Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Os exames realizados no vereador Marco Prisco (PSDB) descartaram a hipótese de que ele tenha sofrido um infarto. Segundo informações da Folha, a Secretaria de Saúde do Distrito Federal informou que Prisco está em observação, com quadro de saúde estável e será reavaliado nesta segunda-feira (5). Na tarde deste domingo (4), os advogados de Prisco confirmaram ao Bahia Notícias que ele permanecia internado no Hospital de Base, onde passava por exames. No sábado (3), após alegar fortes dores no peito, ele foi atendido em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e foi internado no Hospital Regional da Asa Norte (HRAN). Depois da avaliação preliminar, ele acabou transferido na manhã deste domingo para o Hospital de Base do Distrito Federal onde passa por exames mais detalhados. "A hipótese de infarto foi descartada e o paciente está em observação no momento. O estado geral de saúde é estável e amanhã ele será reavaliado pelo corpo médico", informou a nota divulgada pela secretaria. Inicialmente, Associação de Policiais e Bombeiros e de seus Familiares da Bahia (Aspra), entidade que Prisco preside, divulgou com a informação de que ele teria sofrido um infarto após "tentativa frustrada de fuga de internos" da unidade prisional, onde o vereador está preso por supostos crimes durante a greve da PM de 2012.

Histórico de Conteúdo