Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Sudoeste baiano recebe programa de rastreamento de câncer de mama
Foto: Carol Garcia / GOVBA
O Programa Estadual de Rastreamento do Câncer de Mama já realizou 148 mil mamografias em 207 municípios baianos desde que foi lançado, em outubro de 2011. E, até esta segunda-feira (19), atende a população de Caraíbas e Maetinga, no sudoeste do estado. Os primeiros atendimentos são feitos em unidades móveis instaladas na Praça Exupério Silva. O público alvo do programa é formado por mulheres com idade entre 50 e 69 anos, que fazem parte do grupo de risco da doença. As unidades dispõem de dois mamógrafos, cada um com capacidade para 70 mamografias por dia. Após o exame inicial, as mulheres que apresentam imagens inconclusivas e necessitam de diagnóstico mais aprofundado fazem a checagem por ultrassom e biópsia. A ação já atendeu cidades como Irecê, Jacobina, Alagoinhas, Santo Antônio de Jesus, Serrinha, Ilhéus e Itabuna.

Histórico de Conteúdo