Vencedora de PPP da luz de SP, FM Rodrigues já foi eleita sem licitação
Foto: Divulgação

A empresa FM Rodrigues, que acaba de vencer a licitação bilionária da PPP de iluminação de São Paulo --hoje sob investigação por fraude na concorrência-- foi selecionada para um contrato sem licitação pela prefeitura em junho do ano passado. De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, a escolha da empresa foi feita por meio de um pedido de Denise Abreu, então diretora do Ilume (Departamento de Iluminação Pública da capital), para que a FM Rodrigues, que já fazia a manutenção da iluminação pública, ficasse responsável também pelo canal de reclamações dos cidadãos sobre o serviço que ela mesma prestava. Ela perdeu o cargo nesta quarta-feira (21) após o vazamento de um áudio em que ela demonstra suposta preferência pela FM Rodrigues na corrida pelo maior contrato de iluminação pública do mundo, que envolve R$ 7 bilhões (veja aqui e aqui). Ano passado, o Bahia Notícias noticiou que essa mesma empresa estava sendo representada em Salvador por Flecha de Lima, parente do prefeito ACM Neto (DEM) e de um dos filhos do ex-ministro de Minas e Energia Rodolpho Tourinho. A empresa estava prestes a assumir a iluminação pública na capital, mas após a denúncia, o edital foi suspenso e, posteriormente, corrigido.



Histórico de Conteúdo