Diretor que ofendeu Fernanda Montenegro é nomeado para Secretaria de Cultura
Foto: Reprodução/Instagram

Polêmico, por recentemente ofender a atriz Fernanda Montenegro, o dramaturgo Roberto Alvim foi escolhido pelo presidente Jair Bolsonaro, nesta quinta-feira (7), para assumir o comando da Secretaria Especial de Cultura. De acordo com a Folha de S. Paulo, o anúncio do ex-diretor da Funarte para a pasta foi feito através de uma publicação extra do "Diário Oficial da União". 

 

A repercussão nacional com o nome de Alvim surgiu após uma discussão do dramaturgo com a atriz Fernanda Montenegro, que chegou a ser chamada por ele de “mentirosa”, além dele declarar sentir “desprezo” pela artista. Na ocasião, ocorrida em setembro, o ataques direcionados a global foram em resposta ao fato da atriz ter sido fotografada para a capa da revista “Quatro Cinco Um” (relembre aqui). A partir da repercussão dos ataques, Roberto ganhou a simpatia do presidente. 

 

A nomeação de Alvim para a Secretaria Especial de Cultura ocorre no mesmo dia em que a pasta foi reestruturada, passando do Ministério da Cidadania para o Ministério do Turismo. O cargo assumido por Roberto estava vago, desde a saída do antigo secretário Ricardo Braga, que ficou apenas dois meses no comando (relembre aqui). 

Histórico de Conteúdo