Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Willian Claudino Dantas, acusado de assassinar os jovens homossexuais Gildevando Leite Dantas e Genivaldo Alves Santana, foi preso na madrugada desta segunda-feira (7) durante uma troca de tiros com a polícia, no município de Central, no centro-norte baiano. O crime ocorreu em Irecê, em junho de 2012, quando Gildevando foi atingido com golpes de espeto de churrasco e Genivaldo com um golpe de faca na cabeça. Outro rapaz que estava com as vítimas no dia da ocorrência também foi ferido, mas sobreviveu. Foragido da 14ª DP (Delegacia de Polícia) de Irecê, Willian Claudino também cometia diversos assaltos na região juntamente com um comparsa, que também morreu no tiroteio.


Histórico de Conteúdo