Sexta, 08 de Fevereiro de 2019 - 14:20

Sinpojud cobra Rui Costa medidas emergenciais no Planserv

Sinpojud cobra Rui Costa medidas emergenciais no Planserv
Foto: Divulgação

Os servidores do Poder Judiciário do Estado da Bahia cobram medidas emergenciais ao governador Rui Costa (PT) sobre a situação do Planserv. De acordo com o Sinpojud, o plano de saúde do servidor passou a prestar um serviço mais criticado nos últimos anos. Apresentando números recordes em reclamações como sistema de cotas, autorizações prévias, não marcação de consultas no interior e agora a greve dos médicos.

O Sinpojud tem realizado várias discussões com os dirigentes do Planserv. Desde o dia 19 de abril, o Sinpojud protocolou junto ao Ministério Público Estadual, no Grupo de Atuação Especial em Defesa do Patrimônio Público e da Moralidade Administrativa - Gepam, a denúncia para cobrar celeridade nas investigações sobre as restrição de atendimento em necessidades médicas e laboratoriais básicas dos usuários. 

“Esse desgaste mostra a pouca ineficiência da gestão, que descuida da central de atendimento e nós servidores não vamos pagar a conta”, fala o presidente do Sinpojud, Zenildo Castro.

Zenildo Castro, ainda ressalta que a situação pode ficar pior, já que em dezembro de 2018 os deputados baianos aprovaram a proposta do governo Rui Costa de reduzir em 50% a participação do Estado no custeio do plano.

Histórico de Conteúdo