Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Polícia prende suspeito de matar e atear fogo em adolescente; crime ocorreu há 10 anos
Foto: Haeckel Dias

Um homem suspeito de homicídio qualificado teve o mandado de prisão cumprido, na manhã desta quarta-feira (5), pela Coordenação de Polícia Interestadual (Polinter), no bairro da Barra, em Salvador. Ele é acusado de participar da execução da adolescente Raíssa Costa de Oliveira, de 17 anos, que foi encontrada com o corpo carbonizado em janeiro de 2011.

 

“O crime aconteceu em 2011, no bairro do Calabetão, em Salvador. Ela teria vendido duas armas do padrasto para uma quadrilha rival e foi executada. Eles pertencem a uma organização criminosa que atua na região”, relatou o coordenador da Polinter, delegado Arthur Gallas. 

 

A Polícia Civil não revelou a identidade do suspeito, em respeito à lei que previne o abuso de autoridade. O mandado de prisão foi expedido pela 2ª Vara do Tribunal do Júri de Salvador. O homem foi encaminhado para a Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), onde segue à disposição da Justiça.

Histórico de Conteúdo