Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

WhatsApp de Marcelo Nilo é clonado e contatos caem no golpe das transferências bancárias
Foto: Bahia Notícias

O deputado federal Marcelo Nilo (PSB) teve o WhatsApp clonado na tarde desta quinta-feira (22). De acordo com a assessoria, Nilo se surpreendeu ao receber contato de conhecidos, inclusive um ex-prefeito e lideranças, confirmando transferências bancárias. 

 

A clonagem ocorreu quando o deputado tentava acessar, pelo smartphone, uma reunião virtual do Conselho de Ética da Câmara dos Deputados. Ele recebeu uma mensagem no próprio aplicativo e acabou  confirmando a alteração do código de segurança da plataforma de troca de mensagens. É com essa identificação que os criminosos conseguem acessar a conta pessoal em outro aparelho e fazer contato com as vítimas. 

 

“Fiz alguns pagamentos altos pela manhã e meu limite diário de transferência excedeu, consegue fazer para mim amanhã devolvo”, diz a mensagem enviada para uma das vítimas. A mensagem é comum em ocorrências do tipo. Em uma das transferências o valor enviado foi de R$ 2.980. 

 

Em contato com o Bahia Notícias, a assessoria afirmou ter identificado um volume alto de transferências. A conta cadastrada no celular do deputado dava acesso a aproximadamente 30 mil contatos sincronizados por meio da conta Gmail do parlamentar. 

 

O parlamentar já realizou o bloqueio da conta e fez um apelo para que, caso recebam pedidos, os contatos não realizem novas transferências. 

 


Foto: Divulgação

 


Foto: Divulgação

Histórico de Conteúdo