Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Para Roma, ACM Neto 'sufoca' gestão de Bruno Reis em Salvador: 'A prefeitura não saiu dele'
Foto: Max Haack / Ag. Haack

Em entrevista à rádio A Tarde FM, no programa Isso é Bahia, na manhã desta segunda-feira (2), o deputado federal João Roma (PL) teceu críticas ao ex-prefeito de Salvador, ACM Neto (UB) e o acusou de "sufocar" a gestão de Bruno Reis na capital baiana, além de usar a estrutura municipal "para articulações políticas e interesses pessoais".

 

"Eu enfrento dois blocos muito poderosos: de um lado está o governo do estado com toda estrutura do PT e do outro está o ex-prefeito ACM Neto que se utiliza da estrutura da prefeitura de Salvador, ele deixou de ser prefeito mas a prefeitura não saiu dele, ele tem sufocado a gestão do atual prefeito Bruno Reis utilizando claramente a estrutura da prefeitura municipal para suas articulações políticas e interesses pessoais", disparou o ex-ministro, que falava sobre a composição de sua chapa, que já tem Raíssa Soares (PL) como pré-candidata ao Senado.

 

"E mantemos interlocução com vários partidos, inclusive continua aberto a manter diálogo a estar próximo do PTB nessa caminhada, são partidos que tem as mesmas expectativas inclusive em plano nacional, o PTB reafirmou apoio ao presidente Bolsonaro e seria muito bom que nós pudéssemos caminhar juntos nesse 2022. Tem muita água para rolar debaixo da ponte ainda. Tenho mantido dialogo com outros partidos, com o PROS, outras legendas, mas é o momento onde cada um busca manter reserva nas tratativas", disse.

 

Ainda durante o bate-papo, João Roma disse que ACM Neto adota uma postura 'dissimulada' para convencer eleitores de Lula na Bahia (leia mais aqui).

Histórico de Conteúdo