Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Quarta, 13 de Abril de 2022 - 10:05

Por 'histórico de parceria', Marinho quer vice de Neto mas diz que não há 'vaidade própria'

por Bruno Leite / Gabriel Lopes

Por 'histórico de parceria', Marinho quer vice de Neto mas diz que não há 'vaidade própria'
Foto: Bruno Leite / Bahia Notícias

A vaga de vice na chapa encabeçada por ACM Neto (UB) para a eleição ao governo da Bahia segue em aberto e movimentando os bastidores. Um dos nomes cotados na bolsa de apostas é do deputado federal Márcio Marinho, do Republicanos. O parlamentar garante que não "há nenhum tipo de vaidade própria" para ser o quadro escolhido para o posto, mas ressalta que o histórico de parceria entre o Republicanos e Neto, justifica o pleito da sigla pela indicação.

 

"O nosso partido tem histórico de parceria desde 2013 no primeiro mandato de Neto e no segundo, e agora no mandato de Bruno Reis. O histórico do partido, de lealdade, de compromisso com a cidade, que ajudou a transformar a cidade de Salvador, também nos achamos no direito - respeitando os outros partidos - de estar pleiteando essa indicação na chapa, na condição de vice, para nosso partido", disse o deputado durante conversa com a imprensa na manhã desta quarta-feira (13).

 

Marinho aproveitou a ocasião para comentar a situação de Marcelo Nilo, deputado federal que deixou o PSB, migrou para a base de ACM Neto e se filiou ao Republicanos tentando viabilizar seu nome para a vice. 

 

"É evidente que Marcelo Nilo veio para o partido, mas não veio com nenhuma condicionante de ser candidato a vice. Há um debate dentro do partido que o nome a ser indicado seja o nosso pelo histórico do partido, por ser um deputado que trabalhou bastante em quase 400 municípios. Estamos sempre conversando com o partido e acham que o melhor nome para ocupação da chapa é o de Márcio Marinho. Porém a escolha é do [ex-]prefeito e eu estarei à disposição para ajudar na gestão", acrescentou Marinho.

Histórico de Conteúdo