Sexta, 18 de Setembro de 2020 - 09:40

Nelson Leal admite que continuaria 'sem problemas' na presidência da AL-BA

por Lucas Arraz

Nelson Leal admite que continuaria 'sem problemas' na presidência da AL-BA
Foto: Paulo Victor Nadal / Bahia Notícia

Presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) até janeiro de 2021 e atualmente impossibilitado de concorrer à reeleição, Nelson Leal (PP) declarou nesta sexta-feira (18) que continuaria na cadeira mais alta do Legislativo baiano “sem problemas”, se esse for o desejo dos deputados estaduais. 

 

“Já tinha externado essa posição, mas acho que isso vai depender muito de como os deputados enxergam nosso mandato. Como acham que, em função da pandemia, as situações ocorrem. Se for um desejo da casa, eu continuo sem problemas. Se não for, não tem nenhum problema também”, disse em entrevista ao Isso é Bahia, de A Tarde FM (103.9) e Bahia Notícias. 

 

Para viabilizar sua reeleição, o presidente terá que pautar uma mudança na Constituição da Bahia, que desde 2017 não possibilita a recondução. A medida foi votada por escolha dos próprios deputados. Leal também precisa bancar o fim de um acordo que garantiu a Adolfo Menezes à presidência da casa no próximo biênio e tem como fiador o governador Rui Costa (saiba mais aqui). 

 

Em campanha nos bastidores para garantir sua reeleição, Nelson Leal declarou ainda que prepara um relatório de gastos da sua gestão comparativo a gestões passadas. A AL-BA tem contas deficitárias, mesmo com um orçamento milionário. O atual presidente garantiu que foi o que melhor geriu financeiramente o Legislativo Estadual, produzindo economia e a menor taxa de crescimento de gastos da casa. 

 

“Procurei fazer da AL-BA um local amplo e com bastante discussões. Sempre procuramos priorizar a economia e não gastar mais dinheiro público”, disse. 

Histórico de Conteúdo