Terça, 16 de Outubro de 2018 - 17:30

Após crítica de setor produtivo e falta de acordo, AL-BA não tem votações nesta terça

por Rebeca Menezes / Lucas Arraz / Guilherme Ferreira

Após crítica de setor produtivo e falta de acordo, AL-BA não tem votações nesta terça
Foto: Lucas Arraz / Bahia Notícias

O governo desistiu de votar nesta terça-feira (16) na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) três projetos de lei criticados pelo setor produtivo (veja mais). Segundo o líder do governo, o deputado Zé Neto (PT), a gestão estadual vai dialogar com as entidades para discutir as propostas.

 

Ainda havia previsão de votar outros três projetos de lei na sessão desta terça. No entanto, como não houve acordo entre as bancadas do governo e da oposição, os aliados de Rui Costa retiraram da pauta dois deles e o deputado Luciano Ribeiro (DEM) pediu vista do terceiro, relacionado ao ICMS.

 

Em nota divulgada mais cedo, a Fecomércio, Faeb, Fieb, OAB-Bahia, FCDL, CDL e ACB criticaram as propostas alegando que elas devem trazer aumento de despesas. "O mais correto é a gente sentar com as entidades", comentou Zé Neto ao Bahia Notícias. "Isso tudo tem que ser conversado com tranquilidade", disse.

 

"Quando tantas entidades fazem uma nota como foi feito hoje pela manhã, claro que chama atenção para que sejam refletidos os aspectos legais e de legitimidade desses ajustamento", admitiu o líder da bancada.

Histórico de Conteúdo