Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

VÍDEO: Incomodado com assobio, homem espanca jovem de 14 anos no Distrito Federal
Foto: Reprodução

Um adolescente de 14 anos foi agredido por um homem de 27, na tarde desse sábado (23), na quadra esportiva da 3ª Avenida da Vila Nova Divinéia, no Núcleo Bandeirante. O homem é vizinho da vítima e foi identificado como Victor de Sales Batista. A movimentação foi gravada por uma outra criança que estava na quadra no momento do espancamento. As informações são do Metrópoles, parceiro do Bahia Notícias.

 

Segundo a vítima contou à polícia, antes da sessão de espancamento, o agressor se aproximou e perguntou: “E agora? Você vai correr? Você não disse que não sou seu pai?”. Em seguida, Victor lhe deu um soco no rosto. O garoto caiu no chão, Victor o xingou de "filho da puta", "desgraçado" e afirmou: "Na próxima vez, vou é te matar".

 

No vídeo é possível ver Victor desferindo diversos chutes contra o corpo da vítima. A criança que grava as cenas pede ajuda, enquanto o menino agredido se encolhe no chão, numa tentativa de proteger a cabeça dos golpes.

 

“Eles moram um de frente pro outro, o adolescente chega em casa, assobia e grita para a mãe abrir o portão, e isso incomoda o rapaz”, explicou Eduardo Ribeiro Machado, 32 anos, servidor público e vizinho dos envolvidos.

 

Victor teria reclamado com o adolescente, o que motivou uma discussão. O garoto de 14 anos teria dito: "Você não vai me bater, porque não é meu pai". O agressor, então, teria respondido: "Você vai ver se eu não sou seu pai". Depois disso, o menor de idade foi para a quadra esportiva, o homem o seguiu e o espancou. Após o episódio, vizinhos cercaram a casa do acusado, quando os moradores indicaram que ele não estava em casa (veja aqui).

 

Veja o vídeo:

 

Histórico de Conteúdo