Embasa diz que pregão não foi encerrado, mas que identificou proposta dupla
Foto: Divulgação
A Embasa afirmou nesta quarta-feira (14), em nota, que ainda não tem empresa vencedora do pregão eletrônico para contratação de empresa para fornecimento de cloro. De acordo com a Embasa, o processo licitatório ainda não foi encerrado e há apenas um “ranking classificatório que impõe a ordem de convocação para a apresentação da documentação exigida no edital”. A empresa disse também ter identificado, após a etapa de disputa de preços, que uma empresa apresentou proposta dupla no certame. Entretanto, só será possível identificar as empresas participantes após o encerramento desta etapa. Citada como a empresa que teria cometido a irregularidade, a Sabará Químicos e Ingredientes, negou ilegalidades no certame. A empresa concorreu duas vezes no processo, com filiais de Goiás e Pernambuco (veja aqui). Entretanto, uma decisão de 2009 do Tribunal de Contas da União (TCU) define que, neste caso, o concorrente duplicado deve ser inabilitado. Em nota, a empresa disse que venceu o processo por oferecer a “melhor proposta de preço”. “Todo o processo de participação na licitação ocorreu de maneira absolutamente legal, sem infringir as leis, as normas ou o Edital de Convocação”, assegurou. Ainda de acordo com a Sabará, o resultado da concorrência ainda não foi oficializado.

Histórico de Conteúdo