Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Sexta, 29 de Julho de 2022 - 09:50

Cruz, sua linda!

por Thiago Chagas

Cruz, sua linda!
Foto: Divulgação

Mês de julho por aqui é assim: chuva, frio e o aniversário de uma terra amada por todos que nasceram ou se achegaram no recanto formoso. Quem precisou sair por trabalho, estudo ou por outros motivos guarda no peito a vontade de retornar. E ter a maravilhosa sensação de chegar “na cajá” (entrada da principal da cidade), olhar a reta da avenida Getúlio Vargas e poder respirar o ar mais perfumado do recôncavo baiano.

 

Apesar de estar localizada no recôncavo, a maioria dos 145,7 km² é de planalto, tanto que outrora também já fora apelidada de cidade planalto. Nessa fração de terra habita um povo acolhedor, trabalhador e inteligente. Por esse motivo o município tem como pontos fortes a educação e o serviço.

 

Quando se completa mais um ano existência todos nós paramos e pensamos sobre os últimos 12 meses.  Temos a necessidade de refletir sobre as coisas que deram certo para fortalecê-las, mas sem perde de vista a situações mais prioritárias que estão pendentes e merecem atenção. Desmembrada do município de São Felix, Cruz das Almas completa 125 anos, a data magna escolhida é o 29 de julho. Uma juvenil quando comparada com outras cidades históricas da sua mesma região.

 

Nova mas com velhos problemas estruturais e outros que tem se agravado ao longo do tempo. Estamos a falar de pendências e necessidades básicas que precisão de atenção: falta saúde de qualidade, falta oportunidade de emprego, falta investimento pedagógico na educação, sobretudo o ensino em tempo integral, ainda temos ruas centrais que penam com alagamentos e outros tantos logradouros sem pavimentação, baixo investimento na cultura, esporte e lazer. Além dos animais de pequeno e grande porte que caminham de forma livre e desimpedida nas ruas e praças recordando os ares de vila do tempo de sua criação.

 

Acredito que um modelo novo de gestão com participação popular efetiva que traga novas idéias e novas pessoas a frente das decisões centrais seria a melhor alternativa para superar os velhos problemas que perduram há anos sem solução.

 

Que Deus abençoe todo povo cruzalmense, meus parabéns terra amada!

 

*Thiago Chagas é advogado e presidente da Câmara de Vereadores de Cruz das Almas

 

*Os artigos reproduzidos neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do Bahia Notícias

Histórico de Conteúdo