Sindicalistas são presos durante manifestação na Calçada
Fotos: Divulgação
Dois sindicalistas foram presos na manhã deste sábado (25), durante uma manifestação dos terceirizados em frente ao Colégio Estadual Landulfo Alves, no bairro da Calçada, em Salvador. Ana Angélica Rabelo, coordenadora geral do Sindicato dos Trabalhadores em Limpeza Pública, Comercial, Industrial, Hospitalar, Asseio, Prestação de Serviços em Geral, Conservação, Jardinagem e Controle de Pragas Intermunicipal (Sindilimp-BA) e Edson Conceição Araújo, da direção executiva da Central Única dos Trabalhadores (CUT-BA) foram levados para a Central de Flagrantes da Polícia Civil da Bahia e, em nota divulgada à imprensa, a diretoria do sindicato classificou a prisão como "um ato arbitrário contra o direito de manifestação e organização sindical". As duas instituições exigiram a liberação dos membros e ressaltaram que defendem "o direito de manifestação de todos os trabalhadores, estudantes e segmentos sociais que sofram qualquer tipo de injustiça ou discriminação". 

Histórico de Conteúdo