Antes de escândalo, Ancine autorizou captação de R$ 4 milhões para filme sobre João de Deus
Foto: Divulgação

Na última quarta-feira (5), a Agência Nacional do Cinema (Ancine) autorizou a captação de R$ 4 milhões para a produção de um longa-metragem biográfico que conta a vida do médium João Teixeira de Faria. A autorização veio dois dias antes de estourar o escândalo sexual revelado no “Conversa com Bial”, envolvendo o líder religioso. O programa da TV Globo mostrou 10 mulheres que acusaram João de Deus de ter cometido abusos sexuais na cidade de Abadiânia (GO). Em seguida, em apenas 7h, outros 40 casos foram denunciados ao Ministério Público de Goiás.


O projeto, que tem como proponente a Lynxfilm Produções Audiovisuais, de São Paulo (SP), tem até 31 de dezembro de 2019 para captar o valor junto à iniciativa privada, mas até então não teve qualquer patrocínio por meio da Lei do Audiovisual. Os detalhes do projeto estão disponíveis no site da Ancine (clique aqui).

 

Histórico de Conteúdo