Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Marca Bahia Notícias
Você está em:
/
Notícia
/
Internacional

Notícia

Bebê é morto após ataque de husky siberiano da família nos EUA

Por Redação

Bebê é morto após ataque de husky siberiano da família nos EUA
Foto: Reprodução / WVLT

Um bebê de seis semanas foi morto, na última quinta-feira (31), após ser atacado pelo husky siberiano da família em Knoxville, no estado Tennessee, nos Estados Unidos. O recém-nascido, chamado Ezra Mansoor, estava dormindo no berço quando o cão da família o atacou.

 

Segundo informações concedidas pela família à emissora americana WVLT, o bebê ficou internado por seis dias antes do falecimento, com ferimentos graves na cabeça. Ezra era filho único.

 

Os pais de Erza definiram o episódio como "totalmente não provocado", e pegou a família de surpresa. Segundo o jornal Extra, a família afirmou ainda que, o cão, que eles possuíam há oito anos, era um dos dois que moravam na casa, e nenhum tinha histórico de agressão.

 

"E apenas para conscientizar que pode ser qualquer cachorro a qualquer momento. Completamente não provocado, não importa qual seja a história", comentou Chloe Mansoor, mãe do bebê à reportagem.

 

Após o falecimento do filho, os pais de Ezra, Mark e Chloe, decidiram ajudar outros bebês por meio da doação de órgãos. O husky envolvidos no ataque foi doado pela família a um abrigo de cães. O husky siberiano foi doado a um abrigo para animais.