Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Marca Bahia Notícias
Você está em:
/
Notícia
/
Geral

Notícia

"O QUE EXISTE É UMA CRISE ARTIFICIAL"

O deputado Arthur Maia (PMDB) acredita que o polêmico projeto que pede urgência na definição dos ritos para indicação do conselheiro do TCE não será nem sequer votado hoje. Maia aposta todas as suas fichas na hipótese de que Paulo Câmera (PTB), autor do projeto, vai abrir mão do caráter de urgência. “A crise é uma crise artificial. O que existe é uma ação má intencionada de deputado, que anda se arvorando (sem legitimidade) para falar em nome do governador. Na verdade, ele quer criar dificuldade para vender facilidade”, afirmou Maia para justificar o suposto desentendimento entre os partidos da base governista.