O preço das passagens de ônibus que farão a integração com os trens do metrô é o principal empecilho para a transferência do controle do sistema de transporte metroviário e ferroviário do Município para o Estado, informa A Tarde. Segundo o jornal, o governo estadual sugere R$ 0.95, enquanto a equipe da prefeitura defende que se cobre R$ 1,40 por trecho integrado. Na última quinta-feira (14), prefeitura e governo chegaram a um acordo sobre o metrô da capital baiana. Nova negociação está marcada para a próxima sexta-feira (22). 

Histórico de Conteúdo