Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Marca Bahia Notícias
Você está em:
/
Notícia
/
Geral

Notícia

MLST NA DEFESA DE YULO

A especulação na Assembléia desde a última sexta é que o PT deve ceder a Comissão de Direitos Humanos e Segurança Pública a um partido aliado do bloco da maioria. Fala-se que os petistas já teriam a sua cota garantida nas comissões, uma vez que já têm a presidência de duas das 10 Comissões permanentes. Preocupado com o fato de o deputado Yulo Oiticica (PT), que preside a Comissão de Direito Humanos (CDH) perder o posto, o Movimento de Libertação dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MLST) distribuiu, nesta segunda-feira, nota à imprensa e ao presidente da Assembléia, na qual é defendida a manutenção do deputado na presidência da referida Comissão. A nota ressalta que “diante de um cenário em que um novo governo assume a responsabilidade de reverter uma demanda histórica represada ao longo dos últimos 40 anos, o poder Legislativo precisa garantir a qualidade dos espaços e dos representantes que vão dialogar com os movimentos sociais”.