

 

Bolsonaro também voltou a questionar a lisura da urna eletrônica, afirmando que “nenhum parlamentar de esquerda tem dúvida sobre a urna eletrônica, todos confiam 100%, é impressionante”.
 

Histórico de Conteúdo