SP cogita uso policial na restrição de circulação; ações de isolamento já mostram resultados
Foto: Agência Brasil

O governador de São Paulo, João Dória (PSDB), avaliou, nesta segunda-feira (26), que as medidas de isolamento e restrição de circulação aplicadas no estado na última semana já estão demonstrando efeitos positivos no combate à propagação do novo coronavírus. Apesar dos bons resultados, o gestor afirmou que avalia, no entanto, a possibilidade de implantar a modalidade lockdown, que é a restrição de circulação com uso policial.

 

São Paulo é o estado com maior número de casos no Brasil e já registrou 48 mortes em decorrência da doença. O governo Doria ressaltou eficácia das medidas e planeja até maior rigidez em um momento que o presidente Jair Bolsonaro segue em rumo contrário, minimizando a crise. 

 

O governador afirmou ainda que também é cogitada a possibilidade de abordagem de idosos nas ruas pela polícia. "Se nós continuarmos ainda vendo em ruas nas áreas de circulação pessoas que visivelmente com mais de 60 anos elas poderão ser abordadas por policiais como por agentes da GCM recomendando que sigam para suas casas", disse. "Já temos mais 70 veículos da polícia militar com alto-falante circulando por áreas adensadas pedindo que pessoas com mais de 60 anos fiquem em casa", reproduziu reportagem da Folha de S. Paulo.

 

Doria também anunciou repasse de R$ 218 milhões para 80 municípios com mais de 100 mil habitantes no estado. Segundo ele, ainda serão anunciados repasses para a capital paulista e cidades menores nos próximos dias. 
 

Histórico de Conteúdo