Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

PSB explicita ao PT que filiação de Geraldo Alckmin seria gesto a Lula
Foto: Ana Nascimento / Agência Brasil

Dirigentes do PSB têm dito a petistas, nas conversas que vêm tendo para uma eventual filiação de Geraldo Alckmin (PSDB), que a entrada do hoje tucano no partido seria um gesto para favorecer Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

 

De acordo com o que Carlos Siqueira (PSB), presidente do partido, vem dizendo, há diferenças ideológicas entre a sigla e Alckmin, que seriam superadas em nome de solucionar a questão para Lula.

 

Por ser um gesto para Lula, o PSB entende que nada seria mais natural do que o PT dar uma contrapartida semelhante, incluindo abrir mão da candidatura de Fernando Haddad (PT) ao governo de São Paulo para apoiar Márcio França (PSB).

 

As informações são da coluna de Guilherme Amado, no Metrópoles, parceiro do Bahia Notícias.

Histórico de Conteúdo